quarta-feira, 23 de outubro de 2019
Colunistas / Filosofia Popular
Rasta do Pelô

RASTA DO PELÔ se insere no contexto da FIFA também fala inglês-baianês

Tá todo mundo falando alguma coisa em inglês nessa Copa das Confederações o Rasta comprou até um dicionário no Sebo do Brandão
20/06/2013 às 10:48
Dona Céu chega em casa após o jogo do Brasil contra o México cheia de novidades e dizendo que pegou o "bus downtown" para chegar em nossa "house" aqui na "Box d'Water".

   Até desconfiei que a patroa estava ficando tan-tan, desmiolada. Então ela replicou que eu estava por fora, desatualizado, e que a FIFA tinha colocado placas em ruas e praças de Salvador com dizeres em inglês, alguns traduzidos à linguagem do inglês sulafricano de papai Joel Santana, tanto que "bus downtown" era o ônibus da Baixa (dos Sapateiros) que a conduz, diariamente, ao bairro da Caixa D'Água (Box d' Water).

   Abismei. - Tú tá falando sério mulher? 

   - Claro, minha comadre Todinha agora mora em Lilltle Dick (Pau Miúdo) e Terezinha costureira na Curuzu of Liberty (área do Curuzu no bairro da Liberdade) e como se diz que em inglês não se traduz nome próprio, dona Rafa parteira que mora no Pau da Lima reside agora no "Stick of Lima", e minha confidente e enfa Caline na "Mouse of River", que vem a ser a Boca do Rio.

   - Tú endoidou foi de vez mulher. Já viste alguém morar em "Stick of Lima" nem em "Mouse of River"! - questionei bem humorado.

   - Mulher não "woman". Já vi sim. É coisa da FIFA a "Feédèration Internacionale de Footbal Association" (a mulher quase quebra a língua para soletrar a descriação de FIFA) e se ela colocou esses nomes é porque está certa. Acho que você deve é se atualizar e acompanhar o que está acontecendo na cidade pra não ficar por fora dos jogos não só contra o "Japan", mas também contra o México a "Italy".

   - Que Japan mulher! Japão.

   - Japan em inglês. Italy em ingles. "Nagíria" em inglês para pronunciar Nigéria. É assim que está todo mundo falando na cidade, inclusive nós trabalhamos na "Slope of Pelô" que vem a ser nossa Ladeira do Pelourinho. Sacou!

   - Confesso que estou confuso e só ligando para meu conselheiro Badu, o intelectual de bigode, para umas explicações.

   - Ligue. Ligue pra ele, pro conselheiro Souza que fala italiano, pro causídico Zéu, pra quem você quiser, mas, essa é a "reality". Nos encontraremos mais tarde no "Yard of Jesus" - despediu-se a mulher dizendo que iria para o Terreiro de jesus fazer uns tererês em turistas e dando-me um bye-bye.

   Liguei urgente para Badu e lhe narrei o acontecido comentando que a tal da Fifa está mandando em tudo na velha Salvador.

   - Não se irrite com essas bobagens. Os caretas da Fifa estão mandando é no Brasil. Melhor é v comprar um pequeno dicionário de português-inglês, decorar algumas palavras e pronto - aconselhou-me dando risadas.

   Daí que fui direto ao Sebo de Sêo Brandão, na Ajuda, e comprei um "small dicionary" já saindo do local balbuciando algumas palavras em inglês. Quando cheguei na Ladeira da Praça me encontrei com a garçonete Márcia Dendê que se dirigia a Cantina da Lua e disparei: "Good morning". 

   - Maluqueceu pra tá falando que nem os gringos que vão na Cantina!
 - É isso "Miss Dendê", imposição da Fifa. Tá todo mundo falando um pouco de inglês nessa Copa das Confederações.

   - É verdade. Sêo Clarinho ensinou a gente que a cerveja custa "tú dólares" e a moqueca de arraia de rabo aberto "túente dólares", soletrou a garçonete falando que isso representa 4 reais e 20 vinte.

   Folhee-i o diconário e repliquei: Tú dólares não: "two" dólares soletrei t-w-o, e túente nada é "twenty" - t-w-e-n-t-y do understand?

   - Não vou comprar nenhuma estande. Vou é trabalhalhar. Passe bem e até logo. Sanquiú! Repetiu: "sanquiu I'm in a hurry".

   Corri ao dicionario e pelo que entendi, em gestos, Missa Dendê quiz dizer "thank you", obrigado, e algo como que estava com pressa.