quinta-feira, 05 de agosto de 2021
Política

SALVADOR SE APROXIMA DE VACINAR 1 MILHÃO DE PESSOAS CONTRA A COVID

Bahia registra 23.177 óbitos durante a pandemia do coronavirus
Tasso Franco , da redação em Salvador | 20/06/2021 às 19:00
Vacinação em Salvador com boa performance
Foto: Igor Santos
   MIUDINHAS GLOBAIS:

1. Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 4.567 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,4%) e 3.604 recuperados (+0,3%). O boletim epidemiológico deste domingo (20) também registra 73 óbitos. Apesar de as mortes terem ocorrido em diversas datas, a confirmação e registro foram realizados hoje. Dos 1.097.339 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.057.048 já são considerados recuperados, 17.114 encontram-se ativos e 23.177 tiveram óbito confirmado.

2. O boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.343.821 casos descartados e 231.880 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas deste domingo. Na Bahia, 50.384 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

3. O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 23.177, representando uma letalidade de 2,11%. Dentre os óbitos, 55,81% ocorreram no sexo masculino e 44,19% no sexo feminino. Em relação ao quesito raça e cor, 54,97% corresponderam a parda, seguidos por branca com 22,22%, preta com 15,42%, amarela com 0,42%, indígena com 0,13% e não há informação em 6,83% dos óbitos. O percentual de casos com comorbidade foi de 61,10%, com maior percentual de doenças cardíacas e crônicas (73,05%).
                                                   ******
4. As expectativas foram superadas com o mutirão de vacinação contra a covid-19, realizado no sábado, dia 19 de junho, em Eunápolis. A Secretaria Municipal de Saúde, em um único dia, imunizou a população com quase 3 mil doses, em 21 Unidades Básicas de Saúde espalhadas pela cidade.

5. "A Prefeitura de Eunápolis tem como  meta imunizar a população do município contra a covid-19 o quanto antes, e todos os esforços estão sendo feitos, disciplinados, pelo público a ser atendido, a exemplo da faixa etária que foi vacinada no mutirão, com idade à partir dos 50 anos, perdurando, todo período da manhã de sábado, indo até às 13 horas", informa nota da gestão municipal.

6. Foram aplicadas 2.940 doses do imunizante no público alvo, com idade inicial dos 50 anos, tendo pessoas de até 84 anos que foram vacinadas.

7. Com índice de 94,6%, Salvador é a cidade mais eficiente na aplicação de doses da vacina contra a Covid-19 na relação entre o quantitativo recebido e aplicado, em comparação com as outras capitais do país. De acordo com o levantamento do Ministério da Saúde, de 1.434.323 doses recebidas, a capital baiana já aplicou 1.356.726. Além de Salvador, apenas Campo Grande (MS) ultrapassou o índice de 90% - apresentando 92,4% no ranking.

8. Ontem (19), a cidade ultrapassou a marca de 957 mil pessoas imunizadas que receberam a primeira dose do imunizante – a segunda dose já abrangeu 408 mil cidadãos. Após alcançar os públicos prioritários, seguindo o Plano Nacional de Imunização, Salvador também tem avançado na vacinação por idade – neste domingo (20), recebem a primeira dose as pessoas com 48 anos, nascidas até 20 de fevereiro de 1973.

9. “Desde o início, entendemos que a vacinação é o caminho para vencermos a Covid-19 e fazer com que Salvador possa retomar todas as atividades e a rotina o mais rápido possível. É muito gratificante ver que esse esforço vem dando resultado, principalmente no sentido de preservar vidas. Vamos continuar trabalhando para, assim que chegarem, colocar rapidamente as doses no braço de cada um dos cidadãos”, destacou o prefeito Bruno Reis.

10. O resultado é fruto do esforço da Prefeitura, iniciado em janeiro deste ano, para imunizar com maior agilidade possível os cidadãos soteropolitanos, em uma das principais estratégias de enfrentamento à Covid-19 na cidade. Somente no quesito vacinação, os investimentos envolveram a aquisição de equipamentos, como ultrafreezers para acondicionamento dos imunizantes.

11. Além disso, foi montada uma megainfraestrutura de aplicação das doses, através da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) e com apoio de outros órgãos municipais. São mais de 1,5 mil profissionais envolvidos, disponibilizados diversos pontos de imunização drive-thru e fixos, implantação da vacinação em domicílio através do Vacina Express, e criação das ferramentas tecnológicas Hora Marcada, QR Code da Vacinação, Vacinômetro, Filômetro e o portal de cadastramento das comorbidades, dentre outras iniciativas.

12.  A partir das 8h desta segunda-feira (21), os 14 Postos de Saúde da Família (PSF) de Mata de São João estarão abertos para o reinício da vacinação contra a covide-19. O grupo a ser imunizado é o das pessoas com 49 anos de idade e mais, com as vacinas da Pfizer e Coronavac.

13. A decisão de vacinar apenas por critério de idade foi da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), que reúne gestores de saúde municipais e do Governo do Estado da Bahia.

14. De acordo com dados do Sistema Único de Saúde (SUS) desta sexta-feira (18), Mata de São João já vacinou, em primeira dose, 12.417 pessoas, o que representa 26,6% da população.

15. As pessoas devem comparecer aos postos munidas de documentos de identidade e do cartão do SUS. Todos os imunizantes recebidos pela Secretaria Municipal de Saúde nesta remessa são destinados às primeiras doses.

16. A Secretaria alerta que o atendimento será por ordem de chegada. “É importante que todos tenham paciência e respeitem o distanciamento social, para preservarem a própria saúde e não provocar tumulto e aglomerações”, recomenda a secretária da pasta Tatiane Rebouças.

17. Apenas os serviços essenciais devem funcionar em 23 municípios da região de Guanambi a partir do último sábado (19). Fica determinada também a restrição de locomoção noturna das 20h às 5h. As medidas, que têm o objetivo de conter a disseminação da Covid-19 na região, serão publicadas em decreto no Diário Oficial do Estado (DOE) deste sábado (19).

18. As restrições valem até o dia 1º de julho, nos municípios de Botuporã, Caculé, Caetité, Candiba, Carinhanha, Feira da Mata, Guanambi, Ibiassucê, Igaporã, Iuiu, Jacaraci, Lagoa Real, Licínio de Almeida, Malhada, Matina, Mortugaba, Palmas de Monte Alto, Pindaí, Riacho de Santana, Rio do Antônio, Sebastião Laranjeiras, Tanque Novo e Urandi.

19. Também fica proibida, nesses 23 municípios, a venda de bebida alcoólica em quaisquer estabelecimentos, inclusive por sistema de entrega em domicílio (delivery) ou em depósitos e distribuidoras, até as 5h de 1º de julho. Os estabelecimentos comerciais que funcionem como restaurantes, bares e congêneres poderão operar apenas de portas fechadas, na modalidade de entrega em domicílio (delivery), até as 24h.

20. Já os estabelecimentos que funcionem como mercados devem comercializar somente gêneros alimentícios, bebidas não alcoólicas e produtos de limpeza e higiene, sendo vedada a venda de bebidas alcoólicas. Esses estabelecimentos devem isolar seções, corredores e prateleiras nos quais estejam expostos os produtos não enquadrados como gêneros alimentícios ou produtos de limpeza e higiene.

21. A lotação máxima permitida em cada estabelecimento comercial, de serviços e financeiro, como mercados e afins, bancos e lotéricas, cujo funcionamento esteja autorizado, deverá ser definida em ato editado por cada Município, considerado o tamanho do espaço físico, com o objetivo de evitar aglomerações.