quinta-feira, 05 de agosto de 2021
Cultura

MENINOS REI EXALTA ANCESTRALIDADE AFRICANA EM ESTREIA NA FASHION WEEK

Marca baiana faz sua primeira participação no evento na próxima quarta-feira (23), às 19h50
Cris Felix , Salvador | 20/06/2021 às 19:14
Meninos Rei - L'ojú Esú
Foto: Júnior Rocha

Há seis anos, o toque para Exú entoado pelos atabaques anunciava o primeiro desfile da recém lançada marca Meninos Rei, criada na Bahia pelos irmãos Júnior e Céu Rocha. Hoje, o orixá da comunicação, da linguagem, aquele que passa a mensagem e abre caminhos, é o tema da coleção “L’oju Esú”, tradução do iorubá para “Aos olhos de Exú”, que marca a estreia da Meninos Rei no evento de moda mais importante da América Latina: a São Paulo Fashion Week.

 

A marca estreia oficialmente no evento na próxima quarta-feira (23), às 19h50, apresentando o seu fashion filme com uma coleção-cápsula de cinco looks. Essa será a 51ª edição do evento que, pela segunda vez, é realizado de forma digital em função da pandemia. De 23 a 27 de junho, as 43 marcas do line-up apresentam suas criações em uma programação transmitida ao vivo através das plataformas digitais da SPFW (site spfw.com.br, YouTube e Facebook).  

 

Inspirada no movimento que a Meninos Rei atravessa, de trilhar novas possibilidades, a coleção exalta a ancestralidade dos criadores em uma homenagem ao orixá Exú e apresenta peças marcadas pelo exagero, intensidade e sensualidade. “Essa coleção é uma ode à nossa ancestralidade africana e a Exú, que sempre esteve olhando por nós e nos conduziu pelo caminho que nos trouxe até aqui”, destaca Júnior Rocha.

 

Novas modelagens nunca antes experimentadas pela marca, como a de ombros estruturados, dão ar altivo e imponente às peças. O dualismo aparece em composições nada óbvias, aflorando uma atmosfera de sensualidade e brincando com as possibilidades de um corpo livre. Os tecidos africanos, nessa coleção originários da Guiné-Bissau, e o patchwork, marca registrada da Meninos Rei, chegam em um mosaico de estampas ainda mais vibrante, com misturas quentes e explosivas, em que as cores se fundem em uma só, trazendo dúvidas de início e fim.

 

Fashion Filme - “Tudo transita pelo viés das possibilidades, da ousadia, da liberdade, assim como é Exú. A essência da produção, desenvolvida por nós, pelo stylist Thiago Ferraz e seu assistente Gabriel Fabosa, aponta para a uma estética afro futurista, em que a profusão de informações transborda para além da roupa, causando um impacto visual chocante, imprimindo a imagem desse Exú high-tech, moderno, cosmopolita e tão presente no nosso movimento contemporâneo”, explica o designer de moda Céu Rocha.

 

Com pouco mais de dois minutos e meio, o filme teve concepção dos irmãos Rocha e foi dirigido por Ricardo Souza. Nele, os modelos Rodrigo Somália e Marcelo Lima desfilam cinco looks diferentes que ganham ainda mais significação com adereços de cabeça desenvolvidos pela designer baiana Kelba Varjão. Nos pés, completam os looks as sandálias Melissa que aparecem em composição com as meias da Casa das Kapulanas. Os acessórios são assinados pela Algaszarra.

 

Além dos modelos, o filme traz o bailarino Yuri Santanna, que entrega seu corpo com força e voracidade ao som da trilha desenvolvida pelo DJ baiano Telefunksoul. Beauty e hair são assinados por Ian Silva e Guilherme de Oliveira, respectivamente.

 

Projeto Sankofa - A Meninos Rei participa do SPFW a convite do Projeto Sankofa, idealizado pelo coletivo Pretos na Moda e pela startup de inovação social VAMO (Vetro Afro-Indígena na Moda), que selecionou oito marcas em todo o Brasil para um movimento que abre espaço para estilistas negros e indígenas nas passarelas do SPFW. Como parte do projeto, a marca foi amadrinhada pelo estilista João Pimenta, que orientou os criadores, partilhou conhecimento e contribuiu com o desenvolvimento da coleção especial para a SPFW.

 

Junto com ele, em São Paulo, a Meninos Rei realizou o sonho de cocriar uma peça especial que integra a coleção: um macacão em tecido africano, que recebeu modelagem sofisticada, com gola de blazer e os punhos de camisa, em um look super ousado, moderno e fora do convencional.