ter�a-feira, 30 de novembro de 2021
Bahia

ALMOÇO MARCA ENCONTRO DOS AMIGOS DE SERRINHA NO BOTECO DO CARANGUEJO

Uma tarde de humor e troca de figurinhas no bairro da Pituba, em Salvador
Tasso Franco , da redação em Salvador | 20/11/2021 às 18:24
Valeu turma bronzeada e de cabelos brancos
Foto: BJÁ
  A coordenação executiva do Encontro dos Amigos de Serrinha e serrinhenses participaram de um almoço neste sábado, no Restaurante Boteco do Caranguejo, Pituba, para sua confraternização de final de ano desta feita, evento menor por conta da pandemia do coronavirus, e sem homenageados como vem acontececendo, tradicionalmente.

  Foi um evento simples, porém, animado para não deixar passar a data em branco uma vez que não foi realizado o grande encontro, em 2020 - novamente por conta do virus letal SARS/Covid - e a turma estava com saudade dos papos, do brinde do final do ano e da troca de figurinhas. Felizmente, todos vivos e atravessando a pandemia com otimismo por um Brasil melhor, doravante.

   Jucileide Caldas - uma das mais ativas - insistiu para que Acácio, o barbeiro, desse alguma risada e um dos coordenadores do Econtro, Jorge Matos, não dispensou a cervejinha super-gelada. Reclamou bastante das garçonetes do Boteco do Caranguejo diante da demora em atendê-lo, mas, ainda assim saiu satisfeito dizendo que estava guardando a fome para saborear um carneiro quando chegasse em casa.

   Os demais, salvo engano, forraram as barrigas por lá. A batata gourmet Janaina - pareceu-nos - a mais pedida e dom Franquito, mais adiante, falará dela. João de Deus se fartou nas lambretas; e o Vilela e o Emilio nos pastéis e nos espetinhos. Ah! Ruy Pinheiro, chegou cedo de Jauá e passou das 13h fez sua pedida. 
Valdemir também não deu bobeira; e Joceval, tascou um salmão. 

   Valeu. Tudo agradável, de alto humor, ainda que Jucileide não tenha conseguido que Acássio desse uma risada. Fica para 2022. (TF)