quarta-feira, 23 de junho de 2021
Bahia

FEIRA: Pessoas com anemia falciforme acima de 45 ANOS SÃO VACINADAS

O secretário Municipal de Saúde, Marcelo Britto, informou na manhã desta terça-feira (11) a suspensão imediata do uso da vacina AstraZeneca/Oxford em gestantes
Tasso Franco , da redação em Salvador | 11/05/2021 às 18:56
Vacinação em Feira
Foto: SECOM
  O secretário Municipal de Saúde, Marcelo Britto, informou na manhã desta terça-feira (11) a suspensão imediata do uso da vacina AstraZeneca/Oxford em gestantes. A decisão segue nota técnica emitida  pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) na noite de ontem (10).

Segundo o documento, a orientação é que "seja seguida pelo Programa Nacional de Imunização (PNI) a indicação da bula da vacina AstraZeneca e que a orientação é resultado do monitoramento de eventos adversos feito de forma constante sobre as vacinas Covid em uso no país".

Marcelo Britto afirma que a vacinação para as gestantes será com doses da CoronaVac, produzida pelo Instituto Butantan. Os outros grupos da fase do Plano Municipal continuam sendo vacinados com a AstraZeneca/Oxford.

FALCIFORME

Nesta quarta-feira, 12, pessoas com anemia falciforme, entre 45 e 49 anos, grávidas, puérperas e lactantes com comorbidades (maiores de 18 anos) e pessoas com comorbidades, acima de 45 anos, podem receber a primeira dose da vacina contra a Covid-19.

A vacinação para quem possui anemia falciforme será realizada nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs). É necessário apresentar relatório médico, RG, CPF e comprovante de residência.

Grávidas, puérperas e lactantes com comorbidades e pessoas com comorbidades continuam sendo vacinadas nas UBSs e na UniFTC, na avenida Artêmia Pires. Para receber a dose, é necessário apresentar relatório médico, RG, CPF e comprovante de residência.

Para evitar aglomeração, o fluxo da vacinação é dividido por data de nascimento. Das 8h às 12h estão sendo vacinados aqueles que nasceram entre os meses de janeiro a junho. Das 13h às 17h os que nasceram nos últimos seis meses do ano.

Transplantados e pessoas com deficiência intelectual moderada e severa, incluindo autistas, a vacinação para esse público aumentou e, agora, quem tem entre 45 e 59 anos pode ser vacinado, com a apresentação de receita ou relatório médico, RG, CPF e comprovante de residência.

No caso das pessoas com deficiência intelectual moderada e severa, incluindo autistas, é necessário apresentar cópia do laudo que atesta o comprometimento de saúde e o comprovante de que é beneficiário do BPC - Benefício de Prestação Continuada.

A vacinação para este público será realizada exclusivamente em quatro Unidades Básicas de Saúde (UBSs), são elas: Cassa, Caseb 1, Irmã Dulce e Baraúnas, das 8h às 17h.