quinta-feira, 06 de maio de 2021
Colunistas / Miudinhas
Tasso Franco

PRESIDENTE BOLSONARO PRATICA TIRA AO ALVO E DIZ QUE ESTÁ BEM NA NOTA

HGRS oferece teleconsultas a partir desta quarta-feira, 29
28/04/2020 às 09:57
 MIUDINHAS GLOBAIS:

   1. O presidente Jair Bolsonaro visitou um estande de tiro na manhã desta terça-feira, onde praticou a modalidade. Bolsonaro deixou o Palácio da Alvorada por volta das 7h45 e dirigiu-se para o Estande de Tiro General Darcy Lázaro, mesmo local em que o ocorre o treinamento da equipe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI).

  2. Depois, publicou um vídeo em sua conta no Facebook em que comemorou o seu desempenho no treino:

  3. — Dez tiros, o pior foi oito. Está bom, né? — disse, apontando um dos círculos mais distante do centro do alvo.

   4. A visita, que não consta agenda oficial, ocorre no mesmo dia em que Bolsonaro nomeou André Mendonça para o Ministério da Justiça e Alexandre Ramagem para a Polícia Federal (PF), em substituição, respectivamente, de Sergio Moro e Maurício Valeixo. 

  5. O treino também ocorreu após a procuradora-regional da República Raquel Branquinho enviar uma representação à Procuradoria da República no Distrito Federal (PR-DF) apontando indícios de que o presidente violou a Constituição ao interferir no Exército, no episódio em que a instituição revogou três portarias sobre o controle de armas e munição, atendendo a uma determinação de Bolsonaro. Há pelo menos dois procedimentos na procuradoria do DF que investigam o caso
                                                      ******
   6. O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), autorizou a instauração de inquérito pedido pelo procurador-geral da República, Augusto Aras, para apuração de fatos noticiados pelo ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sérgio Moro em pronunciamento ocorrido na última sexta-feira (24), quando anunciou sua saída do governo e fez acusações ao presidente da República, Jair Bolsonaro. 

   7. Segundo Aras, os supostos atos apontados por Moro revelariam a prática, em tese, de ilícitos como falsidade ideológica, coação no curso do processo, advocacia administrativa, prevaricação, obstrução de Justiça e corrupção passiva.

  8. O decano do STF determinou a realização da diligência inicial requerida por Aras, no prazo de 60 dias, pela Polícia Federal, que deverá ouvir o ex-ministro, a fim de que apresente manifestação detalhada sobre os termos do pronunciamento, com a exibição de documentação idônea que eventualmente possua acerca dos eventos em questão.

   9. Em seu despacho, o ministro Celso de Mello afirma que o constituinte republicano, "com o intuito de preservar a intangibilidade das liberdades públicas e a essência da forma de governo, sempre consagrou a possibilidade de responsabilização do Presidente da República em virtude da prática de ilícitos penais comuns e de infrações político-administrativas".

  10. Representantes de 19 estados, da União e da Procuradoria-Geral da República participaram nesta segunda-feira (27), por videoconferência, da audiência de composição convocada pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), relativa à sua decisão de suspender por 180 dias o pagamento de parcelas da dívida dessas unidades da federação com o governo federal, para que os recursos sejam utilizados em ações de prevenção, contenção, combate e mitigação à pandemia causada pelo novo coronavírus (Covid-19). 

   11. Ao final da audiência, o ministro fixou prazo até a próxima segunda-feira (4/05) para que as partes discutam a proposta inicial de acordo apresentada pela União e se manifestem em conjunto.

   12. Na abertura do encontro, o presidente do Supremo, ministro Dias Toffoli, destacou que a situação é complexa e é preciso encontrar uma solução conjunta para as questões federativas surgidas neste momento.

   13. O ministro Alexandre de Moraes, por sua vez, observou que os estados necessitam de recursos para enfrentar a pandemia e os reflexos sociais e econômicos decorrentes das medidas de isolamento social. 

   14. Ele ressaltou a necessidade de pactuação entre estados e União para enfrentar a chamada segunda onda, pois após essa fase emergencial de combate à Covid-19, será necessário adotar providências para superar os duros efeitos em diversos setores da economia. “Quem vai ganhar é a população, que está precisando de uma injeção de recursos para a saúde e a economia”, disse o relator.

  15. O pré-candidato a prefeito de Salvador pelo Podemos, deputado federal Bacelar, se uniu ao "1° de Maio Solidário", ação promovida pela União Geral dos Trabalhadores ( UGT-BA) para a arrecadação de alimentos, material de higiene e máscaras, que serão destinados aos sindicatos que representam ambulantes, portuários independentes e músicos, categorias mais afetadas pela crise do coronavírus. As doações estão sendo recebidas até sexta-feira ( 1°), no edifício Telematic, na avenida Carlos Gomes, em sistema drive thru, para evitar aglomeração.

   16. " A política ficou pra depois. Agora, o momento é de união, de troca, para minimizar o sofrimento de pais e mães de família que perderam o seu sustento. Os soteropolitanos sempre foram solidários e estão mostrando isso", ressaltou Bacelar.

  17. No feriado do Dia do Trabalhador, das 7h às 14h, a UGT-BA realiza uma live pelo Facebook para discutir as consequências da crise sanitária nas relações de emprego. Durante o evento, a ex-candidata à Presidência da República, Marina Silva, e o deputado federal Bacelar serão homenageados, pelo trabalho que desenvolvem em defesa dos direitos dos trabalhadores.

  18. O Hospital Geral Roberto Santos (HGRS) oferecerá, a partir desta quarta-feira, 29, teleconsultas para novas especialidades. O serviço conta, agora, com atendimento adulto de coloproctologia, cardiologia, cirurgia geral, gastroenterologia, oftalmologia, urologia, endocrinologia, cirurgia vascular, reumatologia, neurocirurgia e neurologia. Na pediatria, há infectologia, cardiologia, pneumologia, neurologia, hematologia, endocrinologia e nefrologia.

   19. A assistência online – em consonância com o Conselho Federal de Medicina (CFM) e o Ministério da Saúde (MS) – é direcionada para pacientes que já são atendidos no ambulatório da instituição. Nesse âmbito, os médicos podem emitir atestados ou receitas médicas em meio eletrônico.

   20. A agenda, com dias e horários destinados a cada especialidade, está disponível nas redes sociais oficiais da unidade (@hospitalrobertosantos, no Facebook e Instagram). Em caso de necessidade, o usuário já pode entrar em contato pelo e-mail fiqueemcasa@saude.ba.gov.br ou, no momento da teleconsulta, pelo telefone 71 99120-4993 (apenas WhatsApp).