quinta-feira, 06 de maio de 2021
Colunistas / Miudinhas
Tasso Franco

CORONAVIRUS: NÚMERO DE MORTES SOBE PARA 1.141 NO BRASIL, 21 NA BAHIA

Já existem pessoas infectadas com coronavirus em 70 municípios baianos
11/04/2020 às 18:42
MIUDINHAS GLOBAIS:

   1. Foram 1.089 novas confirmações em 24 horas. São Paulo concentra a maior parte das notificações da lista nacional e apenas Tocantins não tem óbito pela doença no país.

   2. Subiu para 20.727 o número de casos confirmados de coronavírus no Brasil. Foram 1.089 novas confirmações em 24 horas. O número de óbitos também aumentou, agora são 1.124. Os números estão consolidados com as informações que foram repassadas pelas Secretarias Estaduais de Saúde ao Ministério da Saúde até às 14h deste sábado (11). Núero chega a 1.141 mortos no domingo.

   3. A maior parte das notificações da lista nacional está em São Paulo, com 8.419 casos confirmados e 560 mortes. Apenas o estado de Tocantins não tem, até o momento, óbito pela doença, mas também registrou casos confirmados, assim como todos os demais estados brasileiros.

  4. Do total de casos, 4.436 (12%) estão em estado grave, necessitando de internação em hospitais de referência em todo o Brasil. Atualmente, dos 1.124 óbitos confirmados, 75% ocorreram em pessoas com mais de 60 anos e, 74% do total das vítimas apresentavam pelo menos um fator de risco.

  5. Pessoas acima de 60 anos se enquadram no grupo de risco, mesmo que não tenham nenhum problema de saúde associado. Além disso, pessoas de qualquer idade que tenham comobirdades, como cardiopatia, diabetes, pneumopatia, doença neurológica ou renal, imunodepressão, obesidade, asma e puérperas, entre outras, também precisam redobrar os cuidados nas medidas de prevenção ao coronavírus.
                                                        *****
  6. BAHIA: A Bahia registra 640 casos confirmados do novo coronavírus (Covid-19), o que representa 6,82% do total de casos notificados. Até o momento, 3.405 casos foram descartados e houve 21 óbitos, sendo 11 do município de Salvador e dez nos municípios de Lauro de Freitas (2), Gongogi (1), Itapetinga (1), Utinga (1) e Adustina (1), Araci (1), Itagibá (1), Uruçuca (1) e Ilhéus (1). Dos casos confirmados, 66 são profissionais de saúde

  7. Este número contabiliza todos os registros de janeiro até as 17 horas deste sábado (11). Ao todo, 146 pessoas estão recuperadas e 60 encontram-se internadas, sendo 29 em UTI. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais.

   8. Os casos confirmados estão distribuídos em 70 municípios do estado, com maior proporção em Salvador (55,16%). Quanto ao sexo dos casos confirmados, 340 (53,12%) são do sexo feminino. A mediana de idade é 39 anos, variando de 4 dias a 96 anos. 

   9. A faixa etária mais acometida foi a de 30 a 39 anos, representando 28,59% do total. Porém, o coeficiente de incidência por 100 mil habitantes foi maior na faixa de 50 a 59 anos (8,13/100.000 hab), indicando o maior risco de adoecer entre essa faixa etária.

   10. Ressaltamos que os números são dinâmicos e, na medida em que as investigações clínicas e epidemiológicas avançam, os casos são reavaliados, sendo passíveis de reenquadramento na sua classificação. Outras informações em saude.ba.gov.br/coronavirus.

   11. O vereador Odiosvaldo Vigas (PDT) propôs hoje (11) que a Contribuição de Iluminação Pública Municipal (Cosip), cobrada nas contas de energia elétrica da Coelba, seja utilizada temporariamente como benefício social na luta contra o Coronavírus Covid-19. 

  12. “Que se faça uma análise técnica e legal por parte da Prefeitura e que essa taxa seja usada para garantir por mais três meses o auxílio às pessoas atendidas pelos programas sociais nessa situação de pandemia mundial. Como o governo estadual já garantiu três meses de isenção nas contas de luz para a camada social de baixa renda, minha proposta, se for acolhida pelo prefeito ACM Neto, resultaria em benefícios por seis meses seguidos”.

   13. Afora essa sugestão, o edil lembra que o decreto municipal assinado em 9 de abril garante aos trabalhadores da limpeza urbana e outros o uso de máscaras de proteção. “Entendo, então, que as empresas devem fornecer gratuitamente os equipamento aos seus empregados”.

   14. Os principais cemitérios administrados pela Prefeitura – localizados em Brotas, Itapuã, Periperi e Plataforma – passam por ações de desinfecção com hipoclorito de sódio para combate ao coronavírus a partir desta semana. 

   16. Os coveiros também vão receber roupas especiais e equipamentos de proteção individual (EPIs) para a realização dos sepultamentos. As iniciativas são realizadas pela Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop) e pela Empresa de Limpeza Urbana de Salvador (Limpurb).

    17. A ação faz parte do pacote de medidas desenvolvido pela administração municipal no enfrentamento ao coronavírus. As estações de transbordo da Lapa, Mussurunga, Pirajá e Acesso Norte estão sendo contempladas com a higienização desde o mês passado, além dos entornos de Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), postos de saúde e hospitais públicos e privados, entre outros estabelecimentos com circulação de pessoas. Os serviços prosseguem por tempo indeterminado.⁣

⁣   18. "Com a pandemia, não temos registrado aglomerações. No entanto, a população ainda realiza deslocamentos e transita por áreas como estações e pontos de trem e ônibus, unidades de saúde, praças e mercados populares. Daí a importância do trabalho de desinfecção nesses locais e entorno", esclarece o secretário da Semop e presidente da Limpurb, Marcus Passos.