ter?a-feira, 14 de julho de 2020
Colunistas / Esportes
Zé de Jesus Barrêto

SAI CORONGA ! A BOLA PEDE PASSAGEM

A Juventus parte para ser a campeã da Itália na temporada 2020
14/06/2020 às 19:21
São mais três meses, 90 dias sem futebol profissional na Bahia. O Campeonato Baiano e Copa do Nordeste, que estavam em andamento, foram suspensos em março com a chegada, o terror da pandemia Covid 19. Há muita ansiedade e expectativa pelo retorno das atividades, mas, pelo que estamos vivendo, ainda demora. O número alarmante dos casos de contaminação e mortes não nos dão segurança para que tenhamos já uma vida normal. Fato.  

Enquanto isso...

- Os elencos da dupla Ba Vi voltaram aos Centros de Treinamento dos clubes, essa semana, para a realização dos testes, exames médicos que permitam a liberação dos elencos, aos poucos, na retomada dos treinamentos coletivos. Um primeiro bom sinal. 

 - No Bahia, estado de alerta:  81 pessoas – entre atletas, comissão técnica e funcionários – submeteram-se aos testes Covid. A direção do clube divulgou que dois atletas, cujos nomes foram preservados e estão sem sintomas, e mais três funcionários deram positivo. Cinco atletas já tiveram o vírus e superaram a moléstia; assim, estariam imunizados, em princípio.  Os afetados receberam orientações médicas, estão em isolamento e observação por 14 dias. 

 *

  - O Bahia, na primeira divisão do futebol brasileiro, é hoje o 10º colocado no ranking da CBF. O último jogo da equipe foi no dia 14 de março, na Arena das Dunas, em Natal contra o América (RN) pelo Nordestão; 2 x 0, com gols de Élber e Juninho Capixaba. Alguém lembrava? 

 *
 
 - No retorno, os torcedores podem ter surpresas no elenco profissional do Tricolor e do Rubro-negro, em função do desmanche das equipes sub-23 que estavam disputando o Campeonato Baiano. Do chamado elenco de aspirantes alguns que se destacaram foram puxados para o elenco profissional. Outros, com contrato findando ou que estavam emprestados nem devem se reapresentar.  

 - As comissões técnicas, sob o comando de Roger Machado (Bahia) e Geninho (Vitória) fazem as avaliações finais fechando elencos enxutos para o final dessa temporada, certamente recomeçando no segundo semestre, se Deus quiser e o coronga permitir.   
     
**
Na Europa

- Depois da volta do Campeonato Alemão, em suas derradeiras rodadas com o Bayern Munique já virtualmente campeão, na ‘bota’ já aconteceram dois jogos que definiram os finalistas – Juventus e Napoli – da Copa Itália. 

  Dai, segue a retomada do Campeonato Italiano, em reta final, a Juve na liderança. 

- O Campeonato Espanhol também recomeçou, com os triunfos significativos da dupla de linha de frente: o Barcelona de Messi e o Real Madrid de Zidane – e dos brasileiros Marcelo, Casemiro, Rodrygo e Vinícius Jr. Terça à tarde tem o Barça na telinha, vale a pena ver, é bom futebol. 

 - Na reabertura da Liga Inglesa, próxima quarta-feira à tarde, teremos o clássico Manchester City x Arsenal. 

Todos os jogos estão acontecendo com cautelas, sem torcedores nas arquibancadas, só transmissão pela TV; mas com rivalidades e bola bem jogada em campo.

**

   Falou e disse 

  À equipe dos “ Galáticos on Line”, essa semana, o ex-atleta e eterno ídolo da nação tricolor Douglas Franklin, 70 anos, hepta-campeão na década de 70 e segundo maior artilheiro da história do clube (mais de 250 gols marcados, segundo ele; em jogos oficiais seriam 211), deu seu recado: 

 - Sobre o presidente M B : - “... Um bom administrador e marqueteiro, mas de futebol não entende nada “. 

- Sobre as ações de engajamento social do clube : -“ A torcida do Bahia não quer um clube social, ela quer e torce por um time de futebol.”

-  Mais : - “O Bahia se tornou um clube muito político. Futebol não é política, é esporte.” 

- Sobre a bola de hoje: - “ O futebol não ficou moderno, ficou foi mais corrido, e o talento em campo diminuiu”.