quinta-feira, 12 de dezembro de 2019
Turismo

Regata Jacques Vabre bate recorde de participantes na 14ª edição

A premiação dos vencedores foi realizada na noite desta quarta-feira (13),
Comunicação Governo da Bahia , Salvador | 14/11/2019 às 09:34
Regata Jacques Vabre bate recorde de participantes na 14ª edição
Foto: Paula Fróes
A regata Jacques Vabre bateu recorde de participação em 2019. Nesta 14ª edição, 59 barcos navegaram por 8 mil quilômetros entre a região da Normandia, na França, e Salvador, usando como única forma de propulsão a força dos ventos. A premiação dos vencedores foi realizada na noite desta quarta-feira (13), no Porto Salvador Marina, na Cidade Baixa.
  No evento, o diretor de qualificação de segmentos turísticos da Secretaria do Turismo (Setur), Jorge Ávila, destacou os esforços do Governo da Bahia para incentivar o turismo náutico e atrair competições como a Jacques Vabre. "Esses eventos têm resultados interessantes. Eles geram empregos e renda. Nesta regata, nós temos aproximadamente 100 empregos diretos. Além disso, recebemos os competidores, os familiares e também os jornalistas, movimentando todo o mercado de turismo, hotéis, bares e restaurantes".
  A jornalista francesa Karima Saidi é uma das representantes da imprensa internacional na cobertura do evento. "É a segunda vez que eu cubra essa regata. Estou aqui com uma colega de trabalho, que é cinegrafista. A gente produz para o nosso canal, a France 3 Normandia, mas nós fazemos parte de um grupo nacional que abrange toda a França e o nosso material é aproveitado de acordo com cada região", disse.
  O porta-voz da regata, Flávio Peres, explicou que a competição é realizada "de dois em dois anos e sempre visita um país produtor de café. Por oito vezes, o Brasil sediou essa regata. Esta já é sexta vez em Salvador". Segundo ele, a Jacques Vabre é a maior regata em duplas do mundo. "Este ano nós batemos o recorde de participação, com 59 barcos de 11 países. Foram 8 mil quilômetros de percurso em três categorias".
 
Classificação
 
Os primeiros a chegar foram os três da categoria Multi50. A dupla vencedora, Gilles Lamiré e Antoine Carpentier, cruzou a linha de chegada na madrugada do último dia 8, com o barco Goupe CGA - Mille et un Sourires. Cerca de dez horas depois, no fim da manhã do mesmo dia, chegou o segundo lugar, o barco Solidaires em Peloton, da dupla Thibaut Vauchel-Camus e Fred Duthil. O terceiro e último foi o Primonial, que chegou na manhã do dia 9, pilotado por Sébastien Rogues Matthieu Souben.
  Já o primeiro barco da categoria Imoca, o Apivia, da dupla Charlie Dalin e Yann Eliès, chegou na noite do dia 9, às 21h23. Depois dele, já cruzaram a linha de chegada mais 14 barcos desta classe, entre domingo (10) e segunda-feira (11).
  Ainda há velejadores no percurso e devem chegar nos próximos dias. A premiação oficial da regata vai ocorrer em dezembro, na França. A prova internacional tem apoio do Governo da Bahia, por meio da Setur, responsável pela montagem da infraestrutura no Porto Salvador Marina. A classificação completa pode ser conferida no site da regata (www.transatjacquesvabre.org/br).