quarta-feira, 21 de abril de 2021
Colunistas / Miudinhas
Tasso Franco

BRASIL TEM NOVO RECORDE DE MORTES PELA COVID: 3. 780; BAHIA 120 ÓBITOS

O vice-líder do PP na Assembleia, deputado Niltinho, parabeniza o Governo do Estado, através de moção, por destinar mais de R$ 410 milhões em bolsas e auxílios para estudantes da Educação Básica.
30/03/2021 às 21:21
 1. Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 3.924 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,5%) e 4.026 recuperados (+0,5%). O boletim epidemiológico desta terça-feira (30) também registra 120 mortes. Apesar de terem ocorrido em diversas datas, a confirmação e registro das mortes foram realizadas hoje. Dos 799.429 casos confirmados desde o início da pandemia, 769.689 já são considerados recuperados, 14.570 encontram-se ativos e 15.170 tiveram óbito confirmado.

   2.O boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.121.208 casos descartados e 184.236 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas desta terça-feira.

  3.  Na Bahia, 45.415 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

  4. O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 15.170, representando uma letalidade de 1,90%. Dentre os óbitos, 55,62% ocorreram no sexo masculino e 44,38% no sexo feminino. Em relação ao quesito raça e cor, 54,76% corresponderam a parda, seguidos por branca com 21,46%, preta com 15,25%, amarela com 0,50%, indígena com 0,13% e não há informação em 7,90% dos óbitos. 

  5. O percentual de casos com comorbidade foi de 67,65%, com maior percentual de doenças cardíacas e crônicas (74,01%).

  6. A existência de registros tardios e/ou acúmulo de casos deve-se a sobrecarga das equipes de investigação, pois há doenças de notificação compulsória para além da Covid-19. Outro motivo é o aprofundamento das investigações epidemiológicas por parte das vigilâncias municipais e estadual a fim de evitar distorções ou equívocos, como desconsiderar a causa do óbito um traumatismo craniano ou um câncer em estágio terminal, ainda que a pessoa esteja infectada pelo coronavírus.
                                                      *****
  7. O Brasil bateu mais um recorde nesta terça-feira (30) e registrou 3.780 mortes na pandemia de covid-19 em 24 horas, elevando o total de vítimas a 317.646, informou o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass).

  8. Este é o maior número de vítimas contabilizado em um dia desde o início da emergência sanitária, em março de 2020.
Em relação aos casos, o País acumula 12.658.109 infecções, com um acréscimo de 84.494 contágios entre ontem e hoje.
                                                 *****
  9. O Centro de Operações de Emergência em Saúde da Bahia (Coes) emitiu nota técnica, recomendando a não prescrição dos medicamentos cloroquina, hidroxicloroquina, nitazoxanida e ivermectina para pacientes com quadro confirmado de Covid-19, internados em unidades estaduais, ou contratualizadas pela Secretaria da Saúde da Bahia (Sesab), sem outro diagnóstico que justifique seu uso.

  10. A medida levou em consideração o acúmulo de evidências científicas da ausência de eficácia e o potencial malefício do emprego desses fármacos em pacientes com Covid-19. A recomendação foi publicada nesta terça-feira (30) no endereço eletrônico da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (www.saude.ba.gov.br/coronavirus) e pode ser consultada como Nota Técnica 86.

   11. O documento ressalta que não há benefícios clínicos no uso desses medicamentos para o tratamento da Covid-19 e remete ao Código de Ética Médica, no seu capítulo II, Direito dos Médico, inciso II, que evidencia ser direito do médico “Indicar o procedimento adequado ao paciente, observadas as práticas cientificamente reconhecidas e respeitada a legislação vigente.”
                                                   ******
  12. Os bares e restaurantes de Salvador vão voltar a funcionar a partir da próxima segunda-feira (5). Este foi o tema hoje (30) de um encontro virtual entre o presidente da Câmara Municipal de Salvador, Geraldo Júnior (MDB), e o presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes/Ba (Abrasel/Ba), Luiz Henrique do Amaral.  A expectativa dos empresários do setor na cidade é que o funcionamento dos bares e restaurantes seja até às 22h00.

  13. Representantes de associações de empresários de diversos setores estão dialogando com a secretária municipal de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda, Mila Paes, sobre os protocolos para a retomada das atividades comerciais em Salvador. Geraldo Júnior tem intermediado junto à Prefeitura as demandas de empresários de diferentes setores da economia.

  14. O horário de funcionamento é um pleito dos empresários de bares e restaurantes que leva em consideração os horários de frequência dos clientes. Com esse horário de abertura (22h00) serão minimizados os prejuízos para a economia do setor e para a renda também de diversos profissionais, como garçons", afirma Geraldo Júnior.
                                                                            *****
  15. O vice-líder do PP na Assembleia Legislativa da Bahia, deputado Niltinho, parabeniza o Governo do Estado, através de moção, por destinar mais de R$ 410 milhões em bolsas e auxílios para estudantes da Educação Básica.

  16. A medida faz parte do programa Estado Solidário, que tem como objetivo apoiar os setores da sociedade mais impactados pelo atual momento de crise econômica. Para minimizar os efeitos da pandemia da Covid-19, foi anunciado pelo governador um novo programa de apoio aos estudantes de Educação Básica com famílias em condições de vulnerabilidade socioeconômica.

  17. Será oferecida uma bolsa no valor de R$ 150,00 a 292.987 alunos que foram cadastrados no CadÚnico, com o objetivo de fortalecer o vínculo com a escola e evitar o abandono escolar.
O Consórcio Nacional de Vacinas das Cidades Brasileiras (Conectar) empossou a nova diretoria em cerimônia virtual realizada nesta terça-feira (30). Um dos membros é o prefeito de Salvador, Bruno Reis, que se torna o vice-presidente para as capitais da Região Nordeste do grupo, liderado pela Frente Nacional de Prefeitos (FNP).

   18. Na ocasião, foi anunciada a doação de R$4 milhões ao Conectar pela Natura & Co América Latina, que reúne as marcas Avon, Natura, The Body Shop e Aesop. A doação poderá ser destinada à compra de vacina contra a Covid-19 e insumos de saúde necessários ao enfrentamento da pandemia.

   19. O evento foi acompanhado por prefeitos e gestores dos municípios consorciados e contou com a participação especial do conselheiro presidente da Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon); e do conselheiro do Tribunal de Contas de Santa Catarina, José Nei Ascari. O presidente do Senado Federal, Rodrigo Pacheco, enviou mensagem, por meio de vídeo, de apoio ao consórcio.

  20. Na quinta-feira (1º), ocorrerá a primeira reunião da diretoria empossada já para aprovação de algumas resoluções. Entre elas está a de Compliance do consórcio, que trará as definições do portal de transparência, das ações que serão divulgadas e da contratação de uma auditoria independente para dar tranquilidade a quem dirige e, principalmente credibilidade ao Conectar.

  21. A diretoria empossada foi eleita ontem (29), por meio da votação de 682 eleitores que corresponderam a 2.970 votos, já que o peso de cada voto varia de acordo com o número de habitantes dos municípios. A direção será presidida pelo prefeito de Florianópolis/SC, Gean Loureiro; o 1º vice-presidente, Edmilson Rodrigues, prefeito de Belém; e a 1ª vice-presidente Cinthia Ribeiro, prefeita de Palmas. Ao todo, a diretoria é formada por 15 prefeitos. No conselho fiscal, outros seis prefeitos participam, três titulares e três suplentes, conforme previsto no estatuto.

   22. Em tempo recorde o Conectar foi liderado pela Frente Nacional de Prefeitos (FNP) e instituído com a adesão de mais de 1,8 mil municípios, com Projetos de Lei aprovados em suas Câmaras Municipais. Também já conta com a manifestação de interesse de mais de 2,6 mil municípios, sendo 25 capitais. Todos esses resultados foram alcançados em curto espaço de tempo com o objetivo de unir esforços com a União e os estados visando atender mais rápido as necessidades da população.

  23. Ações em andamento - Desde que foi instituído, no último dia 22, o Conectar já se reuniu com o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, no intuito de colaborar com o Programa Nacional de Imunização (PNI), coordenado pela pasta. Também já há tratativas diplomáticas do consórcio com os EUA para que o país norte-americano faça um empréstimo ao Brasil de doses da vacina da AstraZeneca, que estão estocadas nos EUA, assim como ajudar na intermediação com os laboratórios Pfizer, Moderna e Johnson & Johnson.

   24. Já existem também tratativas com a OPAS/OMS para que interceda junto ao Covax Facility a ampliação da participação na aquisição de vacinas e antecipação das entregas. O governo brasileiro, quando aderiu ao Covax Facility, tinha opções de adquirir doses equivalentes a 40% da sua população, mas optou por apenas 10%.