quarta-feira, 20 de janeiro de 2021
Colunistas / Miudinhas
Tasso Franco

SEGUNDA ONDA COVID NA BAHIA PERDE FORÇA E TOTAL INFECTADOS SÃO 6.941

A Prefeitura prorrogou até o dia 6 de janeiro a suspensão das atividades em cinemas, teatros e demais casas de espetáculo em Salvador.
26/12/2020 às 10:19
  1. Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 1.349 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,3%) e 2.190 recuperados (+0,5%). Dos 482.113 casos confirmados desde o início da pandemia, 466.189 já são considerados recuperados e 6.941 encontram-se ativos. A base de dados completa dos casos suspeitos, descartados, confirmados e óbitos relacionados ao coronavírus está disponível em https://bi.saude.ba.gov.br/transparencia/.

  2. Para fins estatísticos, a vigilância epidemiológica estadual considera um paciente recuperado após 14 dias do início dos sintomas da Covid-19. Já os casos ativos são resultado do seguinte cálculo: número de casos totais, menos os óbitos, menos os recuperados. Os cálculos são realizados de modo automático.

  3. Os casos confirmados ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (22,62). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram Ibirataia (10.259,93), Muniz Ferreira (8.286,18), Conceição do Coité (8.141,18), Pintadas (7.914,15), Jucuruçu (7.900,50).

  3. O boletim epidemiológico contabiliza ainda 875.777 casos descartados e 123.850 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas deste sábado (26).

  4. Na Bahia, 36.006 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

  5. O boletim epidemiológico de hoje contabiliza 29 óbitos que ocorreram em diversas datas, conforme tabela abaixo. A existência de registros tardios e/ou acúmulo de casos deve-se a sobrecarga das equipes de investigação, pois há doenças de notificação compulsória para além da Covid-19. 

  6. Outro motivo é o aprofundamento das investigações epidemiológicas por parte das vigilâncias municipais e estadual a fim de evitar distorções ou equívocos, como desconsiderar a causa do óbito um traumatismo craniano ou um câncer em estágio terminal, ainda que a pessoa esteja infectada pelo coronavírus.
                                                         *****
  7. Durante esta semana, os corredores e leitos do Hospital Espanhol foram visitados por um coral itinerante de colaboradores e deliciosamente tomados de músicas natalinas, em ritmo de forró para animar os corações.

  8. Os colaboradores que improvisaram o coral, formam a banda do projeto A Música Une que foi implantado na Unidade desde julho, para levar som e leveza aos pacientes e seus heróis da saúde.

  9. “Estamos todos vivendo um Natal atípico, dentro das possibilidades que a pandemia nos permite. E o isolamento familiar que tem sido a parte mais difícil para os pacientes Covid, no Natal, somente acentua a sensação solitária do distanciamento imposto e necessário. 

  10. Usar a criatividade nos processos de humanização tem sido um dos desafios das unidades de saúde. E a equipe do Hospital Espanhol tem caprichado nestas ações, com resultados muito positivos” – explica a Diretora Geral do Hospital Espanhol, Thayse Barreto.

  11. A musicoterapia tem sido o carro-chefe da humanização no Hospital, parceira complementar da maioria das ações. Os benefícios são perceptíveis e agradam por unanimidade aos pacientes e aos colaboradores que também precisam ser cuidados. E têm sido e reconhecido isto.

  12. Em meio aos “bip-bip, piiii, bip”, da UTI 1 do Hospital Espanhol, ouvia-se também o som do triângulo, do mini cajón acústico e as vozes entoando “Bate o Sino”. A enfermeira Lucelene Melo externou, cheia de emoção, depois que o coral passou: “Aaaah… é uma delícia ouvir um som diferente e acolhedor, em meio a tantos barulhos de equipamentos e monitores. É um conforto para os profissionais e para os pacientes, com certeza. Numa época tão sensível como esta, a gente precisa de empatia, de amor, de música, de melodia. Feliz Natal!”
                                                          ******
  13.  A Prefeitura prorrogou até o dia 6 de janeiro a suspensão das atividades em cinemas, teatros e demais casas de espetáculo em Salvador. Também estão suspensos os eventos sociais nos clubes, inclusive recreativos e esportivos, a exemplo de festas, apresentações artísticas, aniversários, formaturas e casamentos, além do funcionamento de bares e lanchonetes nesses locais. Apenas as atividades esportivas estão mantidas nos clubes e o funcionamento de restaurantes que possuam entradas independentes.

  14. O decreto prevê também a prorrogação, até dia 11 de janeiro, da proibição de atividades de classe da rede municipal de educação e da rede privada de ensino, bem como das medidas para a contenção do coronavírus nos estabelecimentos de call center.

  15. Segue proibida ainda, até o dia 11, a realização de qualquer ação que implique em emissão sonora em logradouros públicos e estabelecimentos particulares (com exceção daquelas que já estavam liberadas). Foi prorrogada também para a mesma data a determinação de fechamento do Mercado Municipal Antônio Lima, no bairro da Liberdade.

  16. A Prefeitura deu mais um passo no processo de consolidação da transparência das contas públicas. Com a finalidade de otimizar e ampliar o acesso à informação, foi lançada nesta quarta-feira (23) uma nova versão do portal Transparência Salvador, que pode ser acessada no endereço www. transparencia. salvador. ba. gov. br. O portal foi desenvolvido em conjunto pela Controladoria Geral do Município (CGM) e a Secretaria Municipal da Fazenda  (Sefaz).

  17. O principal canal de transparência da capital baiana foi totalmente modernizado, com o objetivo de disponibilizar, além de informações estruturadas, completas e atualizadas, mecanismos de acessibilidade, interatividade e voltados à apresentação dos dados em formato aberto.

  18. O portal passou a contar com o VLibras,que permite a tradução automática do Português para Linguagem Brasileira de Sinais (Libras), com ferramentas de alto contraste (opção que altera o fundo das páginas para a cor preta e das letras para branco ou amarelo) e com mecanismos de diminuição e ampliação das fontes, estes últimos destinados a pessoas com médio ou grande déficit visual. 

  19. Outra importante inovação consiste na disponibilização de ferramentas de interatividade. As páginas do portal possuem combos (filtros e agrupadores) que possibilitam ao cidadão personalizar as consultas de acordo com as suas necessidades de informação.

  20. O conteúdo do site passa também a ser apresentado em um design moderno, funcional, amigável e completo, valendo-se de visões gráficas e tabelas que permitem a melhor compreensão e análise das informações. Além disso, os dados são disponibilizados em formato aberto, ou seja, podem ser acessados por qualquer pessoa livremente e permite downloads de relatórios.