quinta-feira, 26 de novembro de 2020
Colunistas / Miudinhas
Tasso Franco

COM PROXIMIDADE ELEIÇÕES NÚMERO DE NOVOS INFECTADOS PELA COVID SUBIU

Assaí anunciou que trabalha na construção de mais 11 unidades, incluindo uma em Salvador, no bairro Mussurunga, a ser inaugurada ainda em 2020.
11/11/2020 às 09:56
  1. Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 1.728 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,5%) e 1.413 recuperados (+0,4%). Dos 367.669 casos confirmados desde o início da pandemia, 353.406 já são considerados recuperados e 6.404 encontram-se ativos. A base de dados completa dos casos suspeitos, descartados, confirmados e óbitos relacionados ao coronavírus está disponível em https://bi.saude.ba.gov.br/transparencia/.

  2. Para fins estatísticos, a vigilância epidemiológica estadual considera um paciente recuperado após 14 dias do início dos sintomas da Covid-19. Já os casos ativos são resultado do seguinte cálculo: número de casos totais, menos os óbitos, menos os recuperados. Os cálculos são realizados de modo automático.

  3. Os casos confirmados ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (25,58%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram: Ibirataia (8.973,35), Itabuna (6.677,52), Almadina (6.661,79), Aiquara (6.567,70) e Madre de Deus (6.566,16).

  4. O boletim epidemiológico contabiliza ainda 757.126 casos descartados e 87.751 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas desta quarta-feira (10/11).

  5. Na Bahia, 29.723 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

  6. O boletim epidemiológico de hoje contabiliza 21 óbitos que ocorreram em diversas datas, conforme tabeLa abaixo. A existência de registros tardios e/ou acúmulo de casos deve-se a sobrecarga das equipes de investigação, pois há doenças de notificação compulsória para além da Covid-19.

  7.  Outro motivo é o aprofundamento das investigações epidemiológicas por parte das vigilâncias municipais e estadual a fim de evitar distorções ou equívocos, como desconsiderar a causa do óbito um traumatismo craniano ou um câncer em estágio terminal, ainda que a pessoa esteja infectada pelo coronavírus.
                                                       ******
  8. Com a proposta de promover uma assistência linear do paciente com doença renal crônica, desde ambulatório de doença renal até os diferentes métodos de terapia de substituição renal (peritoneal e hemodiálise), o Instituto Brasileiro de Desenvolvimento da Administração Hospitalar (IBDAH), deu início ao funcionamento da Unidade de Hemodiálise Cruz das Almas, nesta segunda-feira, 09.

  9. Inaugurada pelo Governador da Bahia, Rui Costa, a unidade 100% SUS chega oportunizando o acesso da população à Atenção Especializada em Doença Renal Crônica (DRC) – Hemodiálise e Diálise Peritoneal, o acompanhamento de pacientes nos estágios pré-dialíticos e do matriciamento da Atenção Básica com o intuito de orientar profissionais quanto ao manejo clínico da DRC, nas fases iniciais da doença.

  10. O funcionamento da unidade, no que diz respeito à melhora na qualidade de vida e dignidade da população de Cruz das Almas e região, já representa um avanço bastante significativo. Prova disso é que no primeiro dia foram realizados 25 atendimentos e com 100% de aprovação por parte dos pacientes.

  11. Reginaldo de Jesus comemora a conquista e afirma que é o momento mais marcante desde o início do seu tratamento. “Fazer o tratamento aqui em Cruz das Almas é espetacular porque me dá mais conforto e tranquilidade. Agora, assim que termino o procedimento, chego em casa em minutos, antes precisava pegar a estrada. Tenho que deixar registrado a minha enorme felicidade com essa clínica, muito obrigado!”.

  12. Júlio César dos Santos também revelou a satisfação com o atendimento e elogiou a estrutura da unidade. “Que lugar bem estuturado, organizado, tudo novinho, aqui é nota 10! Estou muito feliz e satisfeito, todos que construíram essa clínica e os profissionais estão de parabéns!”.
                                                        ******
  13. A diferença de um secretário de Saúde do Estado técnico como Vilas Boas e um político é enorme.
10. Que decisão estranha do TRE Bahia de proibir eventos de campanha na reta de chegada. Ainda bem que voltou atrás.

  14. O Assaí Atacadista, que opera 15 lojas no estado, registrou faturamento bruto de R$ 10,1 bilhões no terceiro trimestre deste ano, alta de 33,4% na comparação anual. Trata-se do maior crescimento da história da bandeira para um trimestre. O recorde foi impulsionado, principalmente, pela performance das lojas inauguradas nos últimos dois anos e pela abertura gradual de bares e restaurantes (food service), um dos principais públicos da rede. 

  15. Em teleconferência com analistas realizada no final de outubro, a rede anunciou que trabalha na construção de mais 11 unidades, incluindo uma em Salvador, no bairro Mussurunga, a ser inaugurada ainda em 2020. 

  16. O canal da Rua Doralice Pereira Dórea, na Estrada das Barreiras, será requalificado pela Prefeitura. Nesta quarta-feira (11), o prefeito ACM Neto assinou a ordem de serviço para o começo das intervenções, que serão concluídas em oito meses.

  17.  Os serviços serão executados pela CBS Construtora Bahiana de Saneamento em mais de 1,2 metro de extensão do canal, e irão regularizar a vazão de água durante dias de chuva, solucionando problemas de alagamento na região e trazendo mais infraestrutura e qualidade de vida a todos os moradores do entorno. 

  18. O investimento é de R$ 3,7 milhões, proveniente de recursos municipais. A obra ainda envolve a reurbanização e tamponamento integral do canal, incluindo melhorias no passeio para facilitar a mobilidade de pedestres. 

  19. “Estivemos aqui em momentos difíceis, sobretudo em período de chuvas. Conheço bem a realidade. Vi de perto como é difícil para as famílias que moram entorno do canal sobretudo quando chove. O receio da água invadir a casa trazendo problemas para a saúde pública. Foram anos de espera. Muitos moradores sonharam com esse dia", disse o prefeito. 

  20. O deputado federal João Roma (Republicanos) comemorou nesta quarta-feira (11) a liberação pelo Tribunal de Contas da União da concessão do trecho 1 da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol), entre os municípios de Ilhéus e Caetité. O anúncio foi feito pelo ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas. 

  21. Agora, a expectativa é que o leilão do trecho 1, que atenderá à produção mineral do estado, ocorra ainda neste ano. "Esta obra será fundamental para o desenvolvimento do nosso estado, potencializando nossa economia e gerando emprego e renda", destacou Roma, que recentemente integrou uma comitiva federal que visitou as obras da ferrovia. 

  22. (FEIRA) Feira de Santana vem registrando um aumento no número de pacientes recuperados da Covid-19. Após confirmar o primeiro caso da doença em 6 de março, o município atingiu o pico de contágio em julho com 3.204 casos positivos, três meses depois, apresentou uma queda de 39,5%, com 1.936 casos confirmados em outubro.

  23. No momento atual, Feira está perto de completar a marca de 12 mil recuperados da Covid-19. São 11.878 pacientes livres do vírus, índice que representa 91,2% dos casos confirmados.

  24. Durante os sete meses de pandemia, o município apresenta também uma redução no número de óbitos pelo novo coronavírus. Em setembro, foram registradas trinta e cinco mortes causadas pela doença. Já em outubro, vinte e cinco óbitos foram contabilizados, o que representa uma diminuição de 28,57%.

  25. De acordo com o painel Epidemiológico da Sesab (Secretaria da Saúde do Estado da Bahia), Feira tem o menor índice de mortes por Covid-19, dentre as maiores cidades do estado. A taxa de letalidade no município é de 1,66%, que é considerada baixa.

  26. Ainda assim, as orientações preventivas e medidas de segurança, como higienização frequente das mãos, distanciamento social e uso de máscara são indispensáveis para manter a redução do contágio e evitar complicações da doença.