segunda-feira, 03 de agosto de 2020
Colunistas / Miudinhas
Tasso Franco

FICA MAIS DIFÍCIL ABRIR COMÉRCIO EM SSA COM TAXAS LEITOS COVID EM 81%

Segundo o governador Rui Costa (PT) e o prefeito ACM Neto (DEM) o comércio só abre com taxa de - 75%
12/07/2020 às 19:53
  MIUDINHAS GLOBAIS:

   1. (BRASIL): O Brasil tem 71.584 mortes por coronavírus confirmadas até as 13h deste domingo (12), segundo levantamento do consórcio de veículos de imprensa a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde. Veja os números consolidados: 71.584 mortes;  1.846.249 casos

   2. (BAHIA): Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 1.575 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +1,5%), 47 óbitos (+1,9%) e 594 curados (+0,8%). Dos 105.763 casos confirmados desde o início da pandemia, 73.730 já são considerados curados, 29.550 encontram-se ativos e 2.483 tiveram óbito confirmado.

   3. Os casos confirmados ocorreram em 398 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (41,08%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram Gandu (2.660,25), Itajuípe (2.322.97), Ipiaú (2.005,54), Lauro de Freitas (1.739,57) e Itabuna (1.656,01).

   4. O boletim epidemiológico contabiliza ainda 209.099 casos descartados e 98.366 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas deste domingo (12).

   5. Na Bahia, 11.305 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Todos os dados estão disponíveis no Painel Epidemiológico. Para acessar o boletim completo, clique aqui.

   6. Na Bahia, dos 2.378 leitos disponíveis do Sistema Único de Saúde (SUS) exclusivos para coronavírus, 1.546 possuem pacientes internados, o que representa uma taxa de ocupação de 65%. No que se refere ao total de leitos de UTI adulto, dos 926 leitos dedicados à Covis-19, 749 possuem pacientes internados, compreendendo uma taxa de ocupação de 81%. A região Extremo-Sul da Bahia possui a maior taxa de ocupação, com 100% dos leitos de UTI ocupados, seguida da região Sul, com 85%.

 7. Cabe ressaltar que o número de leitos é flutuante, representando o quantitativo exato de vagas disponíveis no dia. Intercorrências com equipamentos, rede de gases ou equipes incompletas, por exemplo, inviabilizam a disponibilidade do leito. Ressalte-se que novos leitos são abertos progressivamente mediante o aumento da demanda.

   8. Óbitos: A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) contabiliza 2.483 mortes pelo novo coronavírus.

2437º óbito – mulher, 73 anos, residente em Uruçuca, portadora de hipertensão arterial e diabetes, foi internada dia 17/06 e foi a óbito dia 19/06, em unidade da rede pública, em Ilhéus;

2438º óbito – homem, 51 anos, residente em eira de Santana, sem informação de comorbidade, foi internado dia 02/06 e foi a óbito dia 07/07, em unidade da rede pública, em Feira de Santana;

2439º óbito – homem, 72 anos, residente em Coração de Maria, sem comorbidades, foi internado dia 13/06 e foi a óbito dia 10/07, em unidade da rede filantrópica, em Salvador;

2440º óbito – homem, 67 anos, residente em Salvador, portador de diabetes, foi internado dia 10/06 e foi a óbito na mesma data (10/06), em unidade da rede pública, em Salvador;

2441º óbito – homem, 45 anos, residente em Jaguarari, portador de doença do sistema nervoso, data de admissão não informada, foi a óbito dia 21/06, em unidade da rede pública, em Petrolina, Pernambuco;

2442º óbito – homem, 85 anos, residente em Camamu, sem informação de comorbidade, data de admissão não informada, foi a óbito dia 07/07, em unidade da rede pública, em Camamu;

2443º óbito – homem, 95 anos, residente em Salvador, portador de hipertensão arterial e doença renal crônica, foi internado dia 15/06 e foi a óbito dia 17/06, em unidade da rede privada, em Salvador;

2444º óbito – mulher, 52 anos, residente em Pindobaçu, portadora de hipertensão arterial e diabetes, foi internada dia 08/07 e foi a óbito dia 09/07, em unidade da rede pública, em Pindobaçu;

2445º óbito – homem, 94 anos, residente em Manoel Vitorino, sem informação de comorbidades, foi internado dia 02/07 e foi a óbito dia 07/07, em unidade da rede pública, em Jequié;

2446º óbito – homem, 71 anos, residente em Piraí do Norte, sem comorbidades, foi internado no dia 06/07 e foi a óbito na mesma data (06/07), em unidade da rede pública, em Santo Antônio de Jesus;

2447º óbito – homem, 53 anos, residente em Cabo de Santo Agostinho, sem comorbidades, foi internado dia 23/06 e foi a óbito dia 27/06, em unidade da rede privada, em Salvador;

2448º óbito – mulher, 69 anos, residente em Lagoa Grande, sem comorbidades, data de admissão não informada, foi a óbito dia 01/07, em unidade da rede pública, em Juazeiro;

2449º óbito – mulher, 110 anos, residente em Rio do Pires, portadora de hipertensão arterial, data de admissão não informada, foi a óbito dia 05/07 em domicílio, em Rio do Pires;

2450º óbito – homem, 86 anos, residente em Ipecaetá, sem informação de comorbidades data de admissão não informada, foi a óbito dia 07/07, em unidade da rede pública, em Ipecaetá;

2451º óbito – mulher, 87 anos, residente em Feira de Santana, portadora de diabetes e doença cardiovascular, foi internada dia 02/07 e foi a óbito dia 09/07, em unidade da rede pública, em Feira de Santana;

2452º óbito – homem, 62 anos, residente em Pindobaçu, sem informação de comorbidades, data de admissão não informada, foi a óbito dia 11/07, em unidade da rede particular, em Remanso;

2453º óbito – mulher, 86 anos, residente em Castro Alves, portadora de diabetes, data de admissão não informada, foi a óbito dia 08/07, em unidade da rede pública, em Castro Alves;

2454º óbito – mulher, 89 anos, residente em Jequié, portadora de diabetes, data de admissão não informada, foi a óbito dia 11/07, em unidade da rede pública, em Jequié;

2455º óbito – mulher, 82 anos, residente em Itacaré, sem comorbidades, foi internada dia 06/07 e foi a óbito dia 07/07, em unidade da rede pública, em Ilhéus;

2456º óbito – homem, 81 anos, residente em Cairu, portador de doença cardiovascular, foi internado dia 17/06 e foi a óbito dia 04/07, em unidade da rede pública, em Ilhéus;

2457º óbito – homem, 57 anos, residente em Jequié, sem comorbidades, data de admissão não informada, foi a óbito dia 04/07, em unidade da rede privada, em Jequié;

2458º óbito – homem, 62 anos, residente em Jequié, portador de doença renal crônica, data de admissão não informada, foi a óbito dia 10/07, em unidade da rede pública, em Jequié;

2459º óbito – homem, 82 anos, residente em Salvador, portador de hipertensão arterial, foi internado no dia 29/06 e foi a óbito dia 06/07, em unidade da rede filantrópica, em Salvador;

2460º óbito – homem, 61 anos, residente em Dias D’Ávila, portador de diabetes, foi internado dia 25/06 e foi a óbito dia 06/07, em unidade da rede pública, em Salvador;

2461º óbito – homem, 87 anos, residente em Cruz das Almas, sem informação de comorbidades, foi internado dia 06/07 e foi a óbito dia 09/07, em unidade da rede pública em Cruz das Almas;

2462º óbito – mulher, 85 anos, residente em Pojuca, portadora de diabetes, data de admissão não informada, foi a óbito dia 11/07, em unidade da rede pública, em Catu;

2463º óbito – mulher, 88 anos, residente em Pojuca, portadora de hipertensão arterial. Internada dia 23/06, foi a óbito dia 08/07, em hospital da rede privada, em Salvador;

2464º óbito – homem, 71 anos, residente em Ituberá, portador de diabetes mellitus e doença cardiovascular. Internado dia 13/06, foi a óbito dia 23/06, em hospital da rede pública, em Ilhéus;

2465º óbito – homem, 35 anos, residente em Itabuna, portador de obesidade. Sem informação acerca da data de internação, foi a óbito dia 10/07, em hospital filantrópico, em Itabuna;

2466º óbito – mulher, 76 anos, residente em Candeias, portadora de obesidade e doença cardiovascular. Internada dia 09/06, foi a óbito dia 26/06, em hospital da rede privada, em Salvador;

2467º óbito – homem, 71 anos, residente em Valença, portador de hipertensão arterial. Internado dia 17/04, foi a óbito dia 01/07, em hospital da rede pública, em Salvador;

2468º óbito – homem, 65 anos, residente em Salvador, sem comorbidades. Sem informação acerca da data de internação, foi a óbito dia 26/05, em hospital da rede pública, em Salvador;

2469º óbito – mulher, 75 anos, residente em Lauro de Freitas, portadora de hipertensão arterial e diabetes mellitus. Internada dia 02/07, foi a óbito dia 04/07, em hospital da rede pública, em Salvador;

2470º óbito – homem, 73 anos, residente em Itabuna, portador de hipertensão arterial e diabetes mellitus. Foi a óbito dia 01/07, em seu domicílio, em Itabuna;

2471º óbito – homem, 53 anos, residente em Itaberaba, sem comorbidades. Internado dia 23/06, foi a óbito dia 03/07, em hospital da rede pública, em Salvador;

2472º óbito – mulher, 70 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial. Internada dia 24/06, foi a óbito dia 06/07, em hospital da rede pública, em Salvador;

2473º óbito – mulher, 80 anos, residente em Salvador, portadora de diabetes mellitus e doença do sistema nervoso. Internada dia 18/05, foi a óbito dia 24/05, em hospital da rede pública, em Salvador;

2474º óbito – homem, 35 anos, residente em Laje, sem informação acerca da existência de comorbidades. Também sem informação sobre a data de internação, foi a óbito dia 08/07, em hospital da rede pública, em Santo Antônio de Jesus;

2475º óbito – homem, 47 anos, residente em Cotegipe, portador de doença renal crônica. Internado dia 26/06, foi a óbito dia 06/07, em hospital da rede pública, em Barreiras;

2476º óbito – criança, 10 anos, residente em Salvador, portador de obesidade e de outras comorbidades. Internado dia 05/07, foi a óbito dia 07/07, em hospital da rede pública, em Salvador;

2477º óbito – homem, 88 anos, residente em Mata de São João, portador de hipertensão arterial. Internado dia 29/06, foi a óbito dia 06/07, em hospital da rede pública, em Salvador;

2478º óbito – mulher, 88 anos, residente em Feira de Santana, portadora de hipertensão arterial e outras comorbidades. Internada dia 04/07, foi a óbito dia 06/07, em hospital da rede pública, em Salvador;

2479º óbito – mulher, 63 anos, residente em Lauro de Freitas, portadora de doença renal crônica. Internada dia 01/07, foi a óbito dia 06/07, em hospital da rede pública, em Salvador;

2480º óbito – mulher, 40 anos, residente em Salvador, portadora de diabetes mellitus e hipertensão arterial. Internada dia 26/06, foi a óbito dia 06/07, em hospital da rede pública, em Salvador;

2481º óbito – homem, 69 anos, residente em Dias D´Ávila, portador de diabetes mellitus. Internado dia 19/06, foi a óbito dia 22/06, em hospital da rede pública, em Dias D´Ávila;

2482º óbito – homem, 85 anos, residente em Lauro de Freitas, portador de diabetes mellitus e hipertensão arterial. Internado dia 28/06, foi a óbito dia 09/07, em hospital da rede pública, em Salvador;

2483º óbito – homem, 65 anos, residente em Salvador, sem informações sobre quais comorbidades era portador. Internado dia 30/06, foi a óbito dia 07/07, em hospital da rede pública, em Salvador.
                                                                     *****

   9. O Hospital Geral Clériston Andrade 2 (HGCA 2), em Feira de Santana, que será inaugurado nos próximos dias, conta com selo de eficiência energética e biossegurança. O investimento no sistema de climatização e exaustão da unidade foi superior a R$ 3 milhões e foi implantado seguindo as rígidas normas da ABNT NBR 16401 e NBR 7256.

   10. Estabelecem, entre outras coisas, à observação dos protocolos de Montreal e Kyoto, ao tratar da proteção da camada de ozônio e da redução do aquecimento global. Além disso, estabelece exigências em relação à distribuição do ar, com atenção especial às áreas de isolamento e aos centros cirúrgicos a fim de evitar a disseminação de doenças infectocontagiosas.

   11. Segundo o secretário da Saúde da Bahia, Fábio Vilas Boas, “a climatização e exaustão são mais do que um conforto para funcionários e pacientes, são uma medida de segurança adicional para a saúde de todos, já sendo uma regra em todas as unidades construídas na gestão do governador Rui Costa”, afirma o secretário.

   12. O titular da pasta estadual da Saúde explica ainda que o HGCA 2 foi projetado para atender à segunda maior cidade do estado, Feira de Santana, e absorver a demanda dos municípios do entorno. “Neste primeiro momento, a unidade estará dedicada ao atendimento de pacientes graves com o diagnóstico de coronavírus. E o sistema de climatização e exaustão não utiliza refrigerantes do tipo CFC e HCFC, preservando assim a camada de ozônio, observando-se protocolos internacionais e as normas da ABNT”, detalha Vilas-Boas.

   13. Outro destaque é a ausência de papel no trâmite de informações dos pacientes. A unidade é completamente informatizada, utilizando prontuários eletrônicos. Além de reduzir custos com aquisição de folhas, tinta e manutenção de impressoras, o prontuário eletrônico ainda garante agilidade no atendimento e maior segurança nos dados.

   14. A secretária de Políticas para Mulheres do Governo do Estado da Bahia, Julieta Palmeira, e a pré-candidata a prefeita de Salvador, Major Denice (PT), ex-coordenadora do premiado projeto estadual Ronda Maria da Penha, foram as estrelas do 16º seminário virtual dos mandados dos deputados Waldenor Pereira (federal) e Zé Raimundo (estadual).

   15.  O encontro realizado na noite desta quarta-feira (8) teve como tema “Políticas Públicas para as Mulheres em Tempos de Pandemia” e foi mediado pela ex-vereadora de Poções, Zezéu Leite.

   16. O seminário também teve a participação de cinco pré-candidatas a vereadora de Vitória da Conquista: Nildma Ribeiro e Márcia Viviane (que vão em busca da reeleição), Karine Borges, Karine Grisi e Inez.

   17. Na condição de debatedoras, elas defenderam a necessidade de políticas públicas e apoio social para aumentar a representatividade feminina no legislativo e no executivo dos municípios, estados e da União. Hoje essa representatividade ainda está muito a desejar, com apenas 77 deputadas entre os 513 parlamentares da Câmara Federal (o que equivale a 15%) e 12 senadoras no universo de 81 (14,8%) cadeiras no Senado. “E em Vitória da Conquista só temos três mulheres entre 21 ocupantes das cadeiras da Câmara de Vereadores”, lamentou Karine Borges.    

   18. Como parte de uma programação especial de atividades desenvolvidas pelo Governo da Bahia, a Secretaria da Educação do Estado (SEC), o Instituto Anísio Teixeira (IAT), que faz parte da estrutura organizacional da SEC, e o Conselho Estadual de Educação do Estado da Bahia (CEE-BA) celebraram, com uma cerimônia virtual, neste domingo (12), os 120 anos de nascimento do educador baiano Anísio Teixeira. 

   19. A atividade, que contou com apresentações artísticas, exibição de vídeos e depoimentos, buscou fortalecer e difundir o pensamento e a obra de Anísio Teixeira, além de promover uma reflexão sobre a sua contribuição para a educação. 

   20. O secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, ressaltou a importância do educador para a educação pública. "Celebramos a vida e a obra do pensador que ajudou a criar e a fortalecer a educação pública. E nada mais importante é homenageá-lo, resgatando as suas contribuições, principalmente neste momento difícil de pandemia. 

   21. O trabalho de Anísio Teixeira serve de inspiração para que trabalhemos, cada vez mais, com zelo pela educação das crianças como ideal de democracia. Entre todas as atividades que planejamos para este ano, já enviamos para a Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA) o projeto de lei para tornar Anísio Teixeira o patrono da Educação baiana, como forma de reconhecer a importante produção deste educador", afirmou.

  22. Nesta sexta-feira, 10, em reunião por videoconferência, representantes da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) entregaram à Prefeitura Municipal de Itabuna, o Plano Municipal de Enfrentamento da COVID-19. A reunião contou ainda com representantes da Associação Comercial e Empresarial de Itabuna (ACI), Câmara de dirigentes Lojistas (CDL de Itabuna), Diretoria do Shopping Jequitibá, Secretaria de Saúde e de Indústria e Comércio de Itabuna.

  23. Representantes da Prefeitura de Itabuna, juntamente com as entidades ligadas ao comércio se comprometeram em colocar em prática as recomendações e os protocolos trazidos por documentos elaborados pelos prof