sexta-feira, 10 de julho de 2020
Colunistas / Miudinhas
Tasso Franco

COVID BR:55.961 MORTES; 1.274.974 INFECTADOS; BA 56.422; ÓBITOS 1.642

Na Bahia, 7.290 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19.
26/06/2020 às 19:39
MIUDINHAS GLOBAIS:

  1. (BRASIL): O Brasil atingiu 55.961 mortes e 1.274.974 casos confirmados de covid-19, nesta sexta-feira (25), de acordo com balanço atualizado pelo Ministério da Saúde. Em números absolutos, o país é o segundo mais afetado pela pandemia do novo coronavírus em todo o mundo.

Nas últimas 24 horas, segundo a pasta, as secretarias estaduais de saúde notificaram 990 óbitos e 46.860 infectados.

  2. (BAHIA): Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 2131 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +3,9%), 41 óbitos (+2,6%) e 1.999 curados (+6,8%). Dos 56.422 casos confirmados desde o início da pandemia, 31.192 já são considerados curados, 23.588 encontram-se ativos e 1.642 tiveram óbito confirmado.

   3. As confirmações ocorreram em 369 municípios do estado, com maior proporção em Salvador (49,88%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram Ipiaú (1.323,22), Gandu (1.311,61), Itajuípe (1.171,25), Uruçuca (1.145,28) e São José da Vitória (1.042,96).

  4. O boletim epidemiológico contabiliza 56.422 casos confirmados, 152.795 casos descartados e 73.512 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas desta sexta-feira (26). 

   5. Cabe ressaltar que o município de Conceição do Jacuípe enviou um ofício a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia comunicando que errou no preenchimento dos dados no sistema de notificação e lançou casos negativos como sendo positivos. Em virtude deste comunicado, no qual o município reconhece a falha no preenchimento, 53 casos serão excluídos. Para acessar o ofício, clique aqui.

   6. Na Bahia, dos 2.181 leitos disponíveis do Sistema Único de Saúde (SUS) exclusivos para coronavírus, 1.371 possuem pacientes internados, o que representa uma taxa de ocupação de 64%. No que se refere aos leitos de UTI adulto e pediátrico, dos 901 leitos exclusivos para o coronavírus, 688 possuem pacientes internados, compreendendo uma taxa de ocupação de 76%.

   7. Cabe ressaltar que o número de leitos é flutuante, representando o quantitativo exato de vagas disponíveis no dia. Intercorrências com equipamentos, rede de gases ou equipes incompletas, por exemplo, inviabilizam a disponibilidade do leito. Ressalte-se que novos leitos são abertos progressivamente mediante o aumento da demanda.

   8. A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) contabiliza 1.642 mortes pelo novo coronavírus.

1602º óbito – menina, 4 meses, residente em Acajutiba, data de admissão não informada, sem informação de comorbidades, foi a óbito dia 23/06, em unidade da rede pública, em Feira de Santana;

1603º óbito – homem, 64 anos, residente em Santa Cruz de Cabrália, portador de hipertensão arterial, diabetes e doença cardiovascular, data de admissão não informada, foi a óbito dia 24/06, em unidade da rede pública, em Porto Seguro;

1604º óbito – homem, 67 anos, residente em Feira de Santana, portador de hipertensão arterial e diabetes, foi internado dia 15/06 e foi a óbito dia 22/06, em unidade da rede pública, em Feira de Santana;

1605º óbito – homem, 80 anos, residente em Itaberaba, portador de doença respiratória crônica, foi internado dia 13/06 e foi a óbito dia 17/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1606º óbito – homem, 76 anos, residente em Salvador, portador de hipertensão arterial, foi internado dia 03/06 e foi a óbito dia 20/06, em unidade da rede filantrópica, em Salvador;

1607º óbito – mulher, 66 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial, diabetes e doença cardiovascular, data de admissão não informada, foi a óbito dia 27/05, em unidade da rede pública, em Salvador;

1608º óbito – mulher, 58 anos, residente em Mucuri, portadora de diabetes e doença cardiovascular, foi internada dia 02/06 e foi a óbito dia 17/06, em unidade da rede pública, em Ilhéus;

1609º óbito – mulher, 76 anos, residente em Camaçari, portadora de neoplasias, data de admissão não informada, foi a óbito dia 05/06, em unidade da rede privada, em Salvador;

1610º óbito – homem, 69 anos, residente em Salvador, portador de neoplasias, data de admissão não informada, foi a óbito dia 22/06, em unidade da rede filantrópica, em Salvador;

1611º óbito – mulher, 67 anos, residente em Itajuípe, sem comorbidades, foi internada dia 09/06 e foi a óbito na mesma data (09/06), em unidade da rede pública, em Itabuna;

1612º óbito – mulher, 87 anos, residente em Jequié, sem informação de comorbidades, data de admissão não informada, foi a óbito dia 23/06, em unidade da rede pública, em Jequié;

1613º óbito – homem, 73 anos, residente em Salvador, portador de doença cardiovascular, foi internado dia 09/06 e foi a óbito dia 24/06, em unidade da rede privada, em Salvador;

1614º óbito – homem, 66 anos, residente em Feira de Santana, sem informação de comorbidades, foi a óbito dia 25/05, em domicílio;

1615º óbito – homem, 74 anos, residente em Salvador, portador de diabetes, data de admissão não informada, foi a óbito dia 25/06, em unidade da rede filantrópica, em Salvador;

1616º óbito – mulher, 78 anos, residente em Nova Ibiá, portadora de hipertensão arterial e doença cardiovascular, data de admissão não informada, foi a óbito dia 25/06, em unidade da rede pública, em Ilhéus;

1617º óbito – homem, 67 anos, residente em Salvador, portador de hipertensão arterial e diabetes, foi internado dia 15/05 e foi a óbito dia 24/06, em unidade da rede filantrópica, em Salvador;

1618º óbito – homem, 72 anos, residente em Camacã, portador de doença cardiovascular, foi internado dia 30/05 e foi a óbito dia 13/06, em unidade da rede pública, em Ilhéus;

1619º óbito – mulher, 63 anos, residente em Gandu, sem informação de comorbidades, data de admissão não informada, foi a óbito dia 16/06, em unidade da rede pública, em Gandu;

1620º óbito – homem, 91 anos, residente em Itaberaba, sem informação de comorbidade, foi internado dia 23/06 e foi a óbito dia 24/06, em unidade da rede pública, em Itaberaba;

1621º óbito – homem, 70 anos, residente em Salvador, portador de doença renal crônica, foi internado dia 14/06 e foi a óbito dia 20/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1622º óbito – homem, 84 anos, residente em Feira de Santana, portador de hipertensão, foi internado dia 15/06 e foi a óbito dia 17/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1623º óbito – homem, 65 anos, residente em Salvador, portador de neoplasias, foi internado dia 15/06 e foi a óbito dia 19/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1624º óbito – mulher, 78 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial, diabetes e doença renal crônica, foi internada dia 09/06 e foi a óbito dia 10/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1625º óbito – mulher, 61 anos, residente em Lauro de Freitas, portadora de hipertensão arterial e diabetes, foi internada dia 22/05 e foi a óbito dia 27/05, em unidade da rede pública, em Salvador;

1625º óbito – mulher, 61 anos, residente em Lauro de Freitas, portadora de hipertensão arterial e diabetes mellitus. Internada dia 22/05, foi a óbito dia 27/05, em hospital da rede pública, em Salvador;

1626º óbito – homem, 91 anos, residente em Valença, sem informações sobre a existência de comorbidades. Também, sem informações acerca da data de internação, foi a óbito dia 24/06, em hospital filantrópico, em Valença;

1627º óbito – homem, 78 anos, residente em Salvador, portador de hipertensão arterial, doença cardiovascular e doença respiratória crônicas. Internado dia 19/05, foi a óbito dia 06/06, em hospital da rede particular, em Lauro de Freitas;

1628º óbito – homem, 90 anos, residente em Vitória da Conquista, sem informações sobre a existência de comorbidades. Também, não foi informada a data de internação. Foi a óbito dia 21/06, em hospital filantrópico, em Vitória da Conquista;

1629º óbito – mulher, 65 anos, residente em Salvador, portadora de diabetes mellitus. Internada dia 25/05, foi a óbito dia 20/06, em hospital da rede particular, em Salvador;

1630º óbito – homem, 52 anos, residente em Salvador, portador de doença do sistema nervoso. Internado dia 26/05, foi a óbito dia 28/05, em hospital da rede pública, em Salvador;

1631º óbito – mulher, 76 anos, residente em Itabuna, sem informações sobre a existência de comorbidades. Também sem informação quanto à data de internação, foi a óbito dia 16/06, em hospital filantrópico, em Itabuna;

1632º óbito – homem, 68 anos, residente em Salvador, portador de diabetes mellitus e hipertensão arterial. Internado dia 21/05, foi a óbito dia 16/06, em hospital particular, em Lauro de Freitas;

1633º óbito – homem, 51 anos, residente em Serrinha, portador de doença renal crônica. Internado dia 16/06, foi a óbito dia 17/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

1634º óbito – homem, 93 anos, residente em Salvador, portador de hipertensão arterial. Internado dia 07/06, foi a óbito dia 17/06, em hospital da rede particular, em Lauro de Freitas;

1635º óbito – mulher, 95 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial. Internada dia 08/06, foi a óbito dia 17/06, em hospital da rede particular, em Lauro de Freitas;

1636º óbito – mulher, 91 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial e doença cardiovascular. Internada dia 04/06, foi a óbito dia 23/06, em hospital da rede particular, em Lauro de Freitas;

1637º óbito – mulher, 82 anos, residente em Camaçari, portadora de diabetes mellitus e hipertensão arterial. Internada dia 14/06, foi a óbito dia 15/06, em unidade da rede pública, em Camaçari;

1638º óbito – mulher, 70 anos, residente em Catu, portadora de hipertensão arterial, diabetes mellitus e neoplasias. Internada dia 06/06, veio a óbito dia 19/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

1639º óbito – mulher, 101 anos, residente em Camaçari, portadora de hipertensão arterial. Internada di9a 12/06, foi a óbito dia 15/06, em unidade da rede pública, em Camaçari;

1640º óbito – mulher, 70 anos, residente em Camaçari, portadora de diabetes mellitus. Internada dia 08/06, foi a óbito dia 16/06, em unidade pública, em Camaçari;

1641º óbito – mulher, 83 anos, residente em Pojuca, portadora de diabetes mellitus. Internada dia 25/05, foi a óbito dia 23/06, em hospital da rede particular, em Salvador;

1642º óbito – mulher, 79 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial, diabetes mellitus, doença cardiovascular e obesidade. Internada dia 17/06, foi ia óbito dia 24/06, em hospital da rede particular, em Salvador.
                                                           *****
   9. Profissionais da economia criativa serão contemplados com a doação de cestas básicas. Realizada pelo Governo do Estado, por meio da Superintendência de Fomento ao Turismo (Bahiatursa), a ação atenderá a profissionais como músicos, garçons, produtores, técnicos de som, iluminação e montadores. 

   10. Para receber, eles devem ser cadastrados em associações como Movimento Organizado dos Profissionais de Eventos (MOPE-BA), Grupo Bahia ou Associação dos Produtores de Eventos (APE). Desde o início da pandemia, a Bahiatursa tem recebido profissionais do ramo de eventos para atender à sensível situação. Esta é apenas uma das ações que estão sendo pensadas para este momento.

   11. A Embasa informa que, para correção emergencial de vazamento em trecho de uma linha distribuidora que anastece a Cidade Baixa, o fornecimento de água precisará ser interrompido neste domingo (28), a partir das 7 horas da manhã, nos bairros de Caminho de Areia, Calçada, Roma, Massaranduba, Jardim Cruzeiro, Bonfim, Monte Serrat, Uruguai, Vila Ruy Barbosa, Joanes, Boa Viagem e Ribeira.

  12. A previsão é que o serviço seja concluído até as 18 horas, quando o abastecimento começará a ser retomado de forma gradativa, com plena regularização estimada em até 24 horas após a finalização dos trabalhos. A interrupção temporária não afetará os imóveis com reservatório domiciliar capaz de atender as necessidades diárias de consumo de seus ocupantes.

   13. Os profissionais do Hospital Geral Roberto Santos (HGRS) foram destaque na pesquisa de satisfação realizada pelo Governo do Estado, solicitada pelo Conselho de Qualidade do Serviço Público (Conquali). De acordo com o levantamento, 95% dos pacientes estão satisfeitos com o atendimento médico, 90% consideram apropriado o atendimento da enfermagem e 89% gostam do atendimento dos funcionários da recepção. De todos os entrevistados, 94,4% indicariam a unidade de saúde para outra pessoa.

   14. Na avaliação geral, a pesquisa apontou que 87,7% dos cidadãos entrevistados ficaram satisfeitos com o atendimento do HGRS. O índice apresentou um crescimento de 9,7% da satisfação em relação à pesquisa realizada em 2017, que resultou em um plano de ação para implantação de melhorias sugeridas pelos entrevistados naquela época.

   15. Segundo o diretor-geral do HGRS, José Admirço Lima Filho, nesses últimos três anos, a instituição passou por muitas transformações positivas, fruto de um trabalho focado em três pilares: investimento em tecnologia, melhoria dos fluxos e atendimento especializado.

   16. O Instituto Brasileiro de Mineração (IBRAM) solicitou apoio do Tribunal de Contas da União (TCU) na analise do processo referente à Ferrovia Oeste-Leste (Fiol). O pedido se deu por ofício, encaminhado no último dia 24 de junho, ao ministro Aroldo Cedraz, relator do processo que é pré-requisito para a conclusão das obras do trecho 1, entre Ilhéus e Caetité.

    17. Para o presidente da Companhia Baiana de Pesquisa Mineral (CBPM), Antonio Carlos Tramm, a ferrovia será fundamental para o desenvolvimento da Bahia. "A Fiol é uma obra que vai fazer com o interior da Bahia aquilo que o Polo Petroquímico fez com a Região Metropolitana de Salvador. Esta é uma obra que precisa ser compreendida de maneira mais ampla, é um projeto estruturante. Não é uma chuva no sertão, é um rio perene que vai continuar passando".

   18. Além do IBRAM, o ministro Cedraz já recebeu ofícios do vice-governador e secretário de Desenvolvimento Econômico, João Leão, dos presidentes das federações baianas das Indústrias (Ricardo Alban), Agricultura (Humberto Miranda) e Comércio (Carlos Andrade).

  19. Faltam poucos dias para finalizar o prazo de entrega da Declaração do Imposto de Renda, mas ainda há tempo para encarar o leão de uma forma solidária. Até o dia 30 de junho, todo contribuinte que fizer a declaração pelo MODO COMPLETO pode destinar 3% do imposto devido ao Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (FMDCA), sem pagar nada a mais e sem afetar o valor da restituição. 


   20. Esta é também uma oportunidade de ajudar a Apae Salvador a ampliar os serviços de humanização do Centro Especializado em Reabilitação, no bairro de Coutos. O CER II conta com um programa de acompanhamento em intervenção clínico-terapêutico multiprofissional para pessoas com deficiência física, intelectual e múltipla.

 Confira o passo a passo para doar!

 1 – Preencha normalmente todos os dados da sua declaração.

1.1-       Caso tenha feito alguma doação ao Fundo da Infância e do Adolescente através de deposito (em 2019), informe em “Doações Efetuadas”.

 2 – Selecione a opção tributação “Por Deduções Legais”. Essa opção é necessária para deduzir do Imposto Devido suas doações ao FIA.

 3 – Selecione “Doações Diretamente na Declaração – ECA” no Resumo da declaração.

 4 – Clique em “OK” e depois em “Novo”.

 5 – Escolha o Município de Salvador, para onde será destinada sua declaração.
Tasso Franco Tasso Paes Franco é jornalista formado pela UFBA, 1971. É também escritor com vários livros publicados sobre a Bahia.