segunda-feira, 25 de maio de 2020
Colunistas / Miudinhas
Tasso Franco

COVID BRASIL. 18.859 MORTOS; 291.579 INFECTADOS; BA 11.197; ÓBITOS 362

Cresce número de óbitos com a Covid 10 na Bahia e se espalha pelo interior
20/05/2020 às 10:13
   MIUDINHAS GLOBAIS:

   1. Segundo dados do Ministério da Saúde, o número de mortes por covid-19 um dia após registrar, pela primeira vez, mais de mil óbitos em uma única atualização diária, confirmou 888 novas vítimas fatais entre ontem e hoje. O último balanço indica, portanto, que 18.859 pessoas já perderam suas vidas por conta da doença respiratória provocada pelo novo coronavírus. 

   2. De acordo com a Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos, referência mundial no monitoramento da pandemia, o país ocupa a 5ª posição em quantidade absoluta de mortes em todo o mundo, atrás de Estados Unidos (92.645), Reino Unido (35.785), Itália (32.330), França (28.135) e Espanha (27.888).  

   3. Em relação ao contingente total de infectados, foram confirmados 19.951 novos casos e, agora, são 291.579 diagnosticados. Segundo estimativas do governo federal, 116.683 pessoas já estão curadas da doença. No comparativo com outras nações, o Brasil ocupa a 3ª posição em número de ocorrências, atrás dos Estados Unidos (1.539.633) e da Rússia (308.705).

   4. São Paulo acumula 5.363 óbitos por causa da covid-19, com 216 notificações nas últimas 24 horas. De acordo com o Secretaria de Saúde, o estado tem 69.859 diagnósticos positivos desde o primeiro registro oficial, em 26 de fevereiro, na capital. Há casos registrados em 75% das cidades paulistas. 

  5. Há, ainda, 10,8 mil pacientes internados no estado, sendo que 6.645 estão em enfermarias e outros 4.169 em UTIs. A taxa de ocupação de leitos de tratamento intensivo está em 71,7% no estado e 87,9% na Região Metropolitana.

  6. (BAHIA/SESAB) A Bahia registra 11.197 casos confirmados de Covid-19, o que representa 17,43% do total de casos notificados no estado e 362 óbitos. Cumpre ressaltar que, desde o dia 19 de maio, 2.377 casos confirmados aguardam validação dos municípios.

   7. Considerando o número de 11.197 casos confirmados, 3.216 recuperados e 362 óbitos, 7.619 pessoas permanecem monitoradas pela vigilância epidemiológica e com sintomas da Covid-19, o que são chamados de casos ativos. Na Bahia, 1.744 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19.

   8. Os casos confirmados ocorreram em 222 municípios do estado, com maior proporção em Salvador (60,44%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 1.000.000 habitantes foram Uruçuca (3.703,88), Itabuna (2.954,65), Ipiaú (2.833,91), Ilhéus (2.814,88) e Salvador (1.855,97).

   9. O boletim epidemiológico registra 30.597 casos descartados e 64.243 notificações em toda a Bahia. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais.

   10. Na Bahia, dos 1.365 leitos disponíveis do Sistema Único de Saúde (SUS) exclusivos para Covid-19, 688 possuem pacientes internados, o que representa uma taxa de ocupação de 50%. No que se refere aos leitos de UTI adulto e pediátrico, dos 547 leitos exclusivos para o coronavírus, 327 possuem pacientes internados, compreendendo uma taxa de ocupação de 59,8%. 

   11. Cabe ressaltar que o número de leitos é flutuante, representando o quantitativo exato de vagas disponíveis no dia. Intercorrências com equipamentos, rede de gases ou equipes incompletas, por exemplo, inviabilizam a disponibilidade do leito. Ressalte-se que novos leitos são abertos progressivamente mediante o aumento da demanda.

  12. A avaliação ruim ou péssima do governo do presidente Jair Bolsonaro oscilou 1 ponto percentual para cima e atingiu a marca de 50%, um novo recorde registrado em levantamento do Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (Ipespe) para a XP Investimentos, mostraram os números da pesquisa divulgados nesta quarta-feira.

  13. O Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen-BA) realizou 38.694 exames do tipo RT-PCR, que é o padrão ouro para identificar o genoma viral do coronavírus, no período de 1° de março a 20 de maio de 2020. Atualmente, 3.653 amostras estão em análise laboratorial e os exames são liberados em até 48 horas.

  14. Óbitos:  A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) contabiliza 362 mortes pelo novo coronavírus. Estes números contabilizam todos os registros de janeiro até as 18 horas desta quarta-feira (20).

327º óbito – mulher, 79 anos, residente em Ibirapitanga, comorbidade obesidade, veio a óbito dia 16/05, em unidade da rede pública em Vitória da Conquista.

328º óbito – mulher, 65 anos, residente em Coaraci, sem informação de comorbidade, veio a óbito dia 14/05, em unidade da rede pública em Itabuna.

329º óbito – homem, 62 anos, residente em Salvador, sem comorbidades, veio a óbito dia 09/05, em unidade da rede pública em Salvador.

330º óbito – homem, 81 anos, residente em Salvador, comorbidade doença cardíaca crônica, veio a óbito dia 14/05, em unidade da rede pública em Salvador.

331º óbito – homem, 81 anos, residente em Salvador, comorbidades doença cardiovascular, doença neurológica crônica, veio a óbito dia 18/05, em unidade da rede privada em Salvador.

332º óbito – mulher, 72 anos, residente em Salvador, comorbidades diabetes e hipertensão arterial, veio a óbito dia 16/05, em unidade da rede pública em Salvador.

333º óbito – mulher, 96 anos, residente em Salvador, comorbidade hipertensão arterial, veio a óbito dia 10/05, em unidade da rede pública em Salvador.

334º óbito – mulher, 57 anos, residente em Salvador, comorbidades obesidade e diabetes, veio a óbito dia 16/05, em unidade da rede pública em Salvador.

335º óbito – homem, 91 anos, residente em Manoel Vitorino, comorbidades não informadas, veio a óbito dia 16/05, em unidade da rede pública em Ilhéus.

336º óbito – homem, 53 anos, residente em São Francisco do Conde, comorbidade sequela de AVC, veio a óbito dia 14/05, em unidade da rede pública em Salvador.

337º óbito – homem, 75 anos, residente em Salvador, comorbidade hipertensão arterial, veio a óbito dia 13/05, em unidade da rede pública em Salvador.

338º óbito – mulher, 69 anos, residente em Uruçuca, comorbidades hipertensão arterial, diabetes, AVC, síndrome de imobilidade, veio a óbito dia 16/05, em unidade da rede pública em Salvador.

339º óbito – homem, 46 anos, residente em Ipiaú, comorbidade diabetes, veio a óbito dia 15/05, em unidade da rede pública, em Salvador.

340º óbito – homem, 72 anos, residente em Salvador, sem comorbidades, veio a óbito dia 12/05, em unidade da rede pública em Salvador.

341º óbito – mulher, 85 anos, sem comorbidades, residente em Salvador, veio a óbito dia 14/05, em unidade da rede privada em Salvador.

342ª óbito – homem, 90 anos, residente em Salvador, comorbidade doença de Alzheimer e diabetes, veio a óbito dia 18/05, em unidade da rede privada em Salvador.

343º óbito – mulher, 69 anos, residente em Amargosa, comorbidades diabetes e hipertensão arterial, veio a óbito dia 13/05, em unidade da rede pública em Amargosa.

344º óbito – homem, 42 anos, residente em Salvador, sem comorbidades, veio a óbito dia 19/05, em unidade da rede privada em Salvador.

345º óbito – homem, 44 anos, comorbidades diabetes e hipertensão arterial, veio a óbito dia 17/05, em unidade da rede privada em Salvador.

346º óbito – mulher, 54 anos, comorbidade doença cardiovascular, veio a óbito dia 19/05, em unidade da rede privada em Salvador.

347º óbito – mulher, 46 anos, residente em Feira de Santana, comorbidades hipertensão arterial e obesidade, veio a óbito dia 19/05, em hospital da rede pública em Salvador.

348º óbito – homem, 63 anos, residente em Iaçu, comorbidades diabetes e doença cardiovascular, veio a óbito dia 14/05 em hospital da rede pública em Iaçu.

349º óbito – homem, 74 anos, residente em Iaçu, sem comorbidades, veio a óbito dia 15/05, em hospital da rede pública em Iaçu.

350º óbito – mulher, 80 anos, residente em Salvador, comorbidades obesidade e diabetes, veio a óbito dia 07/05, em hospital da rede pública em Salvador.

351º óbito – homem, 56 anos, residente em Salvador, comorbidade hipertensão, veio a óbito dia 15/05, em hospital da rede pública em Salvador.

352º óbito – homem, 73 anos, residente em Salvador, comorbidade hipertensão, veio a óbito dia 17/05, em hospital da rede pública em Salvador.

353º óbito – homem, 65 anos, residente em Salvador, comorbidade diabetes, veio a óbito dia 07/05, em hospital da rede pública em Salvador.

354º óbito – mulher, 92 anos, residente em Salvador, sem comorbidades, veio a óbito dia 18/05, em hospital filantrópico em Salvador.

355º óbito – mulher, 65 anos, residente em Salvador, sem comorbidades, veio a óbito dia 13/05, em unidade da rede pública em Salvador.

356º óbito – homem, 68 anos, residente em Salvador, comorbidade hipertensão arterial, veio a óbito dia 14/05, em unidade da rede pública em Salvador.

357º óbito – homem, 70 anos, residente em Salvador, comorbidade neoplasia, veio a óbito dia 12/05, em hospital da rede pública em Salvador.

358º óbito – homem, 57 anos, residente em Salvador, sem comorbidades, veio a óbito dia 20/05, em hospital da rede particular em Salvador.

359º óbito – mulher, 69 anos, residente em Salvador, comorbidades doenças cardiovasculares, veio a óbito dia 13/05, em hospital da rede pública em Salvador.

360º óbito – homem, 70 anos, residente em Salvador, comorbidade Doença de Parkinson, veio a óbito dia 08/05, em hospital da rede pública em Salvador.

361º óbito – homem, 75 anos, residente em Salvador, comorbidades diabetes e doenças cardiovasculares, veio a óbito dia 18/05, em hospital da rede pública em Salvador.

362º óbito – mulher, 94 anos, residente em Salvador, sem comorbidades, veio a óbito dia 18/05, em hospital da rede pública em Salvador.

                                                         *******
  15. O hospital de campanha montado na área externa do Hospital do Subúrbio (HS) começa a funcionar nesta quinta-feira, 21 de maio, com 20 leitos de UTI para atendimento de pacientes graves com COVID-19. No total, o espaço contará com 60 leitos de UTI, cuja abertura será realizada de forma gradual. Os pacientes chegarão à unidade encaminhados pela Central Estadual de Regulação.

  16. A cada dia, 140 profissionais de categorias distintas, desde auxiliares de Higienização, equipe de Enfermagem, fisioterapeutas até o corpo médico, estarão no hospital de campanha atuando na linha de frente para garantir assistência segura e de qualidade aos pacientes internados. Essa equipe conta com profissionais exclusivos para a unidade, sem qualquer contato físico com os demais setores do Hospital do Subúrbio para reduzir o risco de contaminação cruzada.

   17. Para oferecer segurança e bem-estar à equipe do hospital de campanha, a unidade conta com sala de descanso, refeitório, vestiários, amplo posto de enfermagem e corredores largos garantindo espaçamento adequado e boa movimentação no local, com climatização em todo o ambiente. 

   18. Com uma área de 1.200 m², a estrutura foi montada atendendo às exigências legais quanto ao tamanho dos leitos. Uma câmara de desinfecção contribuirá para minimizar os riscos de contaminação dos profissionais, antes da retirada dos equipamentos de proteção individual (EPIs) e do banho no local.

  19. Embora possua grande parte da sua estrutura funcionando de forma independente, a exemplo de equipamento de raio-x, Farmácia Satélite e Rouparia próprios, o hospital de campanha recebe suporte técnico de setores do prédio do HS, como Laboratório, Lavanderia e Bioimagem (para exames de tomografia).

   20. Após treinamentos constantes envolvendo os mais variados protocolos, uso adequado dos EPIs e consequente desparamentação, a equipe do hospital de campanha está pronta para receber os pacientes. Para o diretor técnico do HS, Rogério Palmeira, o momento requer dedicação e empenho por se tratar de uma situação nova. 

   21. “Vamos enfrentar esse momento com muita força e resiliência, apoiando sempre a equipe. Não adianta ter uma boa estrutura sem pessoas dedicadas e capacitadas atuando. As pessoas são fundamentais na superação da crise”, destacou.

   22. A avaliação ruim ou péssima do governo do presidente Jair Bolsonaro oscilou 1 ponto percentual para cima e atingiu a marca de 50%, um novo recorde registrado em levantamento do Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (Ipespe) para a XP Investimentos, mostraram os números da pesquisa divulgados nesta quarta-feira.

   23. De acordo com a sondagem, aqueles que consideram a gestão Bolsonaro ruim ou péssima foram de 49% no levantamento de 30 de abril para 50% agora. O percentual dos que consideram o governo ótimo ou bom foi de 27% na sondagem anterior para 25%, e o dos que consideram a gestão regular oscilou 1 ponto percentual para baixo, agora com 23%, ao passo que 2% não responderam, contra 1% na pesquisa anterior.

   24. A pesquisa, realizada entre os dias 16 e 18 de maio, também apontou uma oscilação para cima na expectativa negativa para o restante do mandato de Bolsonaro, com 48% de ruim ou péssimo contra 46% no levantamento anterior. Os que acreditam que o restante da gestão será ótima ou boa são 27%, ante 30%, e os que apostam que será regular são 19%, ante 18%. O percentual dos que não responderam oscilou para 7%.

  25. O levantamento ouviu 1 mil pessoas e tem margem de erro de 3,2 pontos percentuais.

  26.  A Estácio de Juazeiro -BA lançou o edital de abertura do processo seletivo para preenchimento de 37 (trinta e sete) vagas no curso de Medicina para o 2º semestre de 2020. Podem se inscrever candidatos que tenham realizado o teste do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) nos anos de 2015, 2016, 2017, 2018 e 2019. 

   27. A inscrição poderá ser feita pela internet, no site www.estacio.br/medicina , bastando selecionar a unidade que deseja fazer a inscrição - no caso Juazeiro-BA, clicar na opção “INSCREVA-SE”- , preencher os dados cadastrais no formulário específico que está na página, imprimir o boleto bancário e realizar o pagamento da taxa estabelecida até a data de vencimento.

   28. A inscrição estará disponível até as 23h59min do dia 14 de julho de 2020, e só é confirmada após o pagamento da taxa de inscrição, no valor de R$ 400,00 (quatrocentos reais), que poderá ser efetuado até o dia 15 de julho de 2020.

  29. Para aprovação no Concurso, será considerada a maior média aritmética das 5 (cinco) disciplinas realizadas na prova do ENEM, sendo que, em cada uma das provas objetivas, o candidato tenha tido nota igual ou maior que 100 (cem) pontos, bem como a nota da Redação deverá ser igual ou superior a 300 (trezentos) pontos. A divulgação da relação dos candidatos classificados será realizada no dia 27 de julho de 2020, a partir das18h, por meio de consulta no site www.estacio.br/medicina.

  30. O vice-prefeito Bruno Reis testou negativo para o coronavírus. O resultado do exame saiu na tarde desta quarta-feira (20). Também secretário de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra), Bruno Reis se submeteu à nova avaliação ao descobrir que o motorista que trabalha diariamente com ele testou positivo para a Covid-19, na terça-feira. Com a confirmação de que está saudável, Bruno Reis deixa o isolamento e retoma as atividades na Prefeitura. O colaborador do vice-prefeito está assintomático, recuperando-se do coronavírus em casa.