quarta-feira, 19 de fevereiro de 2020
Colunistas / Miudinhas
Tasso Franco

PREJUÍZOS COM CHUVAS EM FEIRA: PREFEITO DECRETA SITUAÇÃO EMERGÊNCIA

Nesta quarta-feira (29), é celebrado o Dia Nacional da Visibilidade Trans, a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) lembra que travestis, mulheres e homens transexuais, têm direito de serem tratadas(os) pelo nome social
28/01/2020 às 08:21
MIUDINHAS GLOBAIS:

   1. Em razão das fortes chuvas que caíram em Feira de Santana  entre os dias 23 e 26 de janeiro, resultando em danos ambientais, prejuízos socioeconômicos  e a morte de um morador do Conjunto Feira X, o prefeito Colbert Martins Filho  baixou um decreto declarando Situação de Emergência no Município.

   2. A decisão do chefe do Executivo feirense foi tomada com base no Relatório Preliminar de Ocorrência emitido pela Coordenação Municipal da Defesa Civil, que apontou o agravamento das condições meteorológicas e a vulnerabilidade da população em várias localidades.

   3. Dentre os bairros mais afetados estão a Gabriela, Campo Limpo, Baraúnas, Pampalona, Parque Ipê, Cidade Nova, papagaio, Queimadinha, Parque Brasil, Loteamento José Ronaldo,  Feira X, e George Américo.

   4. O prefeito assegurou que o Governo Municipal se encontra equipado com todos os instrumentos legais possíveis para  apoiar as pessoas que tenham necessidade, inclusive recursos para lhes garantir o aluguel social, em caso de famílias que tiveram suas casas danificadas pelas chuvas

   5. Para fazer frente aos problemas ocasionados pelas chuvas, Colbert Filho anunciou que fará a licitação de um projeto urbano para a drenagem do centro da cidade, bem como das bacias dos rios Subaé, Jacuípe e Pojuca.

   6. Com recursos da Caixa Econômica Federal, as obras que vão devolver ao feirense o direito de ir e vir pelos passeios,  ruas e  avenidas centrais do Centro Histórico, vão custar aos cofres do Município R$ 58 milhões, divididos em duas etapas distintas.

   7. De acordo com o projeto executado pela Secretaria de Planejamento, todas as ruas centrais ganharão um novo modelo de piso, novos sistemas de iluminação e hidráulica, sinalização horizontal e vertical com semáforos voltados, sobretudo,  aos  pedestres e suas peculiaridades motoras. Serão criados calçadões e praças dotados de lixeiras e mobiliário confortável; instalação de hidrantes, além da criação de uma Zona Azul.

   8. Também serão implantados 15.000 metros quadrados de rede de drenagem, substituindo a atual, que se encontra assoreados; as calçadas serão alargadas e exclusivas para o pedestre.

                                                                       *****
   6. Baseado em dados estatísticos levantados por um instituto de pesquisa que computou o apoio da maioria dos feirenses aos projetos de infraestrutura do Centro Comercial da cidade, o Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico se reuniu nesta segunda-feira, 27, quando foi apresentado o projeto de Requalificação Urbana do Centro da cidade.

   7. Pensado em 2013, com o Pacto da Feira, projeto que é subscrito por todas as entidades representativas da economia local, entre sindicatos patronais, trabalhadores e prestadores de serviços, o projeto de requalificação do Centro Comercial teve a sua primeira etapa com o cadastramento de 1.800 camelôs da Rua Sales Barbosa e adjacências.

   8. Logo em breve, a segunda etapa estará concluída com a inauguração do Centro de Comércio Popular, uma obra arrojada,  fruto de uma Parceria Público Privada, para onde serão transferidos os comerciantes ambulantes cadastrados pela Secretaria do Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico(SETTDEC).

   9. A terceira etapa, a mais desejada pela população feirense, segundo as respostas otimistas obtidas pelo instituto de pesquisa dirigido pelo economista Amarildo Oliveira, consiste na requalificação urbana do Centro Comercial de Feira de Santana, cujas condições atuais, são reprovadas pela maioria das pessoas constantes no universo pesquisado.

   10. Após a exposição detalhada do projeto, demonstrada em slides  pelo secretário Borges Júnior (SETTDEC), o prefeito Colbert Martins da Silva Filho afirmou que “ nós vamos ter um grande e moderno Centro Comercial, em Feira de Santana, fazendo o que entendo que seja o melhor por nossa cidade”, disse.
                                                                      *****
  11. Uma missão empresarial espanhola estará na Bahia entre os dias 18 e 20 de março. A agenda que será cumprida neste período foi tratada durante reunião ocorrida nesta segunda-feira (27), na sede da Secretaria Estadual do Planejamento (Seplan), com a participação do secretário Walter Pinheiro, do cônsul geral da Espanha no Nordeste, Gonzalo Fournier, e de representantes da Federação das Indústrias do Estado da Bahia (Fieb) e da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE).

  12. “Estamos trabalhando intensamente para atrair novos investimentos para a Bahia e a Espanha já possui parceria conosco em diversas áreas, a exemplo das energias renováveis, empreendimentos turísticos, ciência, tecnologia e inovação, dentre outras”, ressaltou Pinheiro.

  13. A ideia da vinda dos empresários estrangeiros para a Bahia surgiu durante missão do Governo do Estado na Câmara de Comércio Brasil-Catalunha (CCBC), em julho de 2019, quando foram apresentadas e discutidas as diversas oportunidades de investimento na Bahia e comércio bilateral.

14. Nesta quarta-feira (29), às 10 horas, será assinada a ordem de serviço para a realização das obras de requalificação do Museu Wanderley Pinho, em Candeias, com as presenças do secretário do Turismo, Fausto Franco; do diretor do Ipac, João Carlos de Oliveira; chefe de projetos do BID, Denise Levy; e do prefeito de Candeias, Dr. Pitágoras, dentre outras autoridades convidadas.

15. A obra de restauração e recuperação do museu, que será executada com recursos do Prodetur Nacional Bahia, através de financiamento do BID, no valor de R$24 milhões, é a primeira das 13 intervenções náuticas e uma cultural (o museu) que serão realizadas na Baia de Todos-os-Santos, sob a responsabilidade da Secretaria do Turismo do Estado (Setur). 

16. Localizado no distrito de Caboto, município de Candeias, o Museu Wanderley Pinho possui acervo de mais de 200 peças que contam uma história da bahia e do brasil desde o século 17.

17. O equipamento ocupa um casarão de quatro andares e 55 cômodos no antigo Engenho Freguesia e inclui ainda uma capela. Tombado como patrimônio nacional pelo Iphan, o equipamento possui grande importância arquitetônica e cultural, sendo administrado pelo Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (IPAC).

18. A CCR Metrô Bahia passa a oferecer mais uma facilidade para os clientes do Sistema Metroviário de Salvador e Lauro de Freitas. A partir desta segunda-feira, 27, será possível comprar os créditos para os Cartões de Integração do Metrô em uma rede credenciada com mais de 3.000 pontos de vendas. São pontos comerciais como lojas, restaurantes, farmácias, entre outros, distribuídos por Salvador e Região Metropolitana. 

19. Para encontrar o ponto mais próximo para a recarga, basta acessar o site www.rvgo.com.br pelo computador ou smartphone que ele vai indicar os locais mais próximos para a compra dos créditos, além da rota de como chegar. A identificação da RVGO é a garantia de que o estabelecimento é parceiro e realiza a venda de créditos.

20. Na rede credenciada será possível fazer a compra de créditos entre R$ 2 e R$ 100, com pagamento somente em dinheiro, sem custo adicional para o usuário. A carga é ativada nas estações de metrô. Após a compra, o sistema enviará imediatamente uma ordem para o cartão, a qual estará disponível para carga em até 5 minutos em qualquer estação do metrô. 

21. Para ativar os créditos adquiridos, basta apresentar o cartão no validador de consulta e carga presente em todas as estações, antes de se dirigir às catracas de acesso. É importante que o cliente tenha em posse o recibo de compra até que a validação seja efetivada.

22. As travestis, mulheres e homens transexuais residentes de Salvador que têm interesse em utilizar o nome social no Cartão SUS, podem buscar um dos 141 postos de saúde da capital baiana para efetuar a inclusão.

23. Nesta quarta-feira (29), é celebrado o Dia Nacional da Visibilidade Trans, a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) lembra que travestis, mulheres e homens transexuais, têm direito de serem tratadas(os) pelo nome social e incluí-lo nos prontuários e nos demais formulários utilizados pelos serviços de saúde. É um direito garantido pela Carta dos Direitos dos Usuários do SUS e pela Lei Municipal nº 7859/2010.

24. O respeito ao nome social além de ser um direito dessa população, busca eliminar situações constrangedoras ou discriminatórias que possam funcionar como barreiras de acesso aos serviços públicos.

25. Para imprimir o cartão SUS, basta ir à unidade de saúde mais próxima com documento oficial com foto, CPF e o número do cartão, para as pessoas que já possuem o recurso, a 1ª via só realizada na prefeitura-bairro.