quinta-feira, 25 de abril de 2019
Colunistas / Miudinhas
Tasso Franco

MOURÃO DIZ QUE SE O GOVERNO ERRAR DEMAIS culpa irá os militares

Após ser pisoteado por um elefante, um caçador de rinocerontes foi comido por um grupo de leões no Parque Nacional Kruger, na África do Sul.
07/04/2019 às 05:14
MIUDINHAS GLOBAIS:

   1. O vice-presidente, general Hamilton Mourão, foi aplaudido em pé em Harvard ao responder pergunta sobre o papel dos militares na política brasileira. Em uma pergunta sobre o histórico dos militares no Brasil e uma comparação feita com o general Ernesto Geisel, Mourão rebateu: " O general Geisel não foi eleito, eu fui".

   2. Nessa hora, enquanto a plateia se levantava para aplaudir o vice-presidente, um manifestante gritou "ditadura nunca mais" e foi retirado pelos seguranças do evento. Mourão participa da Brazil Conference, evento organizado pelos alunos brasileiros de Harvard e do MIT. Na plateia, além de alunos e professores de Harvard, estão o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, o presidente do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, e o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel.

   3. Ele minimizou o papel dos militares no governo Bolsonaro e disse que os integrantes das Forças Armadas que fazem parte do governo já estavam na reserva quando foram convocados para o Executivo. "O presidente Bolsonaro é mais político do que um militar, mas carrega dentro de si, obviamente, toda formação que nós tivemos", disse Mourão. 

   3. Ele disse que foi convocado por Bolsonaro na "décima hora" para a vice-presidência. "Positivo, é assim que funciona a coisa", brincou Mourão, sobre aceitar o convite.

   4. "Os companheiros que conheciamos das Forças (Armadas) foram convocados, mas são todos da reserva, estão afastados", disse Mourão.

   5. O vice-presidente afirmou ainda que se o governo "errar demais", a "conta" irá para as Forças Armadas. "Daí a nossa extrema preocupação e as palavras que o presidente falou no dia 28 de outubro quando fomos eleitos. Ele olhou para mim e disse assim: nós não podemos errar", disse Mourão.
           MIUDINHAS GLOBAIS:

   1. O vice-presidente, general Hamilton Mourão, foi aplaudido em pé em Harvard ao responder pergunta sobre o papel dos militares na política brasileira. Em uma pergunta sobre o histórico dos militares no Brasil e uma comparação feita com o general Ernesto Geisel, Mourão rebateu: " O general Geisel não foi eleito, eu fui".

   2. Nessa hora, enquanto a plateia se levantava para aplaudir o vice-presidente, um manifestante gritou "ditadura nunca mais" e foi retirado pelos seguranças do evento. Mourão participa da Brazil Conference, evento organizado pelos alunos brasileiros de Harvard e do MIT. Na plateia, além de alunos e professores de Harvard, estão o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, o presidente do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, e o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel.

   3. Ele minimizou o papel dos militares no governo Bolsonaro e disse que os integrantes das Forças Armadas que fazem parte do governo já estavam na reserva quando foram convocados para o Executivo. "O presidente Bolsonaro é mais político do que um militar, mas carrega dentro de si, obviamente, toda formação que nós tivemos", disse Mourão. 

   3. Ele disse que foi convocado por Bolsonaro na "décima hora" para a vice-presidência. "Positivo, é assim que funciona a coisa", brincou Mourão, sobre aceitar o convite.

   4. "Os companheiros que conheciamos das Forças (Armadas) foram convocados, mas são todos da reserva, estão afastados", disse Mourão.

   5. O vice-presidente afirmou ainda que se o governo "errar demais", a "conta" irá para as Forças Armadas. "Daí a nossa extrema preocupação e as palavras que o presidente falou no dia 28 de outubro quando fomos eleitos. Ele olhou para mim e disse assim: nós não podemos errar", disse Mourão.
                                                                              ******
   6. Após ser pisoteado por um elefante, um caçador de rinocerontes foi comido por um grupo de leões no Parque Nacional Kruger, na África do Sul.

   7. Os parentes da vítima notificaram a guarda florestal após relato de outros caçadores. Autoridades conduziram uma busca e descobriram um crânio humano e um par de calças dois dias depois, na quinta-feira.

    8. "Entrar no Parque Nacional Kruger ilegalmente e a pé não é (uma decisão) inteligente", disse a direção do parque. "Há muitos perigos e esse incidente é prova disso".

   9. O Parque Nacional Kruger sofre com caçadores ilegais. Eles matam rinocerontes para vender seus chifres em países asiáticos, onde se acredita que tenham propriedades medicinais.

   10. Cerca de 95% das pessoas que fazem dieta restritiva retornam aos velhos hábitos, e voltam a engordar, comprometendo a saúde física e psicológica. Essa realidade foi constatada pela nutricionista e coach Anne Cristine, que ao longo dos últimos anos vem aplicando na Bahia  o Programa Nutricional Personalizado (PNP), através do qual qualquer pessoa, (mulher ou homem, e até crianças), pode atingir o estado desejado, comendo o simples, sem os sacrifícios das dietas restritivas.

   11. A nutricionista explica que a restrição alimentar é entendida pelo corpo como agressão, e compromete a massa muscular. "Como resultado, a pessoa vai engordar mais, e o resultado emocional será a próxima frustração", diz ela. Anne Cristine revela que "o PNP foca no aprendizado, ensinando a comer, a dominar o alimento, ato que "é o mapa do tesouro".

   12. "É possível emagrecer sem dieta restritiva, sem sacrifícios e sem fechar a boca", afirma Anne Cristine, que vai demonstrar os benefícios do PNP durante palestra-treinamento que fará em Salvador em parceria com a Clínica Realize Estética, coordenada pela coach Jemima Santana. 

   13. Dirigido a mulheres e homens, o evento acontece no dia 13 deste mês de abril, às 14 horas, no Business & Flat -Salvador, localizado na Rua Alceu Amoroso Lima, Caminho das Árvores. A inscrição é gratuita, mediante a doação de uma lata de leite. O produto arrecadado será doado a instituições de apoio a crianças carentes. Mais informações podem ser solicitadas pelos números 71. 98147.8677, 71.99952.0120 e 75.99925.5510.

   14. O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia – ALBA, Nelson Leal, participou hoje (06.04), ao lado do governador Rui Costa e do senador Jaques Wagner, da inauguração da terceira etapa da Avenida 29 de Março, ligação entre Orla de Salvador - Subúrbio Ferroviário, chamada de Linha Vermelha. Na atual etapa, que vai da Orla à BR-324, são 3,1 quilômetros de extensão, com duas pistas e seis faixas de rolamento. 

   15. A estimativa do tempo para cobrir o trajeto entre a Orla e a principal rodovia federal do estado será de 15 minutos, contra quase 1 hora, como era então, nos momentos de pico do tráfego.  A inauguração da quarta e última etapa – duplicação da Via Regional - tem previsão para o início de 2020.

   16. "É mais uma grande obra de mobilidade urbana do governo Rui Costa em Salvador. A 29 de Março homenageia os 470 anos de nossa Capital e é, certamente, um dos mais importantes marcos urbanísticos da cidade nos últimos 40 anos. 

   17. Além disso, a nova via, ao reduzir drasticamente o percurso, significa mais conforto e mais qualidade de vida. Economizar 90 minutos diários dentro de um carro ou de um ônibus é muito significativo: é mais tempo para a família, para o descanso, para o lazer”, elogia o chefe do Legislativo estadual, que estava acompanhado de sua esposa, Danda Leal. 

   18. A barragem do município de Ponto Novo atingiu 100% da sua capacidade com o último período de chuva na região, e os agricultores familiares do Território Piemonte Norte do Itapicuru celebram a oferta de água e a garantia de qualidade no seu plantio.

   19. O cenário foi possível por conta do investimento de R$14,2 milhões no município, realizado pelo Governo do Estado, por meio do projeto Pró-Semiárido, executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), mediante acordo de empréstimo entre o Governo da Bahia e o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA).

   20. Doto total de recursos, R$7,5 milhões, foram destinados à implantação do sistema fusegate, um dispositivo de tecnologia francesa, instalado no vertedouro da barragem, elevando-o em 1,20 m, e que aumentou a capacidade do reservatório de água em cerca de 24%, acréscimo de 9,34 milhões de m³.  A ação, que conta com a parceria da Companhia de Engenharia Hídrica e de Saneamento da Bahia (Cerb), tem a finalidade de garantir a segurança hídrica e o desenvolvimento rural da região.

   21. O diretor-presidente da CAR, Wilson Dias, destacou que, hoje, há uma maior oferta de abastecimento de água para consumo humano e que a barragem atende aos municípios de Ponto Novo, Filadélfia, Caldeirão Grande, Itiúba, Senhor do Bonfim, Andorinhas e Jaguarari: “Com a reserva hídrica ampliada, teremos daqui por diante maior estabilidade e segurança para a oferta de água de consumo humano para os municípios da região e para os pequenos irrigantes, que podem assim planejar melhor sua produção no conjunto, a emancipação econômica do Distrito de Irrigação".

   7. Os parentes da vítima notificaram a guarda florestal após relato de outros caçadores. Autoridades conduziram uma busca e descobriram um crânio humano e um par de calças dois dias depois, na quinta-feira.

    8. "Entrar no Parque Nacional Kruger ilegalmente e a pé não é (uma decisão) inteligente", disse a direção do parque. "Há muitos perigos e esse incidente é prova disso".

   9. O Parque Nacional Kruger sofre com caçadores ilegais. Eles matam rinocerontes para vender seus chifres em países asiáticos, onde se acredita que tenham propriedades medicinais.

   10. Cerca de 95% das pessoas que fazem dieta restritiva retornam aos velhos hábitos, e voltam a engordar, comprometendo a saúde física e psicológica. Essa realidade foi constatada pela nutricionista e coach Anne Cristine, que ao longo dos últimos anos vem aplicando na Bahia  o Programa Nutricional Personalizado (PNP), através do qual qualquer pessoa, (mulher ou homem, e até crianças), pode atingir o estado desejado, comendo o simples, sem os sacrifícios das dietas restritivas.

   11. A nutricionista explica que a restrição alimentar é entendida pelo corpo como agressão, e compromete a massa muscular. "Como resultado, a pessoa vai engordar mais, e o resultado emocional será a próxima frustração", diz ela. Anne Cristine revela que "o PNP foca no aprendizado, ensinando a comer, a dominar o alimento, ato que "é o mapa do tesouro".

   12. "É possível emagrecer sem dieta restritiva, sem sacrifícios e sem fechar a boca", afirma Anne Cristine, que vai demonstrar os benefícios do PNP durante palestra-treinamento que fará em Salvador em parceria com a Clínica Realize Estética, coordenada pela coach Jemima Santana. 

   13. Dirigido a mulheres e homens, o evento acontece no dia 13 deste mês de abril, às 14 horas, no Business & Flat -Salvador, localizado na Rua Alceu Amoroso Lima, Caminho das Árvores. A inscrição é gratuita, mediante a doação de uma lata de leite. O produto arrecadado será doado a instituições de apoio a crianças carentes. Mais informações podem ser solicitadas pelos números 71. 98147.8677, 71.99952.0120 e 75.99925.5510.

   14. O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia – ALBA, Nelson Leal, participou hoje (06.04), ao lado do governador Rui Costa e do senador Jaques Wagner, da inauguração da terceira etapa da Avenida 29 de Março, ligação entre Orla de Salvador - Subúrbio Ferroviário, chamada de Linha Vermelha. Na atual etapa, que vai da Orla à BR-324, são 3,1 quilômetros de extensão, com duas pistas e seis faixas de rolamento. 

   15. A estimativa do tempo para cobrir o trajeto entre a Orla e a principal rodovia federal do estado será de 15 minutos, contra quase 1 hora, como era então, nos momentos de pico do tráfego.  A inauguração da quarta e última etapa – duplicação da Via Regional - tem previsão para o início de 2020.

   16. "É mais uma grande obra de mobilidade urbana do governo Rui Costa em Salvador. A 29 de Março homenageia os 470 anos de nossa Capital e é, certamente, um dos mais importantes marcos urbanísticos da cidade nos últimos 40 anos. 

   17. Além disso, a nova via, ao reduzir drasticamente o percurso, significa mais conforto e mais qualidade de vida. Economizar 90 minutos diários dentro de um carro ou de um ônibus é muito significativo: é mais tempo para a família, para o descanso, para o lazer”, elogia o chefe do Legislativo estadual, que estava acompanhado de sua esposa, Danda Leal. 

   18. A barragem do município de Ponto Novo atingiu 100% da sua capacidade com o último período de chuva na região, e os agricultores familiares do Território Piemonte Norte do Itapicuru celebram a oferta de água e a garantia de qualidade no seu plantio.

   19. O cenário foi possível por conta do investimento de R$14,2 milhões no município, realizado pelo Governo do Estado, por meio do projeto Pró-Semiárido, executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), mediante acordo de empréstimo entre o Governo da Bahia e o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA).

   20. Doto total de recursos, R$7,5 milhões, foram destinados à implantação do sistema fusegate, um dispositivo de tecnologia francesa, instalado no vertedouro da barragem, elevando-o em 1,20 m, e que aumentou a capacidade do reservatório de água em cerca de 24%, acréscimo de 9,34 milhões de m³.  A ação, que conta com a parceria da Companhia de Engenharia Hídrica e de Saneamento da Bahia (Cerb), tem a finalidade de garantir a segurança hídrica e o desenvolvimento rural da região.

   21. O diretor-presidente da CAR, Wilson Dias, destacou que, hoje, há uma maior oferta de abastecimento de água para consumo humano e que a barragem atende aos municípios de Ponto Novo, Filadélfia, Caldeirão Grande, Itiúba, Senhor do Bonfim, Andorinhas e Jaguarari: “Com a reserva hídrica ampliada, teremos daqui por diante maior estabilidade e segurança para a oferta de água de consumo humano para os municípios da região e para os pequenos irrigantes, que podem assim planejar melhor sua produção no conjunto, a emancipação econômica do Distrito de Irrigação".