quarta-feira, 26 de junho de 2019
Colunistas / Miudinhas
Tasso Franco

PALÁCIO DO PLANALTO REPASSA video que exalta o golpe militar de 1964

A capital baiana ganhou a disputa e vai sediar a terceira edição do Ecriativa, o Encontro das Cidades Criativas da Unesco
31/03/2019 às 20:16
  MIUDINHAS GLOBAIS:

    1. O Palácio do Planalto distribuiu neste domingo (31) um vídeo em defesa do golpe de 1964. A narrativa do material usa a mesma definição adotada pelo presidente Jair Bolsonaro e alguns de seus ministros militares para classificar o fato histórico.

   2. Para eles, a derrubada de João Goulart do poder, que marcou o início do período de 21 anos de ditadura militar no Brasil, foi apenas um movimento para conter o avanço do comunismo no País. "O Exército nos salvou. O Exército nos salvou. Não há como negar. E tudo isso aconteceu num dia como o de hoje, um 31 de março. Não dá para mudar a história", diz o apresentador do vídeo.

   3. A peça foi distribuída por um número oficial de WhatsApp do Planalto usado pela Secretaria de Comunicação da Presidência para o envio de mensagens de utilidade pública, notícias e serviços do governo federal. Para receber os conteúdos, os jornalistas precisam ser cadastrados no sistema.

   4. A assessoria de imprensa do Planalto foi procurada e, como resposta, disse que o Planalto não irá se pronunciar. A equipe também confirmou que o canal usado para disparar o vídeo é mesmo oficial. "Sobre o vídeo a respeito do dia 31 de março, ele foi divulgado por meio de nosso canal oficial do governo federal no WhatsApp. O Palácio do Planalto não irá se pronunciar".

   5. O mesmo vídeo foi compartilhado hoje mais cedo no Twitter pelo deputado federal e filho do presidente, Eduardo Bolsonaro (PSL-SP). "Num dia como o de hoje o Brasil foi liberto. Obrigado militares de 64! Duvida? Pergunte aos seus pais ou avós que viveram aquela época como foi?", diz Eduardo no post que anuncia o vídeo.
                                                                 *****
   6. Deputada da base do governador Rui Costa (PT), Mirela Macedo (PSD) reclamou de não ter sido convidada para acompanhar a visita do petista à uma escola de Lauro de Freitas, reduto da parlamentar. Ela usou uma rede social, no sábado (30), para pedir que o governo tenha  “respeito e consideração”. 

   7. Durante a agenda, Rui deu aula de matemática para alunos  do Centro Estadual de Educação Profissional da cidade. O petista estava acompanhado da prefeita de Lauro, Moema Gramacho (PT), e de lideranças do município.

   8. Estão abertas até o dia 10 de abril as inscrições para o curso de Cozinha Japonesa que será realizado pelo Grupo Anjos do Mar na sede da ABRASEL, no Pelourinho em abril e meio de 2019. As aulas serão ministradas por consagrados sushimens que atuam em restaurantes de Salvador. O curso está dividido em módulos. 

   9. São conteúdo do curso corte e preparo de pescados  para utilização em pratos, preparação do arroz, montagem de sushi, makizushi niguiri e sashimi. Há apenas 24 vagas, sendo 12 alunos por turma. O valor do investimento é de R$250,00 e as inscrições estão sendo feitas na sede da ABRASEL, na rua Santa Isabel, 11, Pelourinho. Para saber mais ligar para 71 3321-5912 ou 99994-6956. Em breve serão realizados mais cursos, com as  Culinárias Italiana e Portuguesa, Confeitaria e a interessante Oficina de Acarajé e Abará.   

   10. A 1ª Plenária Territorial, de iniciativa do deputado estadual Zé Cocá (Progressistas), será realizada no próximo dia 5 de abril (sexta-feira), às 14h, no Granterrara Hotel, em Jequié. O evento que terá a presença do vice-governador e secretário de Desenvolvimento Econômico, João Leão, discutirá o Fortalecimento dos Territórios Vale do Jiquiriçá e Médio Rio das Contas e região.

   11. “Queremos ouvir você, saber quais são as prioridades no seu município, na sua região. Esse é um projeto desafiador, por isso contamos com a ajuda de todos, para construirmos pautas importantes e reivindicá-las junto ao governo estadual”, frisou Zé Cocá. 

   12. Em contato com o conselheiro municipal de Saúde, Marcos Antônio Sampaio, o deputado estadual Hilton Coelho (PSOL) afirmou que “a sociedade exige transparência nas ações envolvendo a Secretaria Municipal de Saúde (SMS). 

   13. O prefeito ACM Neto precisa se manifestar porque não podemos aceitar como comum que em cerca de quatro anos, por duas vezes a Polícia Federal (PF) fez operações para averiguação de fraudes nos contratos envolvendo a cidade de Salvador. Um vexame que precisa ser devidamente explicado para o povo da capital da Bahia”.

   14. Hilton Coelho espera que o Ministério Público acate a denuncia de improbidade administrativa protocolada na sexta-feira (29) por Marcos Antônio Sampaio, que aponta o descumprimento do Artigo 37 da Constituição por parte do gestor na não apresentação das contas da SMS.

    15. “O secretário Luiz Galvão vem negando acesso às contas públicas municipais vinculadas à saúde, na medida em que não está realizando as prestações de contas a que estaria vinculado. Ele está obrigado a prestar contas a cada quatro meses, em audiência pública, bem como deve levar ao conhecimento do Conselho Municipal os contratos assinados e sob a sua responsabilidade. 

   16. A resposta dada pelo secretário, na prática, é uma confissão de culpa. Diz que presta contas uma vez por semestre e demais dados estão nos sites federal e estadual. A Lei Complementar 141/12, Art. 36, o obriga a prestar contas quadrimestralmente à Comissão de Saúde da Câmara de Vereadores, em audiência pública aberta à população”, afirma o conselheiro municipal Marcos Antônio Sampaio.

   17. O município lançou de Lauro de Freitas lançou no Cine Teatro, o primeiro Plano Municipal de Política para Mulheres (PMPM). Em suas mais de 60 páginas o documento apresenta estudos detalhados sobre a atuação do gênero no município, dez eixos temáticos e suas metas formuladas em cinco audiências públicas, com a participação de representantes da sociedade civil e do governo municipal, que nortearão as estratégias, projetos e programas até 2022.

   18. A prefeita Moema Gramacho lembrou que Lauro de Freitas tem número maior de mulheres do que homens, acima da média nacional. A gestora apresentou dado do último senso do IBGE que estima o público feminino na cidade em quase 90 mil para o total de 160 mil habitantes, computados há quatro anos.

   19.  “Entretanto ainda somos tratadas como minoria e estamos em menor número nos espaços de decisões”, disse Moema, apontando as iniciativas municipais para reduzir as diferenças entre os gêneros e a violência contra a mulher no município.

   20. “Em Lauro de Freitas também fomos pioneiros na implantação do Centro de Referência Lélia González que somente em 2018 atendeu a mais de mil e quatrocentas mulheres vítimas de violência doméstica. Agora estamos implantando a Aldeia da Cidadania que abrigará a Casa dos Conselhos incluindo o da Mulher e a Ronda Maria da Penha implantada em julho do ano passado”, frisou.

   21. Para a gestora da SPM, Bárbara Chaves o sentimento é de dever cumprido. “Agradeço a  todas as mulheres envolvidas na construção do Plano, estamos comprometidas com a execução do que nele foi proposto. Esse é um novo passo que nos mantém no processo de revolução para essa cidade. As demandas vêm do povo, a execução é com o poder público”, disse.

   22. A capital baiana ganhou a disputa e vai sediar a terceira edição do Ecriativa, o Encontro das Cidades Criativas da Unesco. A vitória foi anunciada durante o evento que, este ano, aconteceu em Florianópolis e reuniu os representantes das oito cidades brasileiras com o selo de cidades criativas, concedido pela organização. O evento tem o objetivo de promover a conexão entre as cidades que têm a criatividade como estratégia para o desenvolvimento.

   23. “Salvador é uma cidade reconhecida internacionalmente pelo seu potencial criativo e temos trabalhado muito para fomentar o desenvolvimento de novos projetos e a estruturação da economia criativa na cidade. Essa conquista revela todo o trabalho que vem sendo desenvolvido pela Prefeitura, através do eixo Cidade Criativa, do programa Salvador 360”, celebra o secretário municipal de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur), Sérgio Guanabara.

   24. Durante o encontro, as oito cidades participantes, Salvador (música), Florianópolis, Belém e Paraty (gastronômico), Brasília e Curitiba (design), João Pessoa (artesanato) e Santos (Cinema), tiveram a oportunidade de discutir estratégias e políticas públicas para o setor. Além disso, puderam trocar experiências e apresentar instrumentos de fomentação da economia criativa.