quinta-feira, 17 de outubro de 2019
Colunistas / Miudinhas
Tasso Franco

BOLSONARO será operado na segunda para retirar bolsa de colostomia

Os dias ensolarados na capital baiana, com temperaturas acima da média, provocando calor e pancadas de chuva, são bem favoráveis para a proliferação do mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunya.
27/01/2019 às 19:04
MIUDINHAS GLOBAIS:

  1. A Assessoria de Imprensa do Hospital Albert Einstein informou neste domingo que a equipe médica responsável por operar o presidente Jair Bolsonaro confirmou a realização da cirurgia na segunda-feira após realização de avaliação clínica pré-operatória, exames laboratoriais e de imagem com resultados normais neste domingo.

  2. A cirurgia, prevista para ocorrer logo na manhã de segunda-feira, vai retirar a bolsa que o presidente usa desde que passou por duas operações de emergência no ano passado devido a um atentado a faca sofrido em setembro, durante a campanha presidencial, em Juiz de Fora (MG).

  3. Segundo o porta-voz da Presidência, general Otávio Santana do Rêgo Barros, Bolsonaro está otimista com a cirurgia.

   4. "Acabei de estar com o presidente, está muito animado, está feliz pelos resultado do exame, e amanhã, com toda certeza, o êxito da cirurgia fará com que ele possa desencadear suas atividades de presidente da República da melhor forma possível em nome do nosso país", disse o porta-voz em rápida entrevista coletiva no hospital.

   5. Rêgo Barros informou que a recomendação dos médicos é de repouso absoluto nas 48 horas após o procedimento cirúrgico. Em função disso, o vice-presidente Hamilton Mourão assumirá a Presidência neste período.

   6. O porta-voz afirmou ainda que, no total, o presidente deve permanecer por 10 dias em São Paulo. Ele disse que, após as primeiras 48 horas, Bolsonaro passará a estabelecer contatos com auxiliares mais próximos.

   7. Bolsonaro, de 63 anos, foi alvo de uma facada em Juiz de Fora (MG), durante ato de campanha em setembro, tendo que passar por uma delicada cirurgia de emergência na Santa Casa de Misericórdia da cidade mineira por conta de ferimentos nos intestinos grosso e delgado e em uma veia abdominal.

   8. Na semana seguinte, já internado em São Paulo, passou por uma segunda cirurgia para desobstrução intestinal depois que exames detectaram aderência nas paredes do intestino.
                                                                     *****

   9. Como mais uma etapa de reconstrução de 16 instituições de ensino em Salvador, o prefeito ACM Neto estará presente para demolição e assinatura da ordem de serviço de mais uma unidade escolar nesta segunda-feira (28), às 9h30min. Desta vez, será reconstruída a Escola Municipal Roberto Correia, na Rua Jaime Vieira Lima, Pau da Lima, em frente ao Max Atacado.

   10. A nova estrutura da escola contará com 14 salas de aula, Atendimento Educacional Especializado (AEE), coordenação, diretoria, secretaria, depósito de material didático; espaço para aulas de música, cozinha, refeitório, quadra de esportes e área de leitura, entre outros.

   11. Para contribuir para a qualidade de ensino dos alunos da Escola Municipal Roberto Correia, a Prefeitura investirá R$ 4.799.685,84, em uma área de 1.860,34 m². A nova unidade ofertará da pré-escola ao 5° ano do Ensino fundamental I, para 800 alunos.

   12. Balanço - Ao longo da gestão atual foram 37 novas escolas construídas; 35 reconstruções; 164 reformadas, totalizando 236 unidades educacionais que passaram por algum tipo de intervenção. Passaram de 17 mil vagas na Educação Infantil em 2012 para cerca de 45 mil em 2018.

   13. No âmbito do projeto de demolição e reconstrução de 16 unidades escolares municipais, a estreante do programa foi a Escola Municipal de Plataforma, em novembro de 2018, seguida pelo CMEI Fruto do Amanhã; CMEI Yolanda Pires; Escola Municipal Engenho Velho da Federação; CMEI Angelina Rocha de Assis; CMEI de Nova Sussuarana; Escola Municipal do Pau Miúdo; CMEI Antônio Pithon; CMEI Maria Rosa Freire; CMEI Mario Altenfelder; e CMEI Maria da Conceição Costa.

   14. Durante rondas de rotina, uma guarnição da Operação Gêmeos localizou um homem em atitude suspeita na Avenida Barros Reis. O indivíduo, que usava tornozeleira eletrônica, foi preso em flagrante com uma arma de fogo.

   15. Ao avistar a viatura, ele tentou se desfazer de um embrulho, mas a guarnição de imediato o abordou e verificou que ele usava tornozeleira. Ao verificar o embrulho, foi encontrada uma arma de fogo de fabricação artesanal.

   16. O indivíduo, que estava com mandado de prisão em aberto e reponde por roubo, foi conduzido para o Grupo Especial de Repressão a Roubos de Coletivos (Gerrc).

   17. Os dias ensolarados na capital baiana, com temperaturas acima da média, provocando calor e pancadas de chuva, são bem favoráveis para a proliferação do mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunya. 

   18. Por conta dos fatores climáticos propícios, grande fluxo de turistas e a frequência de festas populares, o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), pertencente à Secretaria Municipal de Saúde (SMS), tem reforçado o Plano Verão, ampliando o calendário de atividades de prevenção e controle.

   19. Durante toda a semana, foram realizadas ações em condomínios nos bairros de Amaralina, Caminho das Árvores, Itaigara, Pituba e Rio Vermelho, localidades que tiveram Índice de Infestação Predial (IIP) de 5,3%, percentual considerado elevado segundo o Levantamento de Índice Rápido para Aedes aegypti (LIRAa) de outubro de 2018. 

   20. Com o crescimento do número de turistas em Salvador, as equipes do CCZ fazem vistorias em diversos pontos da cidade, a exemplo de hotéis, trajetos de eventos populares, parques, pontos turísticos, hotéis e rodoviária.

  21. De acordo com a gerente do CCZ, Andréa Salvador, as atividades do centro se intensificam nesse período para proteger e alertar turistas e baianos sobre os cuidados necessários para combater o Aedes. 

   22. “O CCZ vem executando o Plano Verão com a realização de inspeções zoossanitárias vetoriais pelos agentes de combate às endemias em áreas estratégicas como pontos turísticos, portos, aeroportos, estações de transbordo, além dos locais onde estão sendo realizadas festas populares de largo”, explica. Já foram realizadas inspeções e ações educativas nas estações do Metrô, Rodoviária, hotéis com grande circulação de turistas e também na Lavagem do Bonfim.