quinta-feira, 04 de mar?o de 2021
Shows

SHOWS DA RAPPER AMANDA ROSA E DO CANTOR MARCOLA BITUCA NO ASÈ ORIN

Dia 27 de fevereiro
Nsanga Comunicação , Salvador | 22/02/2021 às 11:24
Amanda Rosa
Foto: Divulgação

A programação musical do Asè Orin - Rede AfroIndígena de Música Soteropolitana traz no dia 27 de fevereiro a rapper baiana Amanda Rosa, ganhadora do principal prêmio do 18° Festival de Música da Educadora FM (2020), na categoria Melhor Música com Letra, e o cantor Marcola Bituca, que carrega em seus trabalhos influências do Dub, NewReggae e Boombap e ainda traz em suas canções referências melódicas da música baiana e londrina. Os shows, que ocorrem a partir das 15h, com transmissão ao vivo e online pelo perfil de Youtube do Asè Orin, integram o Aquahertz: Mostra AfroIndígenas da Música Soteropolitana, idealizado pelo Aldeia Coletivo, grupo que coabita a Casa Preta Espaço de Cultura. 


Para seu show, Marcola Bituca já adiantou qur trará a sua mais nova faixa Oceano,  uma referência ao seu livro “BlueMagic”, que será lançado no primeiro semestre de 2021. “BlueMagic” é uma reflexão sobre o desenvolvimento espiritual dos encarnados e conta a história de Hoxi e sua trajetória rumo ao entendimento sobre si mesmo, frente à Natureza. 


Marcola traz ainda composições de “Os Últimos Filhos de Sião”, disco lançado em agosto de 2020, com participação de Rincon Sapiência, Cristal, Caboclo de Cobre e McDo, vocallista do Afrocidade. O disco acaba de atingir a marca de 100 mil streamings, contabilizados entre Spotify, Deezer, YouTube, iTunes e Vk. O álbum figurou nas principais indicações de álbum do ano, no site TheRapShit e RAPTV. Concorreu também no Aposta 2021 do prêmio RAPTV, devido ao bom desempenho de seu trabalho em 2020, além de ser indicado ao prêmio Vídeo Música Festival, das VMA Awards, na categoria Melhor Clipe Produzido no Lockdown.


Diamantina


"A Filha Revolta" é a trilogia musical de Amanda Rosa, primeiro EP da cantora da Chapada Diamantina que coloca ancestralidade e coletividade em tudo que propõe. Essa é a "experiência musical profunda como a lama dos rios da Chapada" que o público vai vivenciar, nascida a partir de uma carta poesia de pedido perdão a sua mãe. 

"Os sentimentos expressados nas músicas vão de revolta à cura e foram divididos em três momentos, como uma trilogia, para dar conta da carga emocional que este projeto carrega, assim como na minha vida. Afinal, a filha revolta sempre volta dentro de nós, junto com a nossa criança interior, assombrando até que se encontre o processo de cura e autoperdão", descreve Rosa, que também integra o grupo Nsabas, banda que também está na Mostra.

Fomento


Dando continuidade ao Casulo Digital, série de seis workshops de desenvolvimento técnico para os artistas da cena alternativa de música soteropolitana, o Asè Orin realiza o workshop Aprenda a Divulgar Sua Música, com a jornalista e assessora de imprensa, Laísa Gabriela, integrante do Epa Criativo, coletivo que desenvolve estratégia para artistas do meio musical.

Transmitido pelo Youtube do Asè Orin, das 14h às 18h, Laísa Gabriela - que é uma pesquisadora da cultura Hip-Hop e já trabalhou na assessoria de comunicação de Baco Exu do Blues, busca ampliar a visão de que está na cena independente para formas de divulgação do próprio trabalho. No workshop, os artistas aprendem sobre o papel da assessoria de imprensa, noções e aplicativos de planejamento estratégico, o que é um press release, pauta, mailing, follow up, clipagem, como montar um mídia kit, redes sociais, direito autoral, music business, entre outros tópicos. 

O projeto, que segue à risca as normas de vigilância sanitária no que diz respeito à prevenção da contaminação pelo vírus Covid-19, é contemplado pelo Prêmio Anselmo Serrat de Linguagens Artísticas , da Fundação Gregório de Mattos, Prefeitura Municipal de Salvador, por meio da Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc, com recursos oriundos da Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo e Governo Federal.

Serviço

O Quê: Asé Orin - show de Amanda Rosa e Marcola Bituca

Quando: 27 de fevereiro, a partir das 15h
Onde: Transmissão Online pelos perfis do Instagram (@ase.orin) e Youtube:  https://www.youtube.com/channel/UC9eDGi13FjQw1jCeGDFrVlQ/featured