segunda-feira, 26 de agosto de 2019
Saúde

Congresso de endocrinologia pediátrica acontece em Costa do Sauípe

13º Cobrapem acontecerá de 29 de maio a 1° de junho a partir de uma parceria entre a Sobape e a SBP
Imprensa Pediatria , Salvador | 13/05/2019 às 19:23
Congresso de endocrinologia pediátrica reunirá especialistas em Costa do Sauípe
Foto: divulgacao
O cenário paradisíaco de Costa do Sauípe, no Litoral Norte da Bahia, acolherá pediatras, profissionais de saúde e especialistas nacionais e internacionais para o 13° Congresso Brasileiro Pediátrico de Endocrinologia e Metabologia (Cobrapem), entre os dias 29 de maio e 1° de junho.
A atividade, que contará com palestrantes internacionais além de professores de diversos estados brasileiros, é promovida conjuntamente pela Sociedade Baiana de Pediatria (Sobape) e pela Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP). As inscrições estão disponíveis na página oficial do congresso [https://www.sbp.com.br/especiais/cobrapem/inscricao/], com valores reduzidos até 20 de maio.
O tema central do encontro será “Humanidades e Medicina: A contribuição da Endocrinologia Pediátrica” e, de acordo com o pediatra Crésio Alves, presidente do 13° Cobrapem, a atividade vai ajudar a "avançar nos cuidados endocrinológicos das crianças e adolescentes".

Professores de outros países

A programação científica contará com apresentações de quatro especialistas internacionais sobre Diabetes e Hiperinsulinismo, com o professor da University College London UK,Khalid Hussain; sobre Metabolismo Ósseo, com a professora Rachel I. Gafni, do National Institutes of Health USA; sobre Puberdade e Gônadas, com professor Rodolfo Rey, presidente da Sociedade Latino Americana de Endocrinologia Pediátrica (Slep); e sobre Tireoide, Guy Van Vliet, professor de Pediatria da Universidade de Montreal, no Canadá.
Durante todo o evento, a programação científica contemplará atividades científicas variadas, incluindo conferências, mesas-redondas, simpósios, discussão de casos clínicos e pôsteres.
Durante o 13° Cobrapem estão previstas ainda abordagens sobre “Endocrinologia de Síndromes e Doenças Raras”, “Transição do cuidado pediátrico para adulto”, “Osteoporose”, “Obesidade” e “Distúrbios da Dferença Sexual”, entre outras.