quinta-feira, 09 de julho de 2020
Salvador

CORONAVIRUS: FORÇA TAREFA DA PREFEITURA FISCALIZA SHOPPINGS FECHADOS

A Força Tarefa não encontrou irregularidades
Tasso Franco , da redação em Salvador | 21/03/2020 às 18:12
Força tarefa em ação
Foto: Jefferson Peixoto
A suspensão do funcionamento de todos os shoppings de Salvador e centros comerciais, que começou a vigorar neste sábado (21), foi respeitada por todos os estabelecimentos da capital baiana. A força-tarefa de fiscalização da Prefeitura, formada por equipes da Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur), Vigilância Sanitária (Visa) e Guarda Civil Municipal (GCM), não encontrou irregularidades até o início da tarde.

Inicialmente, o prazo da determinação, publicada em decreto ontem (20), no Diário Oficial (DOM), é de 15 dias, podendo ser prorrogado caso haja necessidade, em função do combate e prevenção ao coronavírus. A decisão foi tomada após os lojistas.

Clínicas de saúde, supermercados, farmácias e lojas que atendem em funcionamento delivery dentro dos shoppings pode continuar abertas. De acordo com o coordenador de Fiscalização da Sedur, Everaldo Freitas, o decreto está sendo respeitado por todos os grandes shoppings da cidade e também pelos menores, considerados centros comerciais.

“É fundamental que esses locais que costumam ter grande circulação de pessoas realmente respeitam a lei do não funcionamento. Essa medida preserva principalmente os nosso idosos, que são os mais prejudicados com a disseminação da doença”, lembrou.

A mesma força-tarefa também tem circulado por templos e igrejas da capital baiana, além de escolas, universidades, autoescolas, parques, academias e equipamentos culturais. O objetivo é evitar aglomerações. No caso dos templos religiosos, ficam proibidas cerimônias, cultos e outras manifestações religiosas que reúnam grupos de fiéis