quarta-feira, 30 de setembro de 2020
Política

PF: OPERAÇÃO EM JEQUIÉ AFASTA PREFEITO SOCIALISTA SÉRGIO GAMELEIRA

Sérgio Gameleira é prefeito pelo PSB
Da Redação , Salvador | 15/09/2020 às 09:52
PF faz busca na Ativacoop
Foto: JR
   O prefeito socialista de Jequié, Sérgio da Gameleira, será afastado por 60 dias do cargo. O gestor municipal é um dos alvos da operação Guilda de Papel, deflagrada pela Polícia Federal na manhã desta terça-feira, 15.  São cumpridos 10 mandados de busca e 6 medidas cautelares diversas da prisão, por repressão aos crimes de fraude à licitação, fraude a direitos trabalhistas e desvio de verbas públicas em Jequié.

   Viaturas e PFs estão em vários pontos da cidade. Um dos endereços é o Edifício Mansão Avenida, na Avenida Rio Branco, no centro. Nesse imóvel funciona a sede da Ativacoop,  cooperativa que presta serviço de contratação de pessoal para a Prefeitura de Jequié, por meio de terceirização. A presença dos policiais também foram flagradas em frente a Prefeitura, em frente a empresa Gameleira, no Distrito Industrial de Jequié e em pelo menos dois endereços residenciais no Condomínio Pindorama e na Rua Joana Angélica. 

   De acordo com a PF, a suspensão de 60 dias de Sérgio da Gameleira foi expedida pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região. A Operação ocorre no próprio município de Jequié e em Feira de Santana, com a participação de cerca de 45policiais federais. Os suspeitos, durante a operação, teriam tentado incinerar documentos que serviriam como provas do caso.

  Ainda segundo a PF, as investigações se iniciaram em 2019, a partir de representações formuladas por vereadores de Jequié, relatando que uma 'Cooperativa' teria vencido uma licitação para o fornecimento de mão de obra terceirizada para prestação de serviço para diversas secretarias do município de Jequié.