quinta-feira, 04 de mar?o de 2021
Cultura

Solo En(cruz)ilhada no Enxurrada Casa Preta III dia 30 de janeiro

A apresentação será transmitida pelos canais de Youtube e facebook do casarão centenário de fachada Preta
Théâtre Comunicação , Salvador | 22/01/2021 às 11:07
Solo En(cruz)ilhada no Enxurrada Casa Preta III dia 30 de janeiro
Foto: Rodrigo Veloso

Integrante do Bando de Teatro Olodum, o ator Leno Sacramento apresenta no dia 30 de Janeiro, às 20h, o monólogo En(cruz)ilhada, pelo projeto Enxurrada Casa Preta III, pelos canais de Youtube e facebook do casarão centenário de fachada Preta. No espetáculo, a vítima não está sozinha e o público é conduzido junto ao ator à várias reflexões sobre vida e morte. A morte social, cultural, financeira, estética e psicológica.


En(cruz)ilhada nos apresenta o corpo negro sendo julgado como réu. Sacramento, que também assina a dramaturgia, retrata seu personagem nas mais diversas formas de assassinato do negro que, em suas variáveis, tem como agente o racismo naturalizado e velado na realidade brasileira. A peça é dirigida por Roquildes Junior e ocupou diversas programações com o ator que estrelou essa e outras obras do cinema e teatro brasileiro como Cabaré da Rrrrraça, Áfricas e Ó Paí, ó.


Para encenar ao vivo, o ator de En(cruz)ilhada e a equipe técnica do Enxurrada Casa Preta III respeitam todos os protocolos sanitários de prevenção e combate ao novo Coronavírus (COVID-19). O projeto, que busca fortalecer os discursos ameríndios e de negritudes, ocupa a Casa Preta Espaço de Cultura em suas três edições.


A Casa Preta é conhecida por solidificar cultural e socialmente artistas, iniciativas e coletivos que partilham da valorização da herança indígena e afro-brasileira. Enxurrada III abre através da música e do teatro possíveis trajetos coletivos e de acesso à produções culturais baseadas em diversidade racial, de gênero e religiosa durante quatro meses.


O Enxurrada da Casa Preta III é financiado pelo Prêmio Anselmo Serrat de Linguagens Artísticas, da Fundação Gregório de Mattos, Prefeitura Municipal de Salvador, por meio da Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc, com recursos oriundo da Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo, Governo Federal.


Programação – Janeiro a Abril


JANEIRO


30 de janeiro - Encruzilhada/Leno Sacramento

31 de Janeiro - DJ DMT e Los Perifas


FEVEREIRO


06 de fevereiro - Pedro Rosa Morais

27 a 27 de fevereiro - Ocupação Slam das Minas


MARÇO


03 de março - PodCast 1 - gestão de espaços culturais alternativos com a participação de outras casas de cultura da cidade

10 de março - PodCast 2 - Debate com intelectuais acerca do racismo estrutural, religioso e ambiental

13 de março - Cabokaji e MC Coscarque

17 de março - PodCast 3 - Debate com intelectuais acerca do racismo estrutural religioso e ambiental

20 de março - Los Pesos

24 de março - PodCast 4 - Produção e Gestão Cultural: como montar um portfólio, realizar assessoria de si mesmo e/ou dividir as funções em trabalhos colaborativos

31 de março - PodCast 5 - Dimensões sensíveis do cotidiano na produção cultural: relações raciais, de gênero e sexualidades


ABRIL


03 de Abril - DJ Nay Kiesse e Cabôco Experiencia / MC Tipo A

07 de abril - PodCast 6 - Trabalho via apps, o dia na tela: posts, criações de conteúdo e edições de texto, redes sociais

10 de abril - Medeia Negra

14 de abril - PodCast 7 - Articulação: a importância de estar em canais de diálogo, grupos temáticos em redes sociais (o novo associativismo)

24 de abril - Coletivo das Liliths e MC Di Cerqueira

28 de abril - PodCast 8 - O espaço cultural no território: experiências de relações com as comunidades do entorno. Uma programação cultural de qualidade e diversificada, gratuita para o público adulto, jovem e infantil.