ter?a-feira, 19 de janeiro de 2021
Cultura

"Tela em Transe” reflete sobre memória do cinema brasileiro

Encontros online vão abordar principais ciclos e processos históricos da cinematografia nacional
Ramon Coutinho , Salvador | 13/01/2021 às 19:32

Os principais ciclos e processos históricos do cinema brasileiro estão no centro do debate no projeto “Tela em Transe – Que história é essa do cinema brasileiro?”. A iniciativa busca refletir sobre a memória do cinema no país, por meio de atividades de formação, que incluem oficinas, palestras e debates, realizados de forma remota.

  

Os encontros online vão acontecer entre os meses de fevereiro e abril, por meio do canal Gelo na Chapa no YouTube (youtube.com/gelonachapa). As inscrições gratuitas podem ser realizadas pelo e-mail gelonachapa@gmail.com e seguem abertas até o dia 28 de janeiro.

“Tela em Transe” é um projeto idealizado pelo realizador audiovisual e historiador, Ramon Coutinho, um dos fundadores do CUAL – Coletivo Urgente de Audiovisual. Segundo ele, o projeto busca se afirmar como uma iniciativa capaz de contribuir para o desvelamento do cinema brasileiro. “Acreditamos que, a partir do estudo e reflexão sobre as teorias e sobre as produções cinematográficas, podemos estabelecer leituras da nossa sociedade, entendendo o cinema como parte fundamental das batalhas do terreno estético e ideológico”, destaca.

O projeto vai trabalhar ainda com a indicação de uma filmografia brasileira, para que os participantes possam assistir e debater durante os encontros, que contarão com as presenças de diversos pesquisadores do campo cinematográfico. 

Em 2017, o “Tela em Transe” foi realizado em formato de oficina presencial e exibiu e debateu com os participantes filmes de longa e curta-metragem, propondo uma análise sobre elementos contextuais, estéticos e temáticos e contemplado diversos momentos, ciclos e narrativas do cinema brasileiro.

O projeto tem apoio financeiro do Estado da Bahia através da Secretaria de Cultura e da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Programa Aldir Blanc Bahia) via Lei Aldir Blanc, direcionada pela Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo, Governo Federal.