sexta-feira, 04 de dezembro de 2020
Cultura

URNA FUNERÁRIA DE TAPUYOS É DESCOBERTA NO ANTIGO MUNICÍPIO DE SERRINHA

A região do provável sítio arqueológico pertence hoje ao município de Lamarão
Tasso Franco , da redação em Salvador | 21/10/2020 às 19:33
Professor Ludy no sitio
Foto: FACEBOOK
  Informações de J.J. Souza no Facebook apontam a descoberta de um vaso de cerâmica, possivelmente um pote ou urna funerária contendo uma ossada, pelo professor Ludy Fernandes, da Universidade Federal do Recôncavo, na estrada entre o Lamarão e o Sítio Santana. A estimativa é de um sítio arqueológico do século XVI de povos indígenas que fugiram do litoral para o Sertão para não serem mortos pelos colonizadores portugueses.

  Essa região pertencia, originalmente, ao município de Irará e depois integrou o município de Serrinha, Lamarão sendo um povoado e distrito de Serrinha até a década de 1960 quando foi emancipado e se tornou município. A descoberta do professor Ludy é importantíssima porque são raros os objetos de tapuyos descobertos no município de Serrinha onde houe um aldeamento tocó e também são raras as pesquisas nesta região.