quarta-feira, 01 de abril de 2020
Cultura

Moda e gastronomia movimentam Pelourinho neste mês de março

O MUDE acontece nos próximos dias 26 a 29 de março
Secom Salvador , Salvador | 13/03/2020 às 12:28
Pelourinho
Foto: Max Haack/Secom

Depois da programação de verão, o Pelourinho Dia e Noite retorna com uma ação inédita gratuita e aberta ao público em meio às celebrações pelos 471 anos de Salvador. Promovido pela Prefeitura, o MUDE – Moda Urbana Descolada vai colocar em cena as propostas de moda dos designers, estilistas, costureiros e artesãos do Pelourinho, que têm nas lojas e ateliês uma criativa variedade de produtos e estilo próprio.

  Com uma intensa programação nos próximos dias 26 a 29, o MUDE quer mostrar à cidade que o Centro Histórico é também um polo importante de criação e comercialização de moda da cidade, e o melhor, de uma moda singular e cheia de personalidade. Sob a coordenação da Diretoria de Gestão do Centro Histórico (DGCH), vinculada à Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult), o MUDE tem a produção de moda assinada por Tininha Vianna e direção de desfile de Walson Botelho. Toda a programação estará disponível no site www. pelourinhodiaenoite. com. br.

  A palestra de abertura será com o festejado estilista baiano Isaac Silva. Além disso, serão promovidos cursos, oficinas, workshops e painéis. O público poderá conferir, ainda concerto do Popelô intitulado “Para Sempre Salvador”, com a Orquestra de Câmara de Salvador (OCSal) apresentando árias de óperas, assim como shows musicais, Feira da Sé e desfile de moda performático Pelô Fashion Show, com personalidades do Pelourinho. Outro atrativo é o Circuito MUDE de Gastronomia, especialmente montado com pratos que homenageiam criadores de moda baianos. 

  De acordo com a diretora da DGCH, Eliana Pedroso, a iniciativa segue a missão da Prefeitura de realizar ações culturais voltadas para estimular moradores e visitantes a frequentar o coração cultural e histórico da cidade. “Durante os quatro dias do MUDE, convidamos os soteropolitanos a descobrirem e consumirem o comércio de moda do Centro Histórico, com sua peculiar identidade e irreverência”, afirma.

  Acredite no seu Axé - O MUDE começa no dia 26, no Casarão 17, no Terreiro de Jesus, às 18h, com a palestra de abertura de Isaac Silva. O estilista baiano estreou na última edição do São Paulo Fashion Week causando frisson, com a coleção Acredite no seu Axé.

  A mostra conquistou os corações de Elza Soares, Camila Pitanga e Taís Araújo com a proposta de moda inclusiva, com roupas que podem ser vestidas tanto por homens quanto por mulheres de todas as idades, pessoas magras ou gordas, baixas ou altas. Logo em seguida, às 20h, o grupo Confraria da Música faz show um show em tom intimista, no Cruzeiro do São Francisco.

Cardápios – Dos dias 27 a 29, restaurantes do Pelourinho vão disponibilizar no cardápio pratos especialmente criados para homenagear estilistas, designers e produtores de moda baianos. Na porta de cada um dos estabelecimentos, haverá a exposição de uma produção do estilista homenageado. A banda Rock Forever se apresenta no dia 27, no Cruzeiro do São Francisco, às 20h.

  Ópera – Nos dias 27 e 28 painéis, workshops, cursos e palestras com profissionais da moda e digitais influencers tomarão conta do MUDE, sendo realizados nos ateliês do Centro Histórico e no auditório da Faculdade de Medicina da UFBA. Temas como maquiagem para peles negras e claras, curso de modelo, com o instrutor e scout (analista) Vinny Vasconcelos, encontro com a estilista Márcia Ganem em seu atelier no Pelourinho e consultoria aos comerciantes da região realizada pelo programa Codecon e Você.

  No dia 28, às 17h, no Cruzeiro do São Francisco, o Popelô – Polo de Orquestras do PelÔ, apresenta  o concerto “Para Sempre Salvador” com a Orquestra de Câmara de Salvador – OCSal. O grupo executará “Canções e Árias de Óperas”, reapresentando um dos concertos mais emocionantes da temporada de janeiro do Centro Histórico, sob a regência do maestro Angelo Rafael, e com a soprano Larissa Lacerda, que hoje pertence ao elenco do Theatro Municipal de São Paulo, e o tenor Carlos Eduardo Santos, ambos baianos.

  O espetáculo será ao ar livre e com cadeiras disponíveis para a plateia. Serão interpretadas composições como “La Traviata”, de Verdi; “Bachianas Brasileiras N° 5”, de Villa-Lobos; “O Sole Mio”, de Di Capua e A. Mazzuchi; e a “Ave Maria”, de Gounod.

  Enquanto isso, no Terreiro de Jesus, a Feira da Sé estará montada, no sábado (28) e domingo (29), com todos os artesãos, artistas e criadores de moda do Centro Histórico. Uma ala será dedicada aos frequentadores da feira para prestar consultoria de imagem, falar sobre a “energia das cores”, oferecer um desenho com um modelito personalizado e ministrar curso de dobra, dentre outras atividades gratuitas.

  Pelô Fashion Show – No domingo (29), dia do aniversário de Salvador, a partir das 17h30, o desfile de moda performático “Pelô Fashion Show” coloca em cima de uma passarela de 25 metros, montada no Terreiro de Jesus, exclusivamente  roupas e adereços  criados ou à venda no Pelourinho. Ao mesmo tempo, o público poderá comprar as roupas exibidas no desfile e outras, no próprio local da apresentação.

  Na passarela, reconhecidas figuras que conferem a especial identidade desse lugar, como Clarindo Silva, Negra Jhô, Gerônimo, Dona Nice da Rosário dos Pretos, maestro Bira Marques e Ilda Furacão. Eles estarão misturados a modelos profissionais e artistas de outras linguagens, que trarão criatividade para o formato do desfile.