quinta-feira, 02 de julho de 2020
Bahia

CABO BRAGA DO BATALHÃO DE SERRINHA É SEQUESTRADO E MORTO EM FEIRA

Cabo Braga tinha 23 anos na PM e era lotado no Batalhão de Serrinha
Tasso Franco , da redação em Salvador | 27/02/2020 às 19:17
Cabo An tonio José Pereira Braga
Foto:
É do Policial Militar Antônio José Pereira Braga, 49 anos,  o corpo encontrado por volta das 9h, de quarta-feira (26), na Rua Antônio de Santana no bairro Nova Esperança em Feira de Santana. Ele estava com as mãos queimadas e um fio amarrado ao pescoço. A suspeita da polícia é que tenha sido torturado.

O Cabo PM Braga morava em Feira, era lotado no 16º Batalhão de Serrinha (BPM) e trabalhava em Santanópolis. O corpo foi reconhecido por familiares no Departamento de Polícia Técnica (DPT).

Segundo o comandante do 16° Batalhão de Polícia Militar de Serrinha, Gilson Paixão, ainda não há suspeita do que motivou o crime contra o cabo.

“Ainda não, mas o que tenho a dizer é que o cabo Braga era um policial ativo, ele trabalhou em quase todas as áreas do 16° Batalhão, que possui 14 municípios. Tinha 23 anos de serviço, tinha conduta proba e infelizmente aconteceu isso com o cabo Braga”, disse o comandante.

 NOTA DA PM

 É com imenso pesar que a Polícia Militar informa a morte do cabo Antônio José Pereira Braga, de 49 anos, lotado no 16º Batalhão. Cabo Braga fazia parte da corporação há 23 anos, era casado e deixa duas filhas. O militar possuía uma postura disciplinada e discreta, com a conduta elogiada pelos comandantes. O sepultamento será às 16h desta quinta-feira (27), no Cemitério Jardim Celestial, em Feira de Santana.