sexta-feira, 22 de janeiro de 2021
Bahia

LAURO DE FREITAS: Carnaval em Capelão reúne crianças em festividades

Alegria, alegria, para a garotada de Capelão
Tasso Franco , da redação em Salvador | 26/02/2020 às 09:48
Alegria, alegria
Foto: PMLF
Uma forma de se divertir sem ter que ir para longe de casa, disse o folião Antônio Gomes sobre o Carnaval da Paz, Amor e Alegria do bairro do Capelão, realizado nesta terça-feira (25).  A folia de momo no bairro, foi marcada por bailinho infantil e shows em cima do trio elétrico.

A presença do Rei Momo e da Rainha do Carnaval, Italo Silva e Danielle Leão, conferiu o caráter oficial à festa. O bairro, cortado pela Via Metropolitana e onde está em final de construção o Hospital Metropolitano, foi um dos contemplados com programação especial, dentro da proposta de democratização do Carnaval em Lauro.

Quem extravasou com boas risadas, competição de dança, pula-pula e doces foi a criançada. O bailinho infantil, que desfilou no entorno do campo do Capelão ao som da Charanga Vem com a Gente, foi comandado pelos palhaços LecoDico e Amendoim e suas turmas. A mamãe Girlane Bispo aprovou as recreações para as crianças. “Minha filha Ana Luiza não queria sair do pula-pula. Se ela gostou, eu gostei mais ainda”, reforçou.

O Carnaval do Capelão atraiu um grande número de foliões e não desapontou quem foi em busca de diversão. A banda Nosso Dilema arrastou o público que saiu da Praça local até o campo do bairro em ritmo de samba. Naty Bahia e Banda garantiram as músicas de axé e pagode baiano. 

Diversão e renda extra foi a combinação perfeita para Isabel Santos, uma das comerciantes informais no Carnaval. “O feijão que eu trouxe já acabou. Agora só tem cachorro-quente, refrigerante e cerveja. Estou aproveitando a festa e ganhando o meu”, frisou.

A 81ª Companhia Independente da Polícia Militar e a Rondesp RMS marcaram presença no Carnaval do Capelão para garantir a segurança dos foliões. Agentes da Secretaria de Trânsito, Transporte e Ordem Pública (SETTOP) e uma ambulância da Secretaria de Saúde (SESA) acompanharam o percurso do arrastão e os shows no trio parado. Equipe dos Direitos Humanos atuaram no evento. O trio elétrico foi vistoriado pelo Corpo de Bombeiros.