quinta-feira, 21 de janeiro de 2021
Bahia

MORRE ADVOGADO BENJAMIN QUEIROZ, 85, DA FAMILIA QUEIROZ DE BARROCAS

Benjamin nasceu em Barrocas, então distrito de Serrinha, e fez parte da primeira turma do Ginásio Estadual de Serrinha, hoje, Colégio Rubem Nogueira
Tasso Franco , da redação em Salvador | 24/02/2020 às 18:16
Benjamin Brito Queiroz 85 anos de idade
Foto: fACEBOOK
  Faleceu nesta segunda-feira, 24, em Salvador, no Hospital Cardio Pulomonar vitima de um AVC, oex-bancário do Banco do Brasil e advogado Benjamin Brito Queiroz, 85 anos, com seputamento a ser realizado na terça-feira, 25, no Cemitário Jardim da Saudade.

   Contador de antigos casos de Serrinha onde nasceu no então distrito de Barrocas na década de 1930 integrava a família Queiroz tradicioinal naquele município emancipado de Serrinha na década de 1990. Era uma personalidade permanentemente bem humorada e apreciador das comidas regionais do sertão, em especial, do Pé na Cova, restaurante tradicional de um pernambucano que reside em Serrinha e tem sua comércio ao lado do cemitério.

   Benjamin fazia parte de uma geração de serrinhenses que ingressou no Banco do Brasil, por concurso, nas décadas de 1960/1970, alguns deles já falecidos com César Paes e José Paes Gonçalves, e que ainda estão vivos Claudio Pimentel, Zé Quarteninha, Edmundo Paes e outros.

   Aposentado do BB formou-se em direito e advogou por um tempo até que teve problemas mais graves no coração necessitando de duas cirurgias. Estva internado no Cárdio desde meados de fevereiro, recuperava-se bem, mas, ontem, seu quadro de saúde se agravou e faleceu hoje. Atualmente era companheiro de minha irmã Celeste Queiroz Franco.

   Com Rejane Paes Cardoso (já falecida), também nossa prima, teve quatro filhos todos residentes em Salvador: Ana Luiza, Márcio, Claudio e Flávia. (TF)