sexta-feira, 14 de agosto de 2020

O Egito e suas primaveras, tradição e mudanças

Cristina Calacio
27/05/2016 às 19:52
Andando por ai cheguei ao Egito em Abril/Maio de 2016. Situado na extremidade nordeste da África com litoral para o Mediterrâneo e o mar Vermelho. 

Comecei meus estudos muito tarde (12 anos) e quando no antigo ginásio tive a oportunidade de conhecer o Egito pela primeira vez nos velhos e surrados livros de história geral, fiquei completamente fascinada pela antiga civilização e por sua grandiosidade. “...Deuses! Divindade infinita do universo...”

O Egito é a base para se conhecer uma cultura de mais de 5000 mil anos!

“Nem Osíris sabe como aconteceu...”

O universo egípcio era composto de dualidades, o bem e o mal; o fértil e o estéril; vida e morte; ordem e caos, tudo mantido em harmonia pelos deuses. “... E Maat a personificação da ordem cósmica e da harmonia...”

No Egito atual de longa primavera, o antigo e o moderno se misturam como as areias do deserto ocidental. Muito além das Pirâmides, Esfinge, Museus, Igrejas Cristã, Copta, Mesquitas Otomanas, Mamelucas, muralhas, bazar Khan al-Khalili, tudo junto e misturado a séculos, refletindo tradições e tolerância onde a base é a fé que dá sustentação a todos os níveis.

As tradições lutam contra o enevitável avanço da tecnologia (iphone, tabletes, internet etc...) que influência do estilo de vida, muito embora esta invassão cultural esteja dispónivel para uma minoria, pois a disparidade entre ricos e pobres é intrasponivel.

É fato que os levantes populares de 2011 criaram grandes expectativas e o o povo egípcio espera a longa primavera terminar (desempregos, desvalorização da moeda local, falta de incentivo a economia, principalmente a indústria do turismo, resentimentos, pobreza, falta de oportunidade etc...) é urgente a necessidade do Egito se voltar para um futuro moderno e de oportunidades, mas não ignorando seu passado glorioso.

Mas, a hospitalidade do povo egípcio, os fascinantes templos, o poderoso e fértil rio Nilo torna o Egito um lugar iniguálavel para se conhecer.“...Cadê Tutacamom? Hei Gize! Akhaenaton...Hei Gize!”

O Egito é um lugar singular, patrimônio histórico e cultural da humanidade é para pessoas que desejam sair do lugar comum, com olhar plural. Para aproveitar melhor sua viagem eu recomendo que contrate o serviço USAMA SABER & EQUIPE . 

A contratação deste serviço ira fazer toda a diferença em um país onde não existe familiaridade com o idioma e onde muitas pessoas não falam inglês, o transporte público é confuso, o assédio dos vendedores nas regiões turísticas é intenso e cansativo (nada muito diferente do que acontece em outros lugares do mundo), onde os costumes são diferentes, onde o transito é caótico, o calor intenso e o cardápio, totalmente em árabe.

Poder contar com a experiência de Usama Saber 
https://guiadeturismousamasaber.com/2015/11/02/egito/ como guia, falando português (Espanhol, Inglês e Árabe) e com uma paciência faraônica é a mesma coisa que encontrar um Oasis no meio do deserto pois, ele reune conhecimento, confiabilidade e espertize na industria do turismo egípcio.

A equipe SABER, lhe oferecera todo o suporte com preço justo e confiável em reservas de hoteis, tours, restaurantes, cruzeiro, passeios, visto e recomendações úteis para que você, sua família, possam conhecer o Egito um países ímpar no mundo em termos de riquezas e templos milenares.

“...Eu falei Faraó