quinta-feira, 26 de novembro de 2020

O ÚLTIMO FILME DE WOODY ALLEN É FILMAÇO DOS BONS

Diogo Berni
03/06/2010 às 09:23
EFE
Woody Allen e sua forma de mostrar a realidade e a ficção na telinha
Woody Allen: "Mandei avisar pro mundo inteiro, que amizade vale mais que dinheiro".
 
Acabei de assistir um filminho muito bom do Woody Allen. Filmaço na verdade, que fazem nos vermos pequeninos. A estória de um cara, tenho serias dúvidas, que esse tal cara era o Woody sem tirar nem por nada..., mais a estória de um cara que pirou com os valores morais de casamento e da sociedade,por isso então tentou se matar, porém não obteve êxito, pois existia um toldo no meio.

Depois disso, e para se manter coerente com a sua frustrada tentativa de "sair de dessa para uma melhor" começou a ensinar xadrez para crianças; pois sim, esse cara era um físico "gênio" o qual sabia tudo e para ele todos eram estúpidos, conclusão esta, muito bem defendida pelo tal Woody Allen irreal, fictício ou o nome que queiram dar a um sujeitinho careca, mal-humorado e com algumas superstições e paranóias.
 
Ele ficava nessa, dando aula de xadrez, esculhambando os amigos nos restaurantes por serem o que eles eram, e de repente aparece uma moça pedindo abrigo pra ele.

O Woody se casa com ela, que é bem mais nova que ele e obviamente estúpida. E aí eles se separam, e ele diz que já sabia que iria acontecer e de repente acaba o filme assim como essa critica. O filme se chama Tudo vai dar certo ou tudo pode dar certo ou alguma coisa dessa.

É o filme do Woody Allen que está em cartaz, não tem erro de ser ruim. Além do mais ele inova na forma de fazer um filme, ora por vezes o ator falando diretamente ao telespectador, ora pela forma convencional de filmar.