quarta-feira, 20 de novembro de 2019
Colunistas / Cantinhos da Bahia
Agapito Paes

Janela da DONA DIL, em SERRINHA, um amor de lugar

Dona Dil, rua Mario Andreazza, 364, Serrinha, Bahia, ao lado do colégio Rubem Nogueira
02/11/2019 às 20:12
 O Cantinho da Bahia deste final de semana vai para a janela da Dona Dil, em Serrinha, situada na Rua Mario Andreazza, 364, da empreendedora Dilcélia Paes. Trata-se de um local aconchegante com mesinhas na soleira da janela onde seus clientes podem saborear tortas, brigadeiros, empadas e cupcakes a preços que variam de R$2,50 a R$3,50 cada um deles.

   Dil também aceita encomendas para casamentos, eventos empresariais, aniversários e outros. Na época junina vende o licor da dona Leda, em doses, agora de forma permanente. Nesta cantinho que existe há 4 anos reúne as "meninas" do bloco carnavalesco "Os Mascarados" que desfile em Serrinha, na época do Momo, há 18 anos.

   "Toda sexta feira a mulherada se reúne aqui no Dona Dil, às vezes 10 delas; outras 20, a depender da sexta, para troca de ideias lanches e uma cervejinha gelada", diz Dil com ponta de orgulho em poder reunir uma turma tão amiga e agradável.

   Ao lado da dona Dil fica o Rock's Bar que já pertenceu a Dil e tinha outro nome, área que ela arrendou, e, aos sábados tem apresentação ao vivo de Vitor Lopes e sua guitarra, este, filho de Chicão do Vagão, outro empreendedor que associado a Dil e a Jorge Rock vão lançar um novo projeto na área de entretenimento no próximo mês de dezembro.

   O fone da Dona Dil é 75.9132.9322. A prosa por lá é gratuita. Dil é viúva mas ressalva que lá não é o cantinho das viúvas. Existem até algumas que frequentam a janela. Mas, há de tudo, de solteiras a casadas, pessoas de alto humor e que sabem curtir a vida.

   Na janela sai casa história muito sugestiva e depois vou contar a de um camarada que paquera uma das mascaradas e tem um burro branco. O gajo quer que sua futura amada desfile pelas ruas de Serrinha ele num cavalo baio e a tal no burro. É de morrer de rir as histórias que rolam na Dona Dil. 

   Hoje, sexta, tem encontro das "Mascaradas" por lá.