segunda-feira, 16 de julho de 2018
TV

'O Outro Lado do Paraíso': Renato é assassinado por Patrick

Emoções fortes no final da novela. Com Purepeople e Patricia Kogut
Da Redação , Salvador | 15/04/2018 às 08:27
Patrick mata Renato
Foto:

Após sequestrar Tomaz (Vitor Figueiredo), filho de Clara (Bianca Bin), o vilão não devolve o menino ao receber o resgate e é seguido pelo irmão de Lívia (Grazi Massafera). Já na casa de Juvenal (Anderson Di Rizzi), Renato (Rafael Cardoso) atinge o rival com um tiro na barriga, mas acaba surpreendido pelo advogado: 'Eu vou sair livre. Foi legítima defesa. Você matou minha tia Beatriz (Nathalia Timberg)'

Renato (Rafael Cardoso) vai ser mais um personagem a morrer nos últimos capítulos da novela O Outro Lado do Paraíso . O marido de Fabiana (Fernanda Rodrigues) é assassinado por Patrick (Thiago Fragoso ), adianta a colunista de TV Patricia Kogut nesta sexta-feira (13). A trama das nove chega ao fim no próximo dia 11. O declínio do vilão tem início quando ele sequestra Tomaz (Vitor Figueiredo) e pede resgate à mãe do menino, Clara (Bianca Bin).


Clara recorre a Gael para salvar o filho

A essa altura do folhetim de Walcyr Carrasco, a vingativa vai ter ganho a guarda do garoto no tribunal e, em seguida, será rejeitada por ele. Tomaz alega que sua verdadeira mãe é Lívia (Grazi Massafera). Como não vai arrumar o valor no tempo determinado por Renato, a neta de Josafá (Lima Duarte) se alia a Gael, com quem pode se casar pela segunda vez em outro final da novela. A mocinha diz ao sequestrador que é o filho de Sophia (Marieta Severo) quem vai se encontrar com ele levando as barras de ouro pedidas pelo bandido. O plano é revelado a Bruno (Caio Paduan), que se junta a dupla. Em seguida, Gael conta que é hora de colocar a estratégia em prática e que está levando uma cópia da chave do seu automóvel. "Óbvio que ele vai pedir a chave do meu carro. Eu entrego. Mas depois vou atrás", diz o irmão de Lívia e Estela (Juliana Caldas). "Eu vou no carro com o Patrick, atrás da viatura", completa a vingativa. O marido de Raquel (Erika Januza) avisa que também irá atrás do veículo de Gael. Por sua vez, o ex-marido de Clara decide levar o celular da mãe de Tomaz para que os demais saibam onde eles estão. Gael estará ainda armado.


Gael é baleado por Renato

No ponto de encontro, o filho de Sophia, vítima de um AVC durante seu julgamento, recebe dois baús. Para simular o peso do ouro, eles são enchidos de placas de metal e para que Renato acredite, só duas fileiras de barras são colocadas na parte superior. O marido de Fabiana decide não entregar o menino e que mais tarde fará um telefonema dando novas indicações. Em seguida, o ex-marido de Clara dá as chaves do carro para o vilão, que terá acolhido Sophia após ela fugir da polícia. Depois que o sequestrador toma distância, Gael o segue sem acionar a luz do seu carro até se encontrarem na casa de Juvenal (Anderson Di Rizzi) após invadir a propriedade. "Resolveu bancar o valente, Gael?", encara Renato ao notar que o irmão de Lívia está armado. "Eu quero meu filho de volta", retruca. "Tenta pegar", responde o sequestrador, atirando e baleando o pai de Tomaz na barriga.

'Vou sair livre', diz Patrick
A essa altura, Clara, Patrick, Bruno e policiais terão seguido a dupla. "Ponha a arma no chão, Renato. Tá preso", ordena o marido de Raquel. E aí que notam Gael ensanguentado e saem em seu socorro. O vilão pega o revólver do filho de Sophia e rende a mocinha: "Abaixem as armas. Ou eu mato a Clara". Ao sacar sua arma, um policial morre. Outro que saca seu revólver sem ser notado é Patrick. O advogado atinge o pescoço de Renato. "Eu vou sair livre. Foi legítima defesa. Mas você mereceu. Você matou minha tia Beatriz (Nathalia Timberg)", diz o magistrado perto do vilão, que morre.