segunda-feira, 21 de janeiro de 2019
Colunistas / Miudinhas
Tasso Franco

Presidente Bolsonaro diz que pode debater fim da Justiça do Trabalho

17. rede hoteleira de Salvador apresentou no ano de 2018 (de janeiro a dezembro) taxa de ocupação 62,14% representando um incremento de 10,29% em relação ao mesmo período do ano anterior de 56,34%.
03/01/2019 às 20:54

Jair Bolsonaro
Foto:
   MIUDINHAS GLOBAIS:

   1. O presidente Jair Bolsonaro sinalizou em entrevista exibida nesta noite de quinta-feira, 3, pelo SBT que pode vir a discutir o fim da Justiça do Trabalho. Ele disse também que quer aprofundar a reforma da legislação trabalhista.

   2. Na primeira entrevista após a posse, Bolsonaro usou exemplos do exterior e disse que os processos trabalhistas têm de tramitar na Justiça comum. Para o presidente, há um "excesso de proteção" aos trabalhadores.

   3. Questionado sobre a possibilidade de o governo dele encapar o fim da Justiça do Trabalho, Bolsonaro respondeu: "Poderia fazer, está sendo estudado. Em havendo clima, poderíamos discutir e até fazer uma proposta".

   4. O presidente repetiu também que a ideia dele é aprofundar a reforma trabalhista, "sem tirar direito de ninguém". "Empregado ganha pouco, mas a mão de obra é cara. É pouco pra quem recebe e muito pra quem paga, tem que mudar isso aí", comentou.

   5. Bolsonaro repetiu e adaptou ainda uma das frases mais usadas por ele na campanha. "Eu dizia que é difícil ser patrão no Brasil. Mais difícil é estar desempregado no Brasil", brincou.

                                                                 ******
  6. A Secretaria da Saúde (Sesau) de Ilhéus intensifica a campanha de combate ao mosquito Aedes aegypti que é o transmissor das arboviroses dengue, zika e febre chikungunya, em todfo o município. A chegada do verão, que é estação mais quente, facilita a eclosão dos ovos, bem como a proliferação de larvas do mosquito. Nesse sentido, a população deve ficar atenta aos recipientes que podem se tornar criadouros do mosquito.

   7. De acordo com o coordenador de Endemias da Sesau, Roberto Reis, “os agentes de combate às endemias continuam com o trabalho intermitente na cidade e com visitas rotineiras a residências, em estabelecimentos do comércio varejista, de modo geral, e em terrenos baldios. Além disso, fazemos tratamento em caixas d’água, tonéis, vasos de plantas, calhas, e destruímos outros objetos inservíveis. Com essas medidas de prevenção é possível evitar a proliferação do mosquito”, informou.

   8. Roberto Reis informa que faz parte da força-tarefa de combate ao mosquito Aedes aegypti a equipe de Ponto Estratégico, que realiza visitas a depósitos de ferros-velhos, borracharias, cemitérios, fábricas, porto, aeroporto, estádio de futebol, postos de combustíveis e garagens de ônibus.

   9. ”Ou seja, locais de grande porte que têm mais vulnerabilidade para a evolução das larvas do mosquito. Além das visitas domiciliares e das atividades de educação, a população deve ficar atenta e fazer a sua parte, realizando limpeza e destruindo os possíveis criadouros do mosquito, uma vez que a grande parte dos focos se encontra nos domicílios”, ressalta Reis.

  10. Educação e Saúde – O coordenador de Endemias acrescenta ainda que a campanha “conta com a equipe de Educação e Saúde, que faz alertas à população em relação às medidas de prevenção e controle da doença”. 

   11. Há visitas diárias nas escolas, associações de moradores e em empresas, com a realização de palestras e orientações com a finalidade de sensibilizar as pessoas para o combate aos possíveis criadouros do Aedes aegypti. Também são distribuídos folders mostrando a importância de alguns hábitos para o combate do mosquito transmissor.

  12. Com o objetivo de garantir mais segurança para moradores e turistas, foi lançada em Ilhéus a Operação Verão da Polícia Militar, durante solenidade realizada nesta quinta-feira (3), ao lado da Catedral de São Sebastião. 

   13. Presentes no ato, o prefeito Mário Alexandre, comandante Geral da PM, coronel Anselmo Brandão, comandante da CPR Sul, coronel Teixeira, deputada estadual Ângela Souza, secretários, autoridades e líderes comunitários.

   14. A operação continua até o final de fevereiro e acontece em todo a Bahia. Em Ilhéus, o policiamento terá um aumento de 40 por cento no efetivo e será reforçado nos principais pontos turísticos da cidade. Para auxiliar na segurança das praias durante o verão, serão utilizados pela PM um quadriciclo e um jet-ski, que foram entregues pelo governador Rui Costa ao prefeito Mario Alexandre, no lançamento estadual da Operação Verão 2018/2019, realizada no mês de dezembro em Salvador.

   15. Segundo a PM, mais de 24 mil postos de trabalho extras foram disponibilizados com ações preventivas nas áreas litorâneas. O policiamento vai atuar no combate aos crimes, com reforços nas áreas que possuem aumento de fluxo de visitantes, além de intensificação nas operações rotineiras. 

   16. O reforço operacional da Polícia Militar contempla diversas cidades do interior, com especial atenção para os principais polos turísticos que tradicionalmente atraem grande público, a exemplo de Porto Seguro, Ilhéus, Itacaré e Valença.

   17. Tranquilidade - Para o prefeito Mário Alexandre, o sentimento é de felicidade. ”Alegria, segurança, paz e prosperidade para a nossa comunidade. É uma honra ver uma operação desse porte ser lançada em nossa cidade, com a presença do comando geral da Polícia Militar da Bahia. Agradecemos, pois a cidade está cheia de turistas, e nada mais gratificante do que vê-los circular por Ilhéus com tranquilidade”, enfatizou.

   18. O coronel Anselmo Brandão vê Ilhéus como uma referência do turismo. ”Não poderia ser diferente, não poderíamos deixar de realizar esta solenidade aqui. 

   19. Com o objetivo de garantir mais segurança para moradores e turistas, foi lançada em Ilhéus a Operação Verão da Polícia Militar, durante solenidade realizada nesta quinta-feira (3), ao lado da Catedral de São Sebastião. Presentes no ato, o prefeito Mário Alexandre, comandante Geral da PM, coronel Anselmo Brandão, comandante da CPR Sul, coronel Teixeira, deputada estadual Ângela Souza, secretários, autoridades e líderes comunitários.

   20. A operação continua até o final de fevereiro e acontece em todo a Bahia. Em Ilhéus, o policiamento terá um aumento de 40 por cento no efetivo e será reforçado nos principais pontos turísticos da cidade. Para auxiliar na segurança das praias durante o verão, serão utilizados pela PM um quadriciclo e um jet-ski, que foram entregues pelo governador Rui Costa ao prefeito Mario Alexandre, no lançamento estadual da Operação Verão 2018/2019, realizada no mês de dezembro em Salvador.
  
  21. Segundo a PM, mais de 24 mil postos de trabalho extras foram disponibilizados com ações preventivas nas áreas litorâneas. O policiamento vai atuar no combate aos crimes, com reforços nas áreas que possuem aumento de fluxo de visitantes, além de intensificação nas operações rotineiras. O reforço operacional da Polícia Militar contempla diversas cidades do interior, com especial atenção para os principais polos turísticos que tradicionalmente atraem grande público, a exemplo de Porto Seguro, Ilhéus, Itacaré e Valença.

  22. Tranquilidade - Para o prefeito Mário Alexandre, o sentimento é de felicidade. ”Alegria, segurança, paz e prosperidade para a nossa comunidade. É uma honra ver uma operação desse porte ser lançada em nossa cidade, com a presença do comando geral da Polícia Militar da Bahia. Agradecemos, pois a cidade está cheia de turistas, e nada mais gratificante do que vê-los circular por Ilhéus com tranquilidade”, enfatizou.

   23. O coronel Anselmo Brandão vê Ilhéus como uma referência do turismo. ”Não poderia ser diferente, não poderíamos deixar de realizar esta solenidade aqui. Fico m

   24. A rede hoteleira de Salvador apresentou no ano de 2018 (de janeiro a dezembro) taxa de ocupação 62,14% representando um incremento de 10,29% em relação ao mesmo período do ano anterior de 56,34%. A diária média nesse período permaneceu praticamente estável (R$ 228,16 em 2018 e R$ 226,41 em 2017), enquanto o Revpar (indicador ponderado de taxa de ocupação e diária média) cresceu 11,14%, passando de R$ 127,56 (2017) para R$141,78 (2018). Esta ocupação de janeiro a dezembro superou todas as taxas dos últimos seis anos, reforçando o crescimento e a retomada do setor.

   25. “A hotelaria da capital baiana fechou o ano em crescimento, tivemos as melhores taxas de ocupação dos últimos sete anos e um incremento de 11% no Revpar, entretanto, ainda temos que melhorar o crescimento da diária média. Será um dos grandes desafios em 2019” afirma Glicério Lemos, presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH-BA).

   26. Em dezembro de 2018, a taxa de ocupação foi de 64,40% comparando-se com o mesmo período do ano anterior, que foi 59,09% teve um incremento de 8,99%. A diária média teve um crescimento de 8,02% (R$ 246,32 em 2018 e  R$ 228,03 em 2017) enquanto o Revpar cresceu 17,73%, passando de R$ 134,74 em dezembro de 2017 para R$ 158,63 em dezembro de 2018.