segunda-feira, 22 de abril de 2019
Saúde

Lauro de Freitas:Hospital Jorge Novis amplia atendimento oftalmológico

Hospital Municipal Jorge Novis amplia atendimento oftalmológico em Lauro de Freitas
Imprensa Lauro , Lauro de Freitas | 12/04/2019 às 13:32
Lauro de Freitas:Hospital Jorge Novis amplia atendimento oftalmológico
Foto: divulgação

Há mais de quatro anos Geovani Melo não mudava seus óculos de grau. De acordo com ele, que é morador do bairro de Vida Nova, em Lauro de Freitas, a distância, falta de tempo e oportunidade foram os principais impedimentos para colocar os exames das vistas em dia. Essa realidade, para seu Geovani e para os pacientes regulados no município ficou para trás com a implantação do atendimento oftalmológico no Hospital Municipal Dia Jorge Novis (HJN) a partir desta quinta-feira (11). A unidade, que já dispõe de acompanhamento para tracoma e teste do olhinho, incorporou a consulta centralizando os atendimentos num só lugar.

De acordo com a diretora do HJN, Elisa Daltro, a meta é atender cerca de 200 pacientes por semana. “Nós preparamos o hospital para receber esses pacientes. A estrutura conta com recepção, sala de espera e duas salas de atendimento. Ampliamos o número de profissionais para o atendimento nos espaços climatizados e aconchegantes”, destaca ela pontuando que anteriormente o ambulatório de oftalmologia era realizado no Complexo de Saúde e a meta é ampliar os serviços com a oferta de cirurgias para cataratas e Pterígio no olho, por exemplo.

Na sala, de frente com o médico Thiago Magalhães, dona Janeci Almeida era só elogios. Para a moradora do bairro da Itinga o atendimento humanizado na unidade é um diferencial. “A gente se sente bem, desde a sala de espera a consulta é muito respeito. Dá para perceber que tudo é feito com amor e dedicação”, disse a dona de casa diagnosticada com pterígio no olho (carne no olho), após exame minucioso nos equipamentos que realizam também o mapeamento de retina e tonometria.

O oftalmologista explica que com as técnicas de exame é possível diagnosticar doenças como glaucoma, catarata e retinopatia. “Numa consulta é possível identificar as diferentes causas de redução visual ou outros sintomas oculares e propor tratamentos clínicos ou cirúrgicos”, conta. Os exames são marcados na Central de Regulação ou nos nove posto de agendamento instalados em UBSs nos bairros da Itinga, Caji/Vida Nova, Areia Branca, Portão, Centro e Vila Nova de Portão.