ter?a-feira, 25 de junho de 2019
Saúde

Requisições de inspeção médica passam a ser feitas eletronicamente

A partir de segunda (07), solicitações devem ser realizadas exclusivamente por meio do Portal de Serviços do RH Bahia
Ascom Saeb , Salvador | 07/01/2019 às 14:55
Requisições de inspeção médica passam a ser feitas eletronicamente
Foto: divulgação

A partir desta segunda-feira (07.01), todas as solicitações dos servidores estaduais para a realização de perícia médica deverão ser geradas exclusivamente em meio  eletrônico no Portal de Serviços do RH Bahia (www.rhbahia.ba.gov.br). Com a mudança, a Junta Médica do Estado não irá aceitar mais os formulários em papel do Requerimento de Inspeção Médica (RIM). A medida é decorrente da implantação pelo governo baiano do seu novo sistema de gestão de pessoas, o RH Bahia, que irá automatizar mais de 90% dos processos da área de Recursos Humanos do Estado, com impacto nas rotinas de cerca de 270 mil servidores ativos, inativos e pensionistas.

A Requisição de Inspeção Médica é o documento que todo servidor utiliza quando tem um problema de saúde e precisa se submeter à avaliação da Junta Médica. Antes da entrada em operação do novo sistema, para requerer uma inspeção, o servidor precisava preencher um formulário de papel, colher a assinatura do seu chefe e levar à Junta Médica. Com o RH BAHIA, a solicitação passa a realizada virtualmente.

“O requerimento eletrônico é uma das facilidades oferecidas pelo RH Bahia, pois permite que o servidor encaminhe seu pedido sem precisar se deslocar”, ressalta a coordenadora administrativa do Estado, Michele Castro. De acordo com Michele, assim que o requerimento for feito pelo servidor no Portal – e aprovado virtualmente pelo seu chefe - uma mensagem de aviso será enviada  para ele e a  equipe da Junta Médica. “A partir daí, basta comparecer à unidade e se submeter à perícia num prazo de três dias, com os documentos solicitados”, explica.

Exames pré-admissionais -  No caso de realização de exames pré-admissionais,  a Coordenação de Recursos Humanos de cada órgão também deverá utilizar o Portal de Serviços para solicitar virtualmente a inspeção para o candidato. Para completar, a implantação do RH Bahia trará outros avanços para a gestão de Saúde do Estado. Com o novo sistema, por exemplo, lideranças poderão gerar relatórios gerenciais com o quantitativo de casos de afastamento na sua equipe. “Os dados vão ajudar na realização de diagnósticos e até na definição de estratégias preventivas”, conta Michele. Em paralelo, ressalta a coordenadora, a própria equipe da Junta Médica vai se beneficiar dos recursos proporcionados pelo novo software para ter acesso a uma grande variedade de dados relativos à gestão do afastamento no Estado.

Projeto pioneiro na administração pública nacional, o RH Bahia  é uma versão customizada do módulo Human Capital Management (HCM) do SAP, um software de gestão de padrão internacional, fabricado pela alemã SAP AG. Além de permitir aos servidores o acesso on-line facilitado a informações e serviços como programação de férias, solicitação de licenças e movimentações internas, o novo software vai proporcionar aos cofres públicos uma economia estimada de R$ 84 milhões ao ano, em razão de um novo padrão de confiabilidade e precisão no processamento da folha de pagamento.