quarta-feira, 18 de outubro de 2017
Saúde

Cárdio Pulmonar consolida assistência cardiovascular com programas

Destaque para correção da válvula mitral por cateter, procedimento de vanguarda no Norte/Nordeste
Cardio Pulmonar Comunicação , Salvador | 08/08/2017 às 18:25
Correção da Insuficiência da válvula mitral por cateter
Foto: div
O Hospital Cárdio Pulmonar (HCP) comemora o Dia do Cardiologista, 14 de agosto, com números que consolidam sua atuação como referência no atendimento a pacientes cardiopatas. Anualmente, são mais de 60 cirurgias cardíacas, mais de mil procedimentos no Serviço de Hemodinâmica, entre eles Implante de Valva Aórtica Transcateter (TAVI) e MitraClip, correção da degeneração da válvula mitral via cateter, procedimento pioneiro no Norte/Nordeste. Dez anos após inaugurada, a UTI Cardiovascular mantém taxa de ocupação superior a 80%. “Temos diversos programas assistenciais pioneiros e únicos em Salvador, como o de cardiopatia estrutural, de cirurgia cardíaca minimamente invasiva, de Cardio-Oncologia, além de um setor de cardiologia do exercício e reabilitação cardiorrespiratória e um Centro de Estudos em Cardiologia”, explica o coordenador de Medicina Cardiovascular do HCP, o cardiologista Eduardo Darzé. Em 2007, o HCP realizou a primeira cirurgia cardíaca e iniciou o protocolo de assistência aos pacientes com dor torácica na emergência. “De lá para cá cresceram também o escopo, o volume e a complexidade da nossa atuação. Atingimos um nível de qualidade comparável aos melhores centros do mundo: 70% dos procedimentos coronários são feitos por via radial, a taxa de complicações hemorrágicas nas síndromes coronárias agudas é de 1% e os pacientes de cirurgia cardíaca recebem alta, em media, no sexto dia”, cita. O cardiologista Eduardo Darzé destaca ainda a ausência de registro de infecções relacionadas a cateteres na UTI Cardiovascular há quase dois anos e a taxa de adesão a higienização das mãos superior a 80%. Outros números A Medicina Cardiovascular é responsável por 20% das 7 mil consultas realizadas mensalmente no Centro Médico Cárdio Pulmonar. São mais de 1.400 ecocardiogramas, mais de 1.700 eletrocardiogramas e mais de 1.200 testes ergométricos todos por mês. A equipe de Cardiologia conta com mais de 100 profissionais médicos entre cardiologistas clínicos, intervencionistas, imaginologistas, especialistas em métodos gráficos, cirurgiões cardíacos e vasculares, arritmologistas, cardiopediatras e anestesistas. Dezenas de profissionais que compõem a equipe multidisciplinar, como fisioterapeutas, psicólogos, enfermeiras, nutricionistas, também trabalham especificamente com pacientes cardiovasculares.