quinta-feira, 13 de dezembro de 2018
Salvador

Obras viárias em Stella Maris estão 95% concluídas

A intervenção está prevista para ser entregue à população ainda este mês
Secom Salvador , Salvador | 06/12/2018 às 09:11
Obras Stela Maris
Foto: Jefferson Peixoto

As obras viárias no bairro de Stella Maris, que envolvem a requalificação da Alameda Dilson Jatahy Fonseca e construção da nova Avenida Alameda Praia do Flamengo, estão 95% concluídas. Em fase de pavimentação asfáltica, a intervenção está prevista para ser entregue à população ainda este mês, bem antes do prazo inicialmente previsto no projeto, que era em fevereiro.

Para manter o ritmo acelerado das obras, a Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador) interditou o trecho entre as avenidas Dorival Caymmi e Carybé. Em decorrência disso, os condutores que forem de Itapuã sentido aeroporto precisam seguir direto pelo Viaduto Mário Andreazza, fazer os retornos pelas alças de acesso até chegar à Av. Carybé, de onde podem seguir direto. 

Se as condições climáticas permanecerem favoráveis, já na próxima segunda-feira (10) o trecho será completamente liberado para o tráfego. Enquanto isso, a Transalvador mantém a sinalização e agentes de trânsito na região orientando os condutores.

Benefícios - A nova Avenida Alameda Praia do Flamengo, que vai passar a ligar a orla à Paralela e está sendo construída pela Prefeitura, desafogará o fluxo da Alameda Dilson Jatahy Fonseca, trazendo melhorias para a mobilidade e qualidade de vida a quem trafega pela região. Segundo a Transalvador, o congestionamento de cerca de 3 km existente na Paralela, entre o Bairro da Paz e a entrada de Stella Maris, vai deixar de existir após a intervenção.

Isso porque a Alameda Dilson Jatahy Fonseca, também conhecida como Alameda da Praia, terá sentido único em direção à orla, enquanto a Alameda Praia do Flamengo fará o percurso inverso, também em sentido único. Atualmente, a Dilson Jatahy Fonseca serve como acesso e saída de Stella Maris, o que causa os engarramentos principalmente nos finais de semana, por conta do acesso à praia. Por ela, circulam atualmente 25 mil veículos por dia.

O projeto das mudanças viárias foi elaborado pela Transalvador e as obras de infraestrutura estão sendo executadas pela empresa Campbell, sob coordenação da Superintendência de Obras Públicas (Sucop), autarquia vinculada à Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra). Além da pavimentação da avenida, as melhorias contemplam iluminação em LED, sistema de drenagem e construção de 11,7km de passeios com piso tátil.