segunda-feira, 23 de setembro de 2019
Política

Radialista José Oswaldo agraciado com Medalha Thomé de Souza pela CMS


Jornalista recebeu maior honraria da Câmara de Salvador por iniciativa do presidente Geraldo Júnior
Da Redação , Salvador | 22/05/2019 às 23:37
Presidente Geraldo Jr foi o autor da iniciativa
Foto: CMS

A contribuição do jornalista e radialista José Oswaldo Alves para a comunicação baiana foi reconhecida pela Câmara de Salvador, na noite desta quarta-feira (22), com a Medalha Thomé de Souza, maior honraria da Casa. A homenagem foi requerida pelo presidente do Poder Legislativo municipal, vereador Geraldo Júnior (SD).

O homenageado de 83 anos foi conduzido ao Plenário Cosme de Farias por familiares e vereadores, ao som de “Amigos para Sempre”. A solenidade contou com a presença de representantes do Poder Público e profissionais da comunicação.  

Conforme destacou Geraldo Júnior, Zé Oswaldo, como o jornalista é mais conhecido, é um exemplo. “É uma referência como ser humano e pai de família, amigo dos amigos e excelente profissional. Zé Oswaldo tem relevantes serviços prestados para a Bahia, na sua vida pessoal, profissional, como comunicador, como radialista, pelo amor que ele tem pela radiodifusão. Esse reconhecimento da Câmara é uma unanimidade que prevalece de acordo com sua história”, frisou o idealizador da sessão, que estendeu a homenagem à família do homenageado.

Família

A Medalha Thomé de Souza foi conferida a José Oswaldo Alves das mãos da esposa, Teresinha Figueiredo Alves; da filha Cristiana Figueiredo; e dos filhos, o apresentador de TV e radialista José Eduardo, o “Bocão”, e Gustavo Alves, diretor do site BNews.  

“Estou muito feliz com esta homenagem da Câmara e agradeço ao presidente Geraldo Júnior, um político e homem de bem”, declarou o homenageado. “É uma emoção muito grande saber que ele está recebendo esta honraria tão importante, pelo que ele construiu na vida, pelo que ele fez pela família e pelo que nos ensinou, a ter caráter e ajudar o próximo”, disse Zé Eduardo, antes de completar: “É o homem que me fez homem”.

O evento contou com apresentação da Banda de Música da Guarda Civil Municipal, sob a regência do maestro Hamilton Fernando.

Trajetória

Zé Oswaldo nasceu em Salvador e cresceu no bairro da Mouraria. Formou-se em jornalismo no Instituto Técnico Profissional, no Rio de Janeiro. O comunicador é proprietário do site de esporte olímpico Zé Oswaldo.

Em sua trajetória, o comunicador trabalhou como repórter no Diário de Notícias e no departamento de publicidade da Tribuna da Bahia. Na condição de radialista, atuou na Bandeirantes, Cultura, Bahia e Sociedade. Na carreira pública foi aprovado no concurso público do Departamento de Habitação e Urbanização do Estado da Bahia (Urbis), onde atuou por 34 anos.

Durante a cerimônia, um vídeo reuniu declarações de amigos e familiares, que salientaram o trabalho de Zé Oswaldo em prol do desenvolvimento do esporte.  

Enquanto Geraldo Júnior discursava, a mesa foi dirigida pelo vereador José Trindade (sem partido). Também participaram os vereadores Henrique Carballal e Paulo Magalhães Júnior, ambos do PV; Carlos Muniz e Toinho Carolino, do Podemos; Joceval Rodrigues (Cidadania), Alexandre Aleluia e Duda Sanches, do DEM; Odiosvaldo Vigas (PDT), Pedro Godinho (MDB), Marcelle Moraes (sem partido) e Moisés Rocha (PT); além do secretário de Relações Institucionais da Câmara, Heber Santana. O secretário municipal de Turismo, Claudio Tinoco, também marcou presença.

A composição da mesa contou ainda as presenças do secretário estadual de Comunicação, André Curvello; o coronel Anselmo Brandão, comandante-geral da Polícia Militar da Bahia; Adileiva Lopes Miranda, assessora do secretário estadual de Turismo Fausto Franco; e o deputado estadual e ex-presidente da Casa, Paulo Câmara.