ter?a-feira, 18 de junho de 2019
Economia

Empresa de mineração vence licitação para explorar minerais em Irecê

Empresa de mineração vence licitação na CBPM para explorar zinco, chumbo e fosfato em Irecê
Ascom SDE , Salvador | 07/06/2019 às 10:49
Mineralizações de zinco e chumbo
Foto: divulgação
A exploração de minérios de zinco, chumbo e fosfato na região de Irecê e Lapão, a 500km de Salvador, será feita pela Pedra Cinza Mineração (PCM). A empresa foi declarada vencedora da licitação homologada nessa terça, 4 de junho, pela Companhia Baiana de Pesquisa Mineral (CBPM), empresa vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE). A licitação marca o retorno da CBPM à prospecção de novos negócios. Quando estiver em operação, a mina deve render mais de R$17 milhões por ano ao estado como royalties.
Vencedora do certame, a PCM deverá pagar R$4 milhões à CBPM quando for obtida a primeira portaria de lavra, 2,55% do faturamento obtido com a venda do concentrado zinco e chumbo e R$18,50 por tonelada de concentrado fosfático.
A CBPM foi responsável pelas primeiras análises dos minérios na região de Irecê, que apontaram a possibilidade econômica para a extração de fosfatos e de sulfetos de zinco e chumbo. A Pedra Cinza fará pesquisas complementares na região que envolve um orçamento total da ordem de R$6,6 milhões e a realização de 12 mil metros de sondagem. Ao final das pesquisas, a empresa ainda precisará receber a portaria de lavra, emitida pela Agência Nacional de Mineração (ANM), e assinar o contrato de arrendamento, para então iniciar a exploração econômica da jazida.
Segundo o diretor presidente da CBPM, Antônio Carlos Tramm, esta primeira licitação, assim como as demais que estão programadas para 2019, demonstra a viabilidade econômica não só da CBPM, mas da mineração. “Esta é uma atividade fundamental para o desenvolvimento da política de emprego e renda do estado da Bahia”, diz.
Além da licitação vencida pela PCM, a CBPM está com uma concorrência aberta para envio de propostas até o dia 4 de julho para exploração de areia industrial no município de Belmonte, extremo sul do estado. Ainda para este ano estão previstas a abertura de mais quatro licitações: para exploração de Ouro em Iramaia/Maracás, Esmeraldas em Pindobaçu, Ferro em Ibipitanga e Cobre, Níquel e Cobalto de Caboclo dos Mangueiros, em Pilão Arcado/Campo Alegre de Lourdes, no norte do estado.