segunda-feira, 16 de julho de 2018
Economia

Plástico Verde da Braskem embala nova linha de pães da Nutrella

O biopolímero 100% reciclável será utilizado nas embalagens da nova linha de pães com farinhas de grãos germinados que segue o movimento Clean Label
Da Redação ,  Salvador | 13/04/2018 às 10:22
Nutrella
Foto:


A Braskem, maior produtora mundial de biopolímeros, passa a fornecer o Plástico Verde I'm green™ para a Nutrella, marca de pães especiais do Grupo Bimbo - líder mundial em panificados. A matéria-prima é utilizada na linha de pães Nutrella Viva, produzida com farinhas de grãos germinados e seguindo o conceito de Clean Label.

O movimento Clean Label surgiu impulsionado por consumidores que buscam alimentos produzidos com ingredientes naturais e simples, fáceis de reconhecer, compreender e pronunciar. Os pães da linha Nutrella Viva são produzidos com cereais e derivados (incluindo as farinhas de grãos germinados), açúcar mascavo, óleo de girassol, vinagre de maça e sal. Além do sabor tradicional, existem mais duas variações, o multigrãos – que conta com centeio, aveia, cevada e semente de girassol –, e o de frutas –com damasco e uvas-passas.

“Estamos antenados ao que o consumidor busca e sabemos que ele preza por uma alimentação mais balanceada. Os pães com grãos de cereais germinados têm um potencial nutritivo muito maior e são mais facilmente digeridos pelo nosso organismo, além de terem mais vitaminas, minerais e aminoácidos”, explica Bruna Tedesco, diretora de Marketing do Grupo Bimbo.

O Plástico Verde embala essa proposta mais natural dos pães Nutrella Viva e sua adoção poderá ser identificada pelo consumidor por meio do selo "I'm green™", visível no produto. A resina de origem renovável captura e fixa 3,09 toneladas de CO2 da atmosfera para cada tonelada produzida, colaborando para a redução da emissão dos gases causadores do efeito estufa, mas mantendo todas as propriedades técnicas e mecânicas do plástico convencional, de origem fóssil, o que permite a sua utilização e reciclagem sem que sejam necessárias alterações estruturais ou operacionais.

"A proposta da linha Nutrella Viva está alinhada com o propósito do Polietileno Verde, que atende uma demanda cada vez maior do consumidor por soluções inovadoras e sustentáveis. Por esse motivo, a adoção do biopolímero tem crescido em todo o mundo, estando presente em mais de 150 marcas na Europa, nos Estados Unidos, na Ásia, na África e na América do Sul", reforça Gustavo Sergi, diretor de Químicos Renováveis da Braskem.

Os pães da linha Nutrella Viva já estão disponíveis nas lojas de São Paulo e Rio de Janeiro, com o preço sugerido de R$ 9,49 por unidade.

Sobre o Plástico Verde

O Polietileno Verde I’m green™ é feito a partir do eteno obtido da cana-de-açúcar. Seu grande diferencial é contribuir para a redução da emissão dos gases do efeito estufa na atmosfera, já que captura gás carbônico durante o seu processo produtivo. Ele também apresenta as mesmas características do polietileno tradicional, ou seja, não necessita de adaptações de maquinário e é 100% reciclável. A planta de Plástico Verde da Braskem possui capacidade de produção de 200 mil toneladas por ano.