quarta-feira, 18 de setembro de 2019
Colunistas / Cinema
Diogo Berni
RENOIR decepciona pela expectativa de sua vida

Vendo ou Alugo, da Betse de Paula, Brasil, 2013: estranho que tenha levado tantos prêmios em Pernambuco

Adeus Minha Rainha é uma aula de história atual

Sempre será uma satisfação rever Surf Adventures,do Arthur Fontes, Brasil 2002 .É verdade: passaram-se 11 anos da fita e é uma fita de estupenda poesia

O CONCURSO, uma comédia bem brasileira

O Troco, de André Rolin, Brasil , 2008. Inverta as posições: imagine-se alugando um operador de telemarketing. Pois bem: este é o tema desse curta metragem

Truque de Mestre com ilusão atrás das câmeras

O homem do futuro, escrito e dirigido por Cláudio Torres, Brasil, 2011; Impressionou-me positivamente.

CINEMA: Amor Profundo, um filme que obriga a pensar

Toda mulher é histérica. Parece clichê e de fato é, todavia é o que aborda a fita Augustine, dirigida e roteirizada pela Alice Winocour, com um leve papel discreto da bela atriz Chiara Mastroianni, França, 2012.

Os amantes passageiros e a abordagem gay

Muito interessante este filme dirigido pelo espanhol Almodóvar

CINEMA: O homem que ri, atual diante dos protestos

Se Beber não Casa, não recomendo a ninguém.

CINEMA: Odeio o dia dos Namorados, passe longe

Veja também comentários sobre Argo, Benn Affleck, EUA, 2012; e Killer Joe – Matador de aluguel, William Friedkin, EUA, 2011

OLD BOY, um filme com cenas fortes de violência

IGodzila: para quem não gosta de cinema

GRANDE GATSBAY é uma bela fita tocante e poética

Depois da Terra (After Earth) é bem interessante

FAROETSE CABOCLO: passe longe do cinema. É ruim.

Por entrevistas pescadas antes de conferir o filme o seu protagonista afirmara que João do Santo Cristo seria o alter-ego de Renato Russo

Uma nova versão de Bonitinha, mas Ordinária

Até no gênero comédia nossos “hermanos” portenhos são mais criativos que nós. Hoje conferi a fita 2 mais 2 (Dos más dos), dirigido e roteirizado pelo Diego Kaplan, Argentina, 2013

Uma garrafa jogada no mar de Gaza, comentário de DIOGO BERNI

Diogo Berni comenta e sugere três filmes

CINEMA: Hoje, da Tata Amaral, vale pelo lado politico

Não saberia dizer (fora a politica) porque Hoje ganhou tantos prêmios em Brasília

COSMÓPOLIS: o fim do capitalismo e a vida numa limusine

Cosmópolis é um filme interessante e mostra a vida de um nerd e a obsessão ao trabalho e a tudo numa limusine

CINEMA: AMOR é tudo que você precisa, no comentário de DIOGO BERNI

A fotografia de uma cidadela ou aldeia marítima na Itália é algo como uma pintura em tela de cinema, os locais são belíssimos,

CINEMA: Meu Pé de Laranja Lima é emocional e não triste

Destaque para a atuação do protagonista mirim, João Guilherme Ávila , fazendo o papel do garoto e ser humano sensacional Zezé.

O Carteiro (fita nacional) retrata época sem a internet

O Carteiro, de Reginaldo Farias, é uma fita que mostra a vida antes dos novos meios de comunicação

Uma história de amor e fúria, boa animação nacional

Veja também outras sugestões de fitas do colunista