domingo, 24 de fevereiro de 2019
Bahia

FEIRA: Cidadão deve informar no Fala Feira 156 situações com chuvas

com informações da Secom FSA
Da Redação , Feira | 08/02/2019 às 09:42
Limpeza de bueiros
Foto: Secom
Cidadão deve informar no Fala Feira 156 situações decorrentes das chuvas

Com a chegada das chuvas de verão em Feira de Santana e região, a Defesa Civil está em alerta para possíveis ocorrências no município. O coordenador do órgão, Pedro Américo, chama a atenção da população para informar as situações através do Fala Feira 156 (aplicativo, site e telefone). Apenas quatro registros foram contabilizados por conta da chuva registrada na tarde desta quarta-feira, 6.

“As pessoas reclamam nas redes sociais, mas não registram nos nossos canais. Esse registro é fundamental para que o poder público possa subsidiar a tomada de decisão”, alerta Pedro Américo.

Mesmo sem muitas ocorrências, o coordenador afirma que a Defesa Civil, em trabalho conjunto com a Secretaria de Serviços Públicos, fez o monitoramento dos pontos críticos da cidade, principalmente os locais recorrentes.

De acordo com as previsões do tempo, não há possibilidade de chuva nos próximos dias. Porém, o coordenador ressalta que as influências meteorológicas no semiárido, principalmente no verão, podem permitir pancadas de chuva.

Prefeitura já iniciou a limpeza de boeiros

Na tarde de quarta-feira, 6, a força tarefa da Secretaria de Desenvolvimento Urbano já estava a todo vapor trabalhando na limpeza de boeiros. O serviço é realizado em pontos críticos da cidade.

A atuação começou no Centro de Abastecimento, Feirinha da Cidade Nova, praça João Havelange, rua Castro Alves, rua Georgina Erisman, praça do Tomba, praça Ana Brandoa e Feirinha da Estação Nova.

Projeto do BRT está de acordo com a legislação federal e municipal

Não existe mais nenhum óbice para o BRT de Feira de Santana. Todas as questões referentes ao projeto do Bus Rapid Transit estão sanadas. Depois do Ministério Público Estadual sacramentar o projeto, a vez do Ministério das Cidades.

O prefeito Colbert Martins Filho recebeu da Secretaria Nacional de Mobilidade Urbana do Ministério das Cidades o encaminhamento para a conclusão do contrato do BRT entre a Prefeitura e a Caixa Econômica Federal e sua conformidade com as diretrizes do Programa PAC 2 Mobilidade Médias Cidades.

Em ofício, o secretário nacional substituto Cléver Ubiratan Teixeira de Almeida, reforça que "a proposta cumpriu os requisitos de enquadramento e seleção do PAC 2".

Dessa forma, a constatação de que projeto está de acordo com a legislação federal e municipal, compatível com o Plano Diretor.

Aprovado desde 2012, em governo do prefeito José Ronaldo, o projeto enfrentou vários questionamentos da oposição, com ações no Ministério Público. Questionamentos que acarretaram o atraso da obra.