ter?a-feira, 23 de abril de 2019
Bahia

LAURO DE FREITAS: Areia Branca ganha Centro de Iniciação ao Esporte

Bairro passa por várias obras
Da Redação , Salvador | 07/02/2019 às 07:50
Prefeita Moema vistoria obra
Foto: PMLF
O Centro de Iniciação ao Esporte (CIE), em construção no bairro de Areia Branca, recebeu nesta quarta-feira (6) a visita da prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho, e da equipe técnica da Secretaria Municipal de Infraestrutura.

Moema também vistoriou as obras de pavimentação da Avenida Peixe, no mesmo bairro. As duas obras estão em fase de conclusão e representam uma mudança significativa na qualidade de vida da comunidade.

Na Avenida Peixe, primeira parada da equipe, serviços de terraplanagem, pavimentação, drenagem, calçadas, escadarias e urbanização foram executados nos 192 metros da via. Para conclusão da obra faltam apenas a sinalização vertical e horizontal e a troca da iluminação atual por um sistema mais moderno.

“A via está quase pronta, mas antes de inaugurar vamos atender outro pedido da população, feito através do vereador Antônio Rosalvo, e pavimentar outra rua próxima. Ainda no mês de março entregaremos à população”, explicou a gestora. O vereador Antônio Rosalvo e o secretário de Infraestrutura, Vidigal Cafezeiro acompanharam a visita.

A presença da equipe atraiu moradores que agradeceram as obras à prefeita. Augusto Cesar, ou Pai Cesar como é conhecido na região, enfatizou a atenção da  gestão com o bairro. “Meu terreiro fica no final da Avenida que agora, graças a Deus, foi asfaltada. Tá uma maravilha”.

SAÚDE E INCLUSÃO

Atenta a cada detalhe, a prefeita destacou o potencial transformador das obras, em especial do CIE, onde estão sendo investidos mais de R$3 milhões, recursos do PAC II. “O esporte é uma das formas mais eficientes de se promover inclusão de jovens, e Areia Branca precisava de um equipamento esportivo de grande porte como esse. Quero ver muitos talentos sendo revelados aqui. Como certeza será um grande espaço para nossa criançada, nossa juventude e adultos também”, ressaltou Moema. 

Na área de 6 mil metros quadrados já se destacam a estrutura da quadra poliesportiva e os módulos que vão abrigar sala de primeiros socorros, vestiários comuns e acessíveis femininos e masculinos, enfermaria, copa, depósito e mezanino onde serão instaladas a academia e sala dos profissionais.

As obras estão em fase de acabamento e instalação do telhado. No equipamento serão disponibilizadas, além de atividades de inclusão social, dez modalidades esportivas, entre elas o vôlei sentado (esporte paraolímpico praticado por pessoas com deficiência de locomoção) ginástica rítmica, judô e esgrima.